Wacken: três DVDs dissecam generosamente a edição de 2007

Resenha - Live At Wacken 2007 - 18 Years In History

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

8


Wacken Open Air...! Quem não conhece esse nome? "Live At Wacken 2007 - 18 Years In History" está chegando agora ao mercado nacional através da Hellion Records, em digipak luxuosíssimo, com encarte repleto de fotografias e três DVDs que dissecam generosamente a respeitável edição ocorrida no ano de 2007.

Mas é importante citar que, infelizmente, não houve a preocupação de colocar legendas em português. E é realmente lamentável, pois o material possui uma infinidade de informações interessantes que não chegarão ao conhecimento da maior parte dos consumidores brasileiros.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Assim sendo, quem não entende inglês ou alemão não ficará por dentro das reportagens que dão uma geral nos mais variados aspectos da produção do gigantesco festival. São muitas entrevistas com personalidades envolvidas diretamente na criação do Wacken, comentários do público (haja cerveja!!!) e dos compreensivos e pacatos cidadãos da cidadezinha alemã, bate-papo com músicos, técnicos, segurança, ou ainda o especial com detalhes do complicado jogo de luzes do Saxon.

Tudo o que se imaginar sobre o festival está em algum canto por aqui. Mas nunca em português. Ainda que esta seja uma grande ‘pisada na bola’ por parte da Hellion Records, "18 Years In History" possui outros atrativos óbvios, que se encontram principalmente na exibição de cada banda da edição de 2007 tocando uma ou duas de suas canções.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E o leitor tenha a certeza de que há sons para todos os gostos, desde o Hard Rock grudento do veterano australiano Rose Tattoo até o Black Metal visceral do Immortal, que estava retornando à ativa e impressionou com a energia primitiva de sua música, se tornando um dos grandes destaques por aqui. E outras feras arrebentaram tudo: Overkill, Blind Guardian, Moonspell, Napalm Death, Lacuna Coil, Suidakra e Dimmu Borgir obtiveram ótima resposta com suas performances.

publicidade

Curiosamente, alguns nomes famosos se mostraram, no mínimo, sem brilho. Iced Earth, ainda com a presença de Tim Ripper Owens foi uma delas. O Type O Negative foi outra... A banda bizarra foi o Therion, que estava divulgando o açucarado "Gothic Kabbalah" (07) com seus músicos trajando vestimentas e maquiagens de gosto um tanto quanto duvidoso... Em contrapartida, o alemão Haggard mostrou que não precisa dessas frescuras e causou grande impacto com a beleza sinfônica de sua música.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Além das bandas que já deixaram sua marca na história do Heavy Metal, o DVD dá a chance de o headbanger conhecer muitos outros nomes com enorme potencial para atingir também o público das Américas. O Neaera (Alemanha), por exemplo, conseguiu abrir uma roda gigantesca, que se fechou assustadoramente quando começou "Armamentarium". Coisa de arrepiar mesmo!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Outros grupos interessantíssimos que fazem a festa do público do Velho Continente é o Volbeat (Dinamarca) com uma curiosa e grudenta mistura de Hard e Metal tocado de forma bem simples, mas que contagia; além de o sueco Sonic Syndicate (Death Melódico) e o alemão Schandmaul (Folk Metal) também mostrarem excelente presença de palco.

E este escriba tupiniquim confessa que tremeu de satisfação ao anúncio de que o nosso Torture Squad foi o vencedor do Metal Battle da ocasião. Bela comemoração que o pessoal deve ter feito por lá! E os caras fizeram por merecer, dando o sangue durante a execução de "The Beast Within".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Algo que mostra a força que o Heavy Metal desenvolveu ao longo das décadas é o encontro das mais variadas gerações de headbangers espalhados por toda a área, cada qual com seu visual característico, além da presença cada vez mais freqüente de garotas, seja exibindo seus deliciosos corpos cobertos por poucas roupas, ou as beldades em seus trajes negros.

"Live At Wacken 2007 - 18 Years In History" só não leva a nota máxima pela já mencionada ausência das legendas em português, o que fatalmente compromete parte do objetivo deste material. Vale mencionar que alguns selos já tomaram há tempos a sensata decisão de inserir as tais legendas nos DVDs que lançam em território brasileiro. E essa é uma atitude que deveria ser seguida por qualquer outro interessado em liberar este tipo de material por aqui. Enfim...

Live At Wacken 2007 - 18 Years In History
(2010 / Hellion Records - nacional)

DVD 1:
- W:O:A: Documentário 2007 com faixas ao vivo:
. Independent (Sacred Reich)
. Fatalist (Napalm Death)
. Ausgebombt (Sodom)
. From The Cradle To The Grave (Rage)
. Enjoy The Silence (Lacuna Coil)
. We Hate Everyone (Type O Negative)
. Remedy (Rose Tattoo)
. Ten Thousand Strong (Iced Earth)
. The Bard´s Song (Blind Guardian)
. Let Me Feel Your Power (Saxon)
. Progenies Of The Great Apocalypse (Dimmu Borgir)
. Unsilent Storms In The North Abyss (Immortal)
. Born In A Casket (Cannibal Corpse)
. Wrecking Crew (Overkill)
- Thursday (W:O:A: - Day 1)
. Theatre Of The Damned (Blitzkrieg)
. Once In A Lifetime (Rose Tattoo)
. Armamentarium (Neaera)
. Und Vu Verblasst (Narziss)
. Body Go Whooo (Gutbucket)
. Knights Of Doom (The Sorrow)
. Blood On Your Lips (Sodom)
. Bundy (Animal Alpha)
. Wings Of Time (Tyr)
. Scream For Me (Electric Eel Shock)
. Let Them Hate (Hatesphere)
. Sword And Bullet (Maroon)
. Elimination (Overkill)
. Strong Arm Of The Law (Saxon)
- W:O:A 2007 - Behind The Scenes
- W:O:A 2007 - Camp Life

DVD 2:
- Friday (W:O:A: - Day 2)
. Wartunes (Suidakra)
. Nazi Punks Fuck Off (Napalm Death)
. To Mega Therion (Therion)
. Soulweeper (Volbeat)
. Power To The Bone (Mennen)
. Chainsaw Symphony (Drone)
. Confessions (Possessed)
. The Clarion Call (Falconer)
. Grab Your Soul To Hell (Chthonic)
. Verteidiger Des Blödsinns (J.B.O.)
. Bluhsturm Erotica (Belphegor)
. Ruun (Enslaved)
. Closer (Lacuna Coil)
. Walpurgisnacht (Schandmaul)
. Mirror Mirror (Blind Guardian)
. Prophecy (Iced Earth)
. On The Rise (Samael)
. The Chosen Legacy (Dimmu Borgir)
. Reitermania (Die Apokalyptischen Reiter)
- Saturday (W:O:A: - Day 3)
. Blue Eyed Fiend (Sonic Syndicate)
. Don´t Go Any Further (Disillusion)
. Ignorance (Sacred Reich)
. Counterweight (Heaven Shall Burn)
. Blood Tells (Moonspell)
. He Who Shall Not Bleed (Dimension Zero)
. The Final (Dir En Grey)
. Frozen Angel (Norther)
. Turn The Page (Rage)
. Mad Butcher (Destruction)
. Battle Metal (Turisas)
. The Beast Within (Torture Squad)
. Kill You Tonight (Type O Negative)
. Heavy Metal Fire (Stormwarrior)
. The Observer (Haggard)
. Withstand The Fall Of Time (Immortal)
. Hammer Smashed Faces (Cannibal Corpse)
. Auf Kiel (Subway To Sally)

DVD 3:
- W:O:A 2007 - Making Of Saxon Lightshow
. Dead Tree (Die En Grey)
. Frozen Asleep In The Park (Communic)
. The IXth Legion (Suidakra)
. Miasma (The Black Dahlia Murder)
. Our Truth (Lacuna Coil)
. Seven Seas (Pharao)
. The Garden´s Tale (Volbeat)
. Son Of The Slaves Of Time (Therion)
. Shell Shock (Benedictum)
. Burn The Radio (Gutbucket)
. Memento Mori (Moonspell)
. Lingua Mortis Medley (Rage)
. Forever Damned (Black Majesty)
. Mein Todestag (Letzte Instanz)
. Of A Might Divine (Haggard)
. Troll, Dod Og Trolldom (Kampfar)
. Fly (Blind Guardian)
. Dein Anblick (Schandmaul)
. Fuck You (Overkill)
. Attila The Hun (Saxon)
. Spellbound By The Devil (Dimmu Borgir)
. Orgelmassaker (Mambo Kurt)
- W:O:A: Wins Live Entertainment Award 2007

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de Live At Wacken 2007 - 18 Years In History

Live At Wacken: passaporte para um universo paralelo




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Tarja Turunen: covers de Slipknot e Rammstein no WackenTarja Turunen
Covers de Slipknot e Rammstein no Wacken

Wacken Open Air: coisas que deixaram para trás na edição de 2019Wacken Open Air
Coisas que deixaram para trás na edição de 2019


Slipknot: para cada Mustaine falando merda há um HetfieldSlipknot
"para cada Mustaine falando merda há um Hetfield"

Preconceito: dificuldades de ser roqueiro em cidade do interiorPreconceito
Dificuldades de ser roqueiro em cidade do interior


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Cli336 CliIL Cli336 WhiFin Cli336 Cli336 Cli336 Cli336