Within Temptation começará a compor em dezembro

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Saulo Castilho, Fonte: Brave Words, Tradução
Enviar Correções  

Live-Metal.net fez uma nova entrevista com a vocalista do WITHIN TEMPTATION, Sharon den Adel, conduzida por Jeff Maki e Jason Price, onde ela comenta os próximos projetos da banda.

Quais os projetos após esta turnê?

"Bem, nós temos muitos shows na Europa. Vamos tocar na Inglaterra em muitos lugares legais. Faremos quatro ou cinco shows e depois iremos para a Alemanha. Temos uma turnê pela Alemanha, onde faremos alguns grandes shows também. Depois, na Holanda, tocaremos todas as nossas músicas com uma orquestra clássica em fevereiro. Em novembro tocaremos para oito mil pessoas em Eindoven, também na Holanda e será um desses grandes shows com todo tipo de coisa acontecendo. Então teremos muitas coisas pela frente e depois voltaremos aqui".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Então vocês estarão voltando em breve?

"Espero que sim pois fomos na nossa produtora ontem e eles disseram 'por favor voltem logo'. E nós dissemos 'sim, sim, mas quando?', então vamos ver. Seremos avisados perto da data, provavelmente é assim que funcionam as coisas aqui na América, não sei. Na Europa é diferente, os ingressos são vendidos seis meses antes do show e na América anunciam o show um mês antes, daí pensamos 'ninguém virá, como vamos tocar assim?', mas isso é normal na américa, então tudo bem".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Você mencionou tocar com uma orquestra. Como será a transição? Como isso vai funcionar?

"Será diferente, mas nem tanto porque tocamos com uma orquestra gravada já que não podemos trazer orquestras para todos os eventos. Eles tocarão mais ou menos a mesma coisa, mas obviamente será mais orgânico. O som será diferente, mas será ao vivo. Nós provavelmente faremos alguns arranjos diferentes em alguns lugares. Não será a mesma orquestra com quem gravamos e faremos algumas coisas diferentes para deixar as músicas mais especiais, faremos alguns experimentos. Também daremos mais espaço para a interpretação deles".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Isso poderia ser lançado num álbum ao vivo, como Scorpions e Metallica fizeram?

"Não tenho certeza. Depende do resultado. E como eu disse, vamos dar à orquestra alguma liberdade para sua interpretação e se algumas músicas não derem certo, vamos ter que tirá-las provavelmente (risos). Não temos certeza de como elas ficarão. Mas não é a primeira vez que vamos tocar com uma orquestra de verdade, fizemos isso antes na Europa. Será apenas a primeira vez que tocaremos o show todo com a orquestra, então depende de como ficará e como será gravado. Vamos filmar tudo, é claro".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Há mais alguma coisa que você gostaria de acrescentar?

"Bem, é provável que comecemos a compor novamente em dezembro. É a primeira vez que temos dias de folga novamente, então provavelmente começaremos a compor músicas novas. Veremos o ponto em que estamos e quão rápido podemos compor um novo álbum. Quero escrever um disco novo bem rapidamente. Mas algumas vezes quando você está em turnê não há tempo ou espaço para sentar e relaxar e tentar algumas coisas".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A entrevista completa (em inglês) está no live-metal.net.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Evanescence: banda lança Use My Voice, single com participações especiais de mulheresEvanescence
Banda lança "Use My Voice", single com participações especiais de mulheres


Capas: 10 das mais belas feitas por artistas dos quadrinhosCapas
10 das mais belas feitas por artistas dos quadrinhos

Machismo na música: Sharon den Adel e Amy Lee falam sobre o assuntoMachismo na música
Sharon den Adel e Amy Lee falam sobre o assunto


Black Sabbath: a passagem de Ian Gillan pela bandaBlack Sabbath
A passagem de Ian Gillan pela banda

Dr. Sin: Agora todo mundo lamenta? Vão se foder!, diz Regis TadeuDr. Sin
Agora todo mundo lamenta? Vão se foder!, diz Regis Tadeu


Sobre Saulo Castilho

Catarinense, bacharel em ciências da computação, mestre em matemática, fluente em língua inglesa e com conhecimento avançado ou intermediário em outros quatro idiomas não nativos. Além de músico, compositor, letrista e apreciador de todos os subgêneros do metal, em especial power metal e metal progressivo.

Mais matérias de Saulo Castilho no Whiplash.Net.

Cli336 Cli336 Cli336 Cli336 Cli336