Resenha - Angra (Studio 1250, Curitiba, 15/10/1999)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marcelo R. de Carvalho
Enviar Correções  

5

Era uma noite com cara de chuva... Quando cheguei no local do show, uma leve garoa começou a cair... Depois, ao sair do bar em frente à boate e entrar no 1000 (nome vulgar do local), começou a cair o toró... A acústica do lugar era horrível... O som da banda saiu embolado... Extremamente embolado... A performance dos músicos foi boa, apesar de algumas "escorregadas" de André Matos...
Tocaram alguns clássicos (Carolina IV, Carry On), músicas inesperadas (Time, Angels Cry e Paradise) e deixaram de tocar várias (Speed, Mystery Machine, Make Believe entre outras)... Kiko Loureiro desferiu um Two-Handed Tapping monstruoso que deixou todos boquiabertos... Logo depois, duelou com Rafael nas guitarras... Ricardo Confessori tbm fez um solo de bateria...
No final, ao perguntarem qual música a galera queria ouvir, senti uma decepção grande ao ver a galera gritando Painkiller... E senti que a banda sentiu o mesmo... Após o show, um fato curioso: o público invadiu o palco (despreparado, é claro) e saiu atrás de "souvenires"... Resultado: microfones e outros equipamentos foram roubados... Houve revista na saída da boate...


Cli336x280