Kiss: turnê "Alive 35" talvez não saia da Europa

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Lucas Melo, Fonte: KISS On Line, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em entrevista concedida ao jornalista Marko Syrjälä, da revista This is Rock, Paul Stanley, entre outras coisas, diz que talvez a turnê "KISS Alive 35" depois da Europa, seja interrompida sem passar pelos EUA, Japão e América do Sul.

Em 22/09/1998: Kiss lançava o álbum "Psycho Circus"Fotos de Infância: Max e Igor Cavalera, do Sepultura

Marko Syrjälä: Vocês decidiram tocar o álbum "Alive" inteiramente na sua turnê européia. Por que, se vocês não estão vestindo as fantasias do "Alive" e sim da era "Destroyer"?

Paul Stanley: "Bem, porque nós não estamos recriando o passado, nós estamos o celebrando. Não é sobre o show 'KISS Alive', não é sobre fantasias, não é sobre declarações recriando aquele momento, as fantasias ou o que nós queremos vestir por que nós já vestimos as outras. E nós não queremos aparecer com novas fantasias. Novas fantasias são como um novo álbum. Alguém pode dizer 'quando vocês vão ter novas fantasias?', mas se você aparece com uma nova fantasia eles dirão 'por que vocês não se vestem como KISS?' Então em alguns pontos nós temos que fazer o que nós pensamos que faz sentido".

Marko Syrjälä: Os próximos shows foram esgotados quase que instantaneamente em toda Europa. Qual foi sua reação com a rápida venda de ingressos?

Paul Stanley: "Essa é na verdade a maior turnê que nós já fizemos na Europa, maior do que a Reunion Tour [a maior turnê do KISS com média de 13.737 pessoas por show]. Então mostra de novo que as pessoas amam o KISS. As pessoas amam o que nós fazemos e o que nós representamos e de novo é sempre interessante quando alguém diz 'não são os membros originais', mas é o KISS. E eu penso que qualquer pessoa está brincando se eles acham que nós deveríamos parar porque não são os membros originais ou que nós deveríamos levar em conta qualquer coisa diferente do fato que nós somos o KISS em primeiro lugar. Toda vez que nós arrebentamos no palco, nós cumprimos as expectativas de todos".

Marko Syrjälä: Há praticamente uma inteira nova geração de fãs do KISS, até mesmo crianças abaixo de 10 anos. Você tem notado este fenômeno nas suas apresentações ao vivo?

Paul Stanley: "Sim e é ótimo. Eu acredito que o que nós fazemos é atemporal e eterno, não tem uma época específica, é para sempre".

Marko Syrjälä: Depois da parte européia da turnê, vocês estenderão e incluirão EUA, Japão ou outra área também?

Paul Stanley: "Eu não sei ainda. Minha arte [pintura] tem ido fenomenalmente bem e eu tenho exposições marcadas, e também há conversas no sentido de fazer 'Phantom of the Opera' de novo, então há muitas coisas puxando em diferentes direções. E eu não quero fazer algo que eu não tenha certeza que eu quero fazer, então tenho que estar certo".

Marko Syrjälä: Depois da conferência de imprensa em Melbourne, algo ficou na cabeça das pessoas, baseado no que você disse sobre a possibilidade do KISS continuar sem sua presença, se fosse necessário. Poderia comentar aquela declaração?

Paul Stanley: "Eu penso que o KISS é muito mais que uma banda, eu acho que nós definimos nós mesmo por regras que nós quebramos e eu estaria me sentindo elogiado se alguém pudesse tomar meu posto. De novo, a idéia de alguém do que é o KISS, não está falando necessariamente pela maioria. Então alguém diz 'tem que ser os quatro originais' e agora 'tem que estar presentes Gene e Paul'. Eu não concordo necessariamente. E seria, até onde eu creio, um tributo para tudo que o KISS honrou se a banda continuar sem mim. Não quer dizer que eu não estarei lá, não significa que não controlarei as coisas mas eu acredito que a idéia de dar um ótimo show e fazer seu melhor, vai além dos indivíduos no grupo.

Leia a matéria toda (em inglês) no link abaixo.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Kiss"


Em 22/09/1998: Kiss lançava o álbum "Psycho Circus"Kiss: Alive!, o primeiro álbum ao vivo da banda norte-americana (vídeo)

Download 2020: festival terá Iron Maiden, Kiss, System of a Down e maisDownload 2020
Festival terá Iron Maiden, Kiss, System of a Down e mais

Kiss: show em São Paulo é confirmado oficialmente para maio de 2020Kiss
Show em São Paulo é confirmado oficialmente para maio de 2020

Hair metal: os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling StoneHair metal
Os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling Stone

Kiss: as camisetas feitas a mão pelo jovem Gene SimmonsKiss
As camisetas feitas a mão pelo jovem Gene Simmons

Kiss: Alive II é um clássico de uma banda em seu auge

Kiss: Orações e empatia não são suficientes, diz Paul Stanley sobre tiroteiosKiss
"Orações e empatia não são suficientes", diz Paul Stanley sobre tiroteios

Kiss: camisetas vendidas em show estavam com o nome da cidade escrito erradoKiss
Camisetas vendidas em show estavam com o nome da cidade escrito errado

Rodz Online: 25 Anos de Philips Monsters of Rock 1994 (vídeo)

Kiss: Paul Stanley diz que Gene Simmons é seu irmão para sempreKiss
Paul Stanley diz que Gene Simmons é seu irmão para sempre

Kiss: esposa de Gene Simmons faz imitação hilária do músico em seu dia a diaKiss
Esposa de Gene Simmons faz imitação hilária do músico em seu dia a dia

Kiss: Gene Simmons é parabenizado no palco pelos seus 70 anos; veja vídeoKiss
Gene Simmons é parabenizado no palco pelos seus 70 anos; veja vídeo

Kiss: confira a capa do tributo brasileiro Brazil Rock CityKiss: assista show da banda realizado em Charlotte, nos EUA

Kiss: E se a banda cantasse Patati Patata?Kiss
E se a banda cantasse Patati Patata?

Kiss: Ace Frehley revela por que socou Tommy Thayer em 2001Kiss
Ace Frehley revela por que socou Tommy Thayer em 2001

Gene Simmons: AC/DC é minha banda preferidaGene Simmons
"AC/DC é minha banda preferida"


Fotos de Infância: Max e Igor Cavalera, do SepulturaFotos de Infância
Max e Igor Cavalera, do Sepultura

Humor: Ser prog metal é mais que saber tocar em modo frígioHumor
Ser prog metal é mais que saber tocar em modo frígio

Rock: 25 fotos pra fazer você continuar acreditando na músicaRock
25 fotos pra fazer você continuar acreditando na música

Megadeth: Mustaine abre o jogo sobre convite a Pepeu GomesMegadeth
Mustaine abre o jogo sobre convite a Pepeu Gomes

Megadeth: os 10 bens mais preciosos de Dave MustaineMegadeth
Os 10 bens mais preciosos de Dave Mustaine

Jon Bon Jovi: queiram ou não, ele é o CEO do rockJon Bon Jovi
Queiram ou não, ele é o CEO do rock

Megadeth: Metal real nunca dominou mainstream; mainstream o matouMegadeth
"Metal real nunca dominou mainstream; mainstream o matou"


Sobre Lucas Melo

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336|adClio336