Matérias Mais Lidas

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemVeja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

imagemKerry King explica por que não assumiu o posto de guitarrista do Megadeth

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemMike Portnoy e a música do Rush que virou um grande sucesso do Guns N' Roses

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemCinco álbuns que serão lançados no segundo semestre de 2022 e merecem a sua atenção

imagemSlash explica por que rejeitou Corey Taylor no Velvet Revolver

imagemCinco músicas que são covers, mas você acha que são as versões originais - Parte 2

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemKiko Loureiro explica por que acha uma merda seu solo de guitarra em "Rebirth"

imagemNergal diz que Behemoth é mais que anti-religião e emociona-se com LGBTQ e aborto

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemDepeche Mode divulga a causa oficial da morte de Andy Fletcher


Stamp

Whitesnake: Coverdale fala sobre álbum ao vivo

Por César Enéas Guerreiro
Fonte: Blabbermouth
Em 25/09/06

O WHITESNAKE lançará um novo álbum duplo ao vivo, chamado "Live ... In the Shadow of the Blues" em novembro pela Steamhammer/SPV. O lançamento inclui quase todos os maiores hits da carreira do WHITESNAKE, além de dois clássicos eternos do DEEP PURPLE: "Burn" e "Stormbringer".

David Coverdale, do WHITESNAKE, foi o frontman da lendária banda britânica entre 1973 e 1976, contribuindo bastante para inúmeros destaques do PURPLE nessa época. "Live ... In the Shadow of the Blues" também inclui quatro faixas inéditas: "Ready to Rock", "If You Want Me (I'll Come Running)", "All I Want Is You" e "Dog", que eram ansiosamente aguardadas pelos fãs do WHITESNAKE.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

A versão limitada do álbum duplo estará disponível em digipack da mais alta qualidade, com várias surpresas, entre elas a faixa-bônus "Crying in the Rain", que inclui um memorável solo de bateria do legendário baterista Tommy Aldridge.

Numa mensagem postada no website oficial da banda, Coverdale disse o seguinte em relação ao novo CD ao vivo: "Doug [Aldrich, guitarra] acabou de chegar de Los Angeles e vai ficar alguns dias para terminar as mixagens comigo. Estamos muuuuito ocupados nos estúdios Snakebyte. Acho que cumpriremos sem problemas nosso prazo para lançar o CD na Europa e tivemos um dia inteiro de reuniões [na terça, 19 de setembro] para decidir como poderemos levar o projeto para o resto do mundo".

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp




Sobre César Enéas Guerreiro

Nascido em 1970, formado em Letras pela USP e tradutor. Começou a gostar de metal em 1983, quando o KISS veio pela primeira vez ao Brasil. Depois vieram Iron, Scorpions, Twisted Sister... Sua paixão é a música extrema, principalmente a do Slayer e do inesquecível Death. Se encheu de orgulho quando ouviu o filho cantarolar "Smoke on the water, fire in the sky...".

Mais informações sobre

Mais matérias de César Enéas Guerreiro.