Rolling Stone: cinebiografias musicais que valem a pena

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Leonardo Daniel Tavares da Silva, Fonte: Revista Rolling Stone
Enviar Correções  

A revista Rolling Stone brazuca publicou em março de 2012 uma pequena galeria com alguns filmes que retratam a vida de rockstars e personalidades do mundo da música.

Alguns filmes são especialmente comoventes por apresentar as situações e dilemas bem dramáticos vividos pelos astros retratados (como a morte do irmão de Ray Charles ou a obsessão de Johnny Cash por June Carter), outros como fonte para conhecer mais sobre os nossos ídolos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Os artistas e filmes citados na matéria são:

JOHN LENNON - O Garoto de Liverpool (2005)
JIM MORRISON - The Doors (1991)
CAZUZA - Cazuza – O Tempo Não Para (2004)
JOHNNY CASH - Johnny & June (2005)
JERRY LEE LEWIS - A Fera do Rock! (1989)
SID VICIOUS - Sid & Nancy (1986)
RAY CHARLES - Ray (2004)

A esta lista eu acrescentaria:

- O excelente filme Cadillac Records, que conta um pouco das raízes do Blues, mostrando MUDDY WATERS, CHUCK BERRY e a recém-falecida ETTA JAMES. Mais sobre esse filme em
http://pt.wikipedia.org/wiki/Cadillac_Records

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

- La Bamba, que narra a história do cantor RITCHIE VALLENS, morto prematuramente "no dia em que a música morreu" (mais sobre isto em outra nota futura). Mais sobre esse filme em
http://pt.wikipedia.org/wiki/La_Bamba_(filme)




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Iron Maiden: pastor evangélico tem 172 tatuagens da bandaIron Maiden
Pastor evangélico tem 172 tatuagens da banda

Ultimate Classic Rock: os 100 maiores clássicos do rockUltimate Classic Rock
Os 100 maiores clássicos do rock


Sobre Leonardo Daniel Tavares da Silva

Daniel Tavares nasceu quando as melhores bandas estavam sobre a Terra (os anos 70), não sabe tocar nenhum instrumento (com exceção de batucar os dedos na mesa do computador ou os pés no chão) e nem sabe que a próxima nota depois do Dó é o Ré, mas é consumidor voraz de música desde quando o cão era menino. Quando adolescente, voltava a pé da escola, economizando o dinheiro para comprar fitas e gravar nelas os seus discos favoritos de metal. Aprendeu a falar inglês pra saber o que o Axl Rose dizia quando sua banda era boa. Gosta de falar dos discos que escuta e procura em seus textos apoiar a cena musical de Fortaleza, cidade onde mora. É apaixonado pela Sílvia Amora (com quem casou após levar fora dela por 13 anos) e pai do João Daniel, de 1 ano (que gosta de dormir ouvindo Iron Maiden).

Mais matérias de Leonardo Daniel Tavares da Silva no Whiplash.Net.

Goo336 Goo336