Edu Falaschi: A opinião sobre o futuro do Angra em 2005

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Igor Miranda
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em uma antiga entrevista concedida a Marcos Bragatto, para a edição 81 da revista "Dynamite", o vocalista Edu Falaschi comentou a possibilidade de Andre Matos cantar as músicas de seu período no Angra. Na época, a banda promovia o segundo disco com Falaschi no vocal, "Temple Of Shadows" (2004).

3948 acessosAngra: Rafael Bittencourt reflete antes de se manifestar...5000 acessosMetallica: ouça apenas o baixo de Cliff Burton em clássicos

Cedo ou tarde, depois que uma banda se separa, ela acaba se juntando de novo. Você acha que isso vai acontecer?

Edu Falaschi: "Nem penso nisso. Mas difícil vai ser ele (Andre Matos) cantar as músicas do 'Rebirth' e do 'Temple of Shadows'. Mas eu não tenho essa preocupação, até porque eu tenho que pensar no presente, no que eu estou fazendo, e no futuro. Se eu for me preocupar com o passado, com a possibilidade de o cara voltar e eu ter que sair... Isso não tem nada a ver. E eu acho que não existiria interesse mercadológico das gravadoras ou de quem quer que seja, de terminar essa fase e voltar ao passado, para buscar algo que, em números, foi menor do que é hoje. Se pegarmos as vendagens de disco, do que foi nos outros três, e hoje, comparando disco por disco, a tendência é crescer. Não só por mérito da banda, mas a cena do heavy metal aumentou, o mercado de metal hoje em dia no Brasil cresceu muito. Na Europa a banda ficou muito mais bem vista por causa do estilo, que tá mais pesado. Lá um vocal muito leve não é muito bem aceito. Na França o André é super querido, mas na Itália, Alemanha, Espanha, eles gostam de uma coisa mais agressiva, mais a la Fabio Lione, Bruce Dickinson, Dio. Acredito que não aconteça nenhum problema, mas se por obra do destino isso acontecer, não podemos ficar pensando nas mágoas, tem que arregaçar as mangas e partir para outra.

Você estava dizendo que as músicas dos discos mais recentes são mais difíceis de cantar. É mais fácil você cantar as músicas da fase dele do que ele as da sua?

Edu Falaschi: "A voz do Andre é bem diferente da minha, mas eu não sei, não gosto de fazer esse tipo de comparação. Somos dois cantores diferentes, o Andre é um ótimo cantor, tem um estilo próprio. Mas eu acho que seria muito estranho ele cantando essas músicas mais pesadas, mais agressivas, como as do 'Temple of Shadows'. Mas nada é impossível."

Leia a entrevista na íntegra no link abaixo:

http://www.rockemgeral.com.br/2008/12/31/angra-agora-sim-o-r...

Comente: O que mudou nestes 12 anos?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

AngraAngra
Rafael Bittencourt reflete antes de se manifestar...

719 acessosKiko Loureiro: vídeo completo de workshop online do guitarrista322 acessosRio Rock City: melhores introduções de baixo da atualidade0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

AngraAngra
Revelado o mistério por trás de Z.I.T.O?

IdiomaIdioma
Bandas que já cantaram em sua língua natal

Café com ÓcioCafé com Ócio
Os melhores discos do Metal Nacional de 2000 a 2010

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"0 acessosTodas as matérias sobre "Andre Matos"0 acessosTodas as matérias sobre "Edu Falaschi"

MetallicaMetallica
Ouça apenas o baixo de Cliff Burton em clássicos

Axl no AC/DCAxl no AC/DC
O fiasco que se transformou numa surpreendente união

InfluênciasInfluências
Folk Metal e Música Celta

5000 acessosOccult Rock: dez novas ótimas bandas para você conhecer5000 acessosCapas de álbuns: 30 das piores artes da história5000 acessosGuitarristas: os sete mais influentes de todos os tempos5000 acessosEdu Falaschi: No Kazagastão, o teste para o Iron Maiden, o Angra e mais5000 acessosHeavy Metal: fãs do gênero são os menos propensos a trair seus parceiros5000 acessosThe Voice: participante canta death metal em edição canadense

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013 – apesar de ainda manter por lá uma coluna semanal, chamada Cabeçote.

Mais informações sobre Igor Miranda

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online