Beatles: "Fui o bode expiatório para a separação", diz Yoko

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Gabriel von Borell, Fonte: Vírgula
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em entrevista à CNN em outubro de 2010, a viúva de John Lennon, Yoko Ono, confessou se sentir como o bode expiatório na tão badalada separação dos BEATLES em 1970. A informação é do Vírgula. "Fui um bode expiatório bem fácil para explicar a separação dos Beatles, que iria acontecer de qualquer forma. Você sabe, eu era uma mulher, e japonesa ainda por cima", acusou Yoko.

662 acessosVinil: os 10 discos mais caros do mundo5000 acessosSepultura: O solo de Eloy que fez o RIR aplaudir o Gloria

Em seguida, a viúva apontou os motivos que teriam levado britânicos e norte-americanos a formarem preconceito contra ela: "Foi sexismo e racismo, claro. Mas também é importante lembrar que os EUA e o Reino Unido lutaram contra o Japão na Segunda Guerra Mundial, então posso compreender um pouco do preconceito contra mim".

Yoko também comentou sobre a sua relação com Lennon, assassinado em frente ao prédio onde morava em 1980. "Eu e John partilhávamos tudo, desde nossa vida pessoal até nossa arte. Éramos tudo um para o outro", disse a viúva.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 10 de novembro de 2015

John LennonJohn Lennon
Álbum que foi autografado para seu assassino irá a leilão

662 acessosVinil: os 10 discos mais caros do mundo1482 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify415 acessosRingo Starr: novo álbum sai em setembro, e traz Paul McCartney1365 acessosBeatles: Paul McCartney fecha acordo sobre direitos autorais0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Beatles"

Pirações SonorasPirações Sonoras
Os 50 álbuns mais estranhos da música

John LennonJohn Lennon
10 coisas que você não sabia sobre o Beatle

Ultimate Classic RockUltimate Classic Rock
Nomes originais de álbuns clássicos

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Beatles"

SepulturaSepultura
O solo de Eloy que fez o RIR aplaudir o Gloria

Bruce DickinsonBruce Dickinson
Ouça o alcance de quatro oitavas do vocalista

GenealogiaGenealogia
Quatro filhos: rockabilly, pop rock, prog rock e hard rock

5000 acessosRockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e Deus5000 acessosThrash Metal: 20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável5000 acessosMetallica: Hammett e Ulrich escolhem álbuns e músicas da década passada5000 acessosAC/DC com Axl Rose: Dave Grohl agitando na plateia em show5000 acessosMastodon: Brent Hinds fez um álbum sozinho e o resto da banda fez outro5000 acessosCarnaval: bloco transforma músicas do Iron Maiden em samba

Sobre Gabriel von Borell

Gabriel von Borell, nascido em 30/03/85, jornalista. Não vive sem música e também não se apega a rótulos musicais. Acredita que todo preconceito é burro, inclusive o musical. Escuta de tudo um pouco, considerando que um jornalista deve estar aberto pra conhecer e comentar sobre qualquer músico ou banda. Pode ser encontrado no Twitter em @gabrielborell.

Mais matérias de Gabriel von Borell no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online