Tony Iommi: "não sei como criei aqueles riffs"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Rangel, Fonte: AZStarNet.com, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Kevin W. Smith, do site AZStar.Net.com, entrevistou em 2007 o lendário guitarrista Tony Iommi (BLACK SABBATH, HEAVEN AND HELL).

774 acessosBlack Sabbath: Assista trailer de The End Of The End5000 acessosSemelhança: vocalistas de rock com vozes quase iguais

Quando vocês contrataram Dio para liderar o BLACK SABBATH nos anos 70, qual o tamanho do risco artístico que vocês correram?

Iommi: “Não existiam muitas opções, para ser honesto, naquela época. Nós chegamos a um ponto em que não podíamos mais continuar como estávamos. Ou a banda terminava ou seguíamos em frente com Ozzy seguindo o seu próprio caminho. Foi isso o que realmente aconteceu. Ozzy não estava mais gostando de fazer aquilo naquela época, então parecia uma boa opção nós chamarmos Ronnie. Uma direção vocal diferente. Se tivéssemos arranjado alguém muito parecido com Ozzy, todos iriam fazer comparações”.

Você é considerado um dos fundadores do Heavy Metal, que sempre possuiu fãs bastante devotados. O que existe no gênero que leva a essa devoção das pessoas?

Iommi: “Eu acho certamente que o que estamos fazendo é uma música honesta. Não estamos fazendo um show glamouroso ou qualquer coisa do tipo. Estamos apenas tocando e não fazemos acrobacias no palco. Nós apenas vamos lá e nos divertimos”.

Quando vocês tocavam Metal antigamente, onde buscavam inspiração, já que não existia muitas bandas como a de vocês naquela época?

Iommi: “É exatamente isso, não existia um tipo de inspiração. A inspiração vinha de nós mesmos, de acordo com o que nós sentíamos e onde morávamos. Foi algo que surgiu e que não podíamos explicar. Não consigo explicar como eu criei aqueles riffs, pois foi algo que, naqueles tempos, soava muito diferente. Nada como aquilo existia. Éramos muito atacados por causa disso - 'que tipo de música é esta?' - pois não era muito bem-visto este tipo de música pela imprensa daquela época, estávamos fazendo algo que nem nós mesmos compreendíamos. Nós apenas gostávamos do que estávamos fazendo".

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 26 de julho de 2016

Kerry KingKerry King
O Deep Purple influenciou mais o Thrash que o Black Sabbath

774 acessosBlack Sabbath: Assista trailer de The End Of The End1002 acessosBanda dos sonhos: qual seria a sua?186 acessosMarcos de Ros: Tony Iommi, Dois Dedos de Prosa0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

Black SabbathBlack Sabbath
Ozzy Osbourne: "Nós nunca praticamos magia negra!"

Black SabbathBlack Sabbath
Bill Ward nega contatos de Ozzy e ataca furiosamente a banda

Black and "Blues"Black and "Blues"
A influência do lamento negro no Black Sabbath

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"

SemelhançaSemelhança
Alguns vocalistas de rock com vozes quase iguais

Regis TadeuRegis Tadeu
"Lemmy era tão poderoso que seu corpo não teve coragem de contrariá-lo"

EntrevistasEntrevistas
Coices e tretas entre entrevistador e artista

5000 acessosMetallica: a lista de exigências da banda em 19835000 acessosO tempo, ah o tempo!: rockstars nos anos oitenta e hoje5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19865000 acessosEm 19/03/1982: Randy Rhoads morre em um acidente de avião5000 acessosGhost: bem confortável com a ideia de não ser mais anônimos5000 acessosSlayer: maluco encara furacão na Flórida ao som da banda

Sobre Vitor Rangel

Um carioca apaixonado pela boa música que no momento está cursando o 5º período de Publicidade na PUC-Rio. Teve seu primeiro contato com o rock ainda na infância, quando sua irmã colocava os discos de Iron Maiden e Pantera no toca-fitas de sua casa. Nos últimos anos, tem se dedicado inteiramente à música e à guitarra. Sua banda favorita é Metallica e também é fã incondicional de Zakk Wylde, Steve Vai e John Petrucci. Escuta de tudo um pouco, desde Madonna até Sepultura. Espera que um dia o Metallica ainda venha fazer um show no Brasil e não tem vergonha em dizer que chorou no show do Black Sabbath, em 2004, no Ozzfest.

Mais matérias de Vitor Rangel no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online