Resenha - Sacrament - Lamb of God

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

8


Na ativa desde 1999, o quinteto norte-americano Lamb Of God está chegando a seu quarto álbum, "Sacrament", dando seqüência a uma carreira onde muito se conquistou e que lhe permitiu figurar no seleto grupo dos grandes conjuntos contemporâneos de seu país.

Porém o Lamb Of God vem lutando contra a fatídica saturação de um estilo que deu certo, mas que vem ameaçando a cena que ajudou a construir. Sendo assim, seu novo álbum procura ir além dos padrões do Metalcore, apresentando mais melodias, mais Thrash Metal, mais solos de guitarras (o de "Pathetic" está excelente!) e até mesmo certa experimentação com os teclados.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Individualmente, sobressaem-se o vocalista Randall e o baterista Chris Adler. O primeiro chama a atenção com a loucura hostil de suas linhas vocais, inclusive lembrando Phil Anselmo (Pantera) em várias ocasiões, enquanto Adler é um maestro meticuloso que desenvolveu uma técnica e tanto, tocando de forma intrincada e absolutamente precisa. Mas nem tudo é perfeito... Este é o típico álbum onde se tornou por demais discreta a presença de seu baixista, infelizmente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O maior destaque fica para a intensa "Descending", num ótimo desempenho de toda a banda, que aqui não nega suas influências de Metallica dos gloriosos tempos. Muito boa também a abertura "Walk With Me In Hell", com belos riffs melódicos; e ainda algo que o grupo nunca fez antes: "Redneck", com as guitarras bem no estilão do saudoso Dimebag Darrell, além de ter os melhores refrãos de todo o álbum.

Mesmo se esforçando, o Lamb Of God não atinge muito de seu intento em se desvincular do rótulo chamado Metalcore, mas isso não tira o mérito de que a brutalidade sônica do Lamb Of God é atraente – mesmo não executando nada que seja realmente novo ou diferente – e utiliza suas influências com integridade. Indicado aos amantes do Devildriver, Chimaira, e bandas veteranas como Pantera, Metallica e Testament.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Formação:
D. Randall Blythe - voz
Mark ''Duane'' Morton - guitarra
Willie Adler - guitarra
John Campbell - baixo
Chris Adler - bateria

Lamb of God – Sacrament
(2006 / Epic Records – importado)

01. Walk With Me In Hell
02. Again We Rise
03. Redneck
04. Pathetic
05. Foot To The Throat
06. Descending
07. Blacken The Cursed Sun
08. Forgotten (Lost Angels)
09. Réquiem
10. More Time To Kill
11. Beating On Death's Door

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Homepage: www.lamb-of-god.com




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


LOG: John Campbell chama Trump de assassino e dispara; Estamos fodidosLOG
John Campbell chama Trump de assassino e dispara; "Estamos fodidos"

Lamb Of God: fã se casa ao som da banda (vídeo)Lamb Of God
Fã se casa ao som da banda (vídeo)

Lamb Of God: Willie Adler não falou com irmão Chris desde que o baterista saiu da bandaLamb Of God
Willie Adler não falou com irmão Chris desde que o baterista saiu da banda

LOG: Mark Morton diz que seguidores de Trump não se importam com o que ele fazLOG
Mark Morton diz que seguidores de Trump não se importam com o que ele faz

Consequence Of Sound: os melhores álbuns de metal lançados em 2020Consequence Of Sound
Os melhores álbuns de metal lançados em 2020

Lamb Of God: banda vai realizar "lives" com álbuns na íntegra

Bill & Ted: ouça trilha sonora de novo filme com músicas novas de Mastodon e Lamb of GodBill & Ted
Ouça trilha sonora de novo filme com músicas novas de Mastodon e Lamb of God


Lamb Of God: Randy Blythe escolhe 5 discos que todo fã da banda deveria conhecerLamb Of God
Randy Blythe escolhe 5 discos que todo fã da banda deveria conhecer

Melhores de 2012: as escolhas do redator Leonardo Daniel TavaresMelhores de 2012
As escolhas do redator Leonardo Daniel Tavares


Bateristas: Os 30 melhores de todos os temposBateristas
Os 30 melhores de todos os tempos

IGN Music: os álbuns de Metal mais influentes segundo o siteIGN Music
Os álbuns de Metal mais influentes segundo o site


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Cli336 Cli336 CliHo Cli336 Cli336