Matérias Mais Lidas

Youtuber expõe miséria que Spotify repassa a bandas de metal brasileiroYoutuber expõe miséria que Spotify repassa a bandas de metal brasileiro

Chega de Angra e Megadeth: Quais as favoritas do Kiko Loureiro pra tocar de boa em casa?Chega de Angra e Megadeth: Quais as favoritas do Kiko Loureiro pra tocar de boa em casa?

Iron Maiden: veja Adrian Smith cantando Wasted Years durante show do Smith/KotzenIron Maiden: veja Adrian Smith cantando "Wasted Years" durante show do Smith/Kotzen

A música do Metallica que Kurt Cobain não parava de pedir para Kirk HammettA música do Metallica que Kurt Cobain não parava de pedir para Kirk Hammett

Black Sabbath: o dia que o jardineiro de Iommi chamou álbum da banda de Eternal IdiotBlack Sabbath: o dia que o jardineiro de Iommi chamou álbum da banda de "Eternal Idiot"

Por que Renato Russo não deixava ninguém sorrir no palco, segundo Carlos TrilhaPor que Renato Russo não deixava ninguém sorrir no palco, segundo Carlos Trilha

Testament: Gene Hoglan não é mais o baterista da bandaTestament: Gene Hoglan não é mais o baterista da banda

Kiko Loureiro e shows que fez doente com Megadeth e Angra; contando minutos pra voltarKiko Loureiro e shows que fez doente com Megadeth e Angra; "contando minutos pra voltar"

Legião Urbana: conheça o casal que inspirou Eduardo e Mônica, que virou filmeLegião Urbana: conheça o casal que inspirou "Eduardo e Mônica", que virou filme

Anitta explora rock e punk em nova música Boys Don't Cry, segundo revistaAnitta explora rock e punk em nova música "Boys Don't Cry", segundo revista

Altona Floor Jansen relembra trabalho com produtor mais alto e experiente que elaAltona Floor Jansen relembra trabalho com produtor mais alto e experiente que ela

Não havia ninguém como Meat Loaf, afirma Alice Cooper"Não havia ninguém como Meat Loaf", afirma Alice Cooper

Saúde mental: como a correria das turnês do Megadeth afeta Kiko Loureiro?Saúde mental: como a correria das turnês do Megadeth afeta Kiko Loureiro?

Black Sabbath: Tony Martin achou que fosse apanhar de Dio no primeiro (e único) encontroBlack Sabbath: Tony Martin achou que fosse apanhar de Dio no primeiro (e único) encontro

A opinião de Dinho Ouro Preto sobre o rapper Mano BrownA opinião de Dinho Ouro Preto sobre o rapper Mano Brown


Stamp

Benediction: Organizando o caos no novo milênio

Resenha - Organised Chaos - Benediction

Por Maicon Leite
Em 22/04/15

Nota: 8

A então recente mudança de formação, com a troca de Dave Ingram por Dave Hunt, talvez possa ter assustado os fãs, mas o resultado final de "Organised Chaos" ficou tão bom que esta chocante alteração foi pouco sentida. "Grind Bastard", lançado três anos, marcou não somente por ser a despedida, ainda que não anunciada, de Ingram, mas também pela inserção maciça das influências de Hardcore e na volta ao alto nível das composições. Agora com o antigo logotipo de volta, com arte de capa - belíssima, por sinal - assinada por Kristian Wåhlin, vulgo Necrolord, o Benê continuou sua jornada entre o Death Metal e o HxCx de forma brutal e honesta, com Andy Sneap no comando dos botões, o que resultou numa excelente produção. Enfim, o caos foi organizado, com o perdão do trocadilho.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Quem possivelmente falou mal do álbum não deve ter ouvido as músicas com atenção. Resenhas em diversos sites estrangeiros tendem a emitir criticas negativas, o que é inconcebível. A primeira faixa, "Suicide Rebellion" já dá provas concretas da qualidade do mesmo, de velocidade intensa e pegada assassina, com aquela batida Hardcore perceptível em vários momentos. Em relação às linhas vocais, logo se acostuma com a voz de Hunt, totalmente inserida no contexto da banda. A segunda faixa, "Stigmata", prima pelo andamento mais moderado, com doses cavalares de peso, já "Suffering Feeds Me" evoca aquela pegada mais veloz com riffs praticamente Hardcore, tornando-se um dos grandes destaques do CD. Outra com essa vibe é "The Temple of Set", um arregaço em forma de música com menos de três minutos de duração. Alternando entre faixas mais cadenciadas e outras mais rápidas o Benediction soube trabalhar bem a transição de vocalistas e manteve a qualidade intacta. Enfim, "Charon" talvez seja minha preferida, perfeita para rodas de pogo, mas cabe a você ouvir e decidir a que mais lhe agrada. Indico também uma audição atenta ao belo trabalho de Neil Hutton em "I Am The Disease", sobretudo na destreza com os bumbos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Para os mais atentos, nota-se a ausência de covers… Sim, o que já era tradição, acabou ficando para o próximo disco, e não minta para si mesmo, ouvir o Benediction tocando músicas de outras bandas é muito prazeroso, sobretudo em covers de Heavy Metal, como Anvil ou Judas Priest. No mas, ouça sem medo e tire suas próprias conclusões. Obviamente será impossível lançarem um "Transcend the Rubicon Parte 2" (meu preferido, diga-se de passagem), mas a qualidade é garantida em cada riff e batida.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Contatos & Links
https://www.facebook.com/pages/Benediction/463721850351250

Tracklist:

01. Suicide Rebellion
02. Stigmata
03. Suffering Feeds Me
04. Diary of a Killer
05. The Temple of Set
06. Nothing on the Inside
07. Easy Way to Die
08. Don't Look in the Mirror
09. This Graveyard Earth
10. Charon
11. I Am the Disease
12. Organised Chaos

Tempo total: 53:36

Formação:

Dave Hunt - Vocal
Peter Rew – Guitarra
Darren Brookes – Guitarra
Frank Healy - Baixo
Neil Hutton – Bateria

Video:
"Charon"

Benediction
Titulo: "Organised Chaos"
Formato: CD
Local: Inglaterra
Estilo: Death Metal
Gravadora/Selo: Nuclear Blast Records
Ano de Lançamento: 2001

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Versões originais: 10 músicas que foram tomadas emprestadasVersões originais: 10 músicas que foram "tomadas" emprestadas

Bandas extremas: 10 álbuns que causaram surpresaBandas extremas: 10 álbuns que causaram surpresa


Black Sabbath: um Tony Iommi que você não conheciaBlack Sabbath
Um Tony Iommi que você não conhecia

The Voice Kids: garotinha canta Led Zeppelin e conquista todosThe Voice Kids
Garotinha canta Led Zeppelin e conquista todos


Sobre Maicon Leite

Maicon Leite é assessor de imprensa na Wargods Press, colaborador na revista Roadie Crew e um dos autores do livro Tá no Sangue! - A História do Rock Pesado Gaúcho, dentre outros projetos e publicações.

Mais matérias de Maicon Leite.