Eluveitie: deixando praticamente de lado a faceta metálica

Resenha - Evocation I: The Arcane Dominion - Eluveitie

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

8


Parece que toda a boa recepção conquistada com a fusão de Death Metal Melódico e música folclórica de "Spirit" (06) e "Slania" (08) não foram suficientes para suprir a necessidade de expressão do suíço Eluveitie. Tanto que a sonoridade de "Evocation I: The Arcane Dominion" é totalmente diferente, deixando praticamente de lado a faceta metálica e investindo fortemente na música tradicional celta.

Mas o Eluveitie não renunciou somente à distorção elétrica do Heavy Metal. Os agressivos vocais do multi-instrumentista Chrigel Glanzmann nunca se ajustariam como deveriam nestas canções... Assim, Anna Murphy assumiu praticamente todas as vocalizações, e a menina brilha com a beleza simples de seu desempenho – atentem para a fúnebre "Voveso In Mori", "Dessumiis Luge" ou "Brictom".

publicidade

A enorme variedade de instrumentos resultou em algo especial e interessantíssimo. Com exceção da mais acessível "Omnos", toda a linha musical segue de forma introspectiva, melancólica e geralmente sombria, e tão bem estruturada que dá para sentir todo o significado cultural que o repertório exala. Com várias pontes instrumentais que são pura vibração tribal, o álbum também apresenta inúmeros músicos convidados, tendo o irlandês Alan Averill (Primordial) como o mais conhecido, e que coloca sua enigmática voz em "Sacrapos - At First Glance" e na perfeita "Nata".

publicidade

E, falando em significado cultural, salvo raras exceções, as letras das canções são provenientes de textos gauleses originais, escritos entre 1600 e 2100 anos atrás, e que vêm sendo descobertos em escavações arqueológicas, o que permite que essa extinta língua aos poucos venha sendo ressuscitada por historiadores especialistas.

Muitos dos velhos fãs poderão ficar desconcertados com tal subtração de guitarras, mas esse rompimento gerou excelentes canções. E como o próprio título já anuncia, "Evocation I: The Arcane Dominion" é o primeiro de dois álbuns, que está chegando ao mercado nacional através da Laser Company – e vamos torcer para que o mesmo aconteça com seu sucessor. Uma opção que esbanja credibilidade e passível de reconhecimento como um dos melhores nomes neste tipo de música!

publicidade

Formação:
Anna Murphy - voz, Hurdy Gurdy
Chrigel Glanzmann - voz, mandolin, gaita Uilleann, Bodhràn (tambor) e flautas
Ivo Henzi - guitarra
Simeon Koch - guitarra e voz
Kay Brem - baixo
Merlin Sutter - bateria
Meri Tadic - violino e voz
Patrick "Päde" Kistler - gaita de fole e apito

Eluveitie - Evocation I: The Arcane Dominion
(2009 - Nuclear Blast Records / Laser Company Records - nacional)

publicidade

01. Sacrapos - At First Glance
02. Brictom
03. A Girls Oath
04. The Arcane Dominion
05. Within The Grove
06. The Cauldron Of Renascence
07. Nata
08. Omnos
09. Carnutian Forest
10. Dessumiis Luge
11. Gobanno
12. Voveso In Mori
13. Memento
14. Ne Regv Na
15. Sacrapos - The Disparaging Last Gaze
16. Slania (folk medley)
17. Omnos (antiga versão Heavy Metal)

Homepage: www.eluveitie.ch

publicidade


Outras resenhas de Evocation I: The Arcane Dominion - Eluveitie

Eluveitie: contraponto para o já saturado Folk Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rock e Metal: 7 bandas/artistas que você pronuncia o nome erradoRock e Metal
7 bandas/artistas que você pronuncia o nome errado


Fotos de Infância: Ozzy OsbourneFotos de Infância
Ozzy Osbourne

Capas de disco: como seriam se fossem gifs animadosCapas de disco
Como seriam se fossem gifs animados


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin