Tim Owens: "Jugulator" é melhor do que "Nostradamus"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Site do LoKaos Rock Show
Enviar Correções  

Jay Nanda do site San Antonio Metal Music Examiner conduziu uma entrevista com o potente vocalista estadunidense TIM ‘RIPPER’ OWENS (Dio Disciples, Yngwie Malmsteen, Beyond Fear, Judas Priest, Iced Earth). Alguns trechos traduzidos da entrevista podem ser lidos abaixo.

San Antonio Metal Music Examiner: Fiquei animado de saber que você tinha entrado para a banda de Yngwie Malmsteen em 2008, apesar de ele durar apenas um ou dois discos com o mesmo vocalista. O que aconteceu no seu caso?

Owens: Eu ainda estou com Yngwie.

San Antonio Metal Music Examiner: Ah é? Eu tinha lido em algum lugar que você dizia não saber se o disco ‘Relentless’ com você sairia, então pareceu que você não estava mais na banda.

Owens: Eu tinha sido indagado em uma entrevista sobre Yngwie lançar um disco, e eu não sabia de nada. As canções que sobraram de ‘Perpetual Flame’ (em 2008) não eram exatamente sobras de estúdio. Elas eram material extra. Eu gosto de fato de ‘Relentless’ mais até do que ‘Perpetual Flame’. Mas Yngwie lança muito material instrumental, então eu não sabia se aquelas faixas seriam lançadas. Eu de fato saio da turnê com o Dio Disciple e embarco noutra com Yngwie.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

San Antonio Metal Music Examiner: Quando você estava no Judas Priest, o quão difícil foi para você, à medida que os rumores se acumulavam sobre o retorno de Rob Halford, e o resto dos caras fazendo entrevistas e sendo perguntados sobre ele?

Owens: Bem, eu sabia que isso iria acontecer algum dia, mas todo mundo à minha volta foi muito profissional no modo que conduziram isso. A banda e eu somos amigos. Ouça, o que eu tinha que provar, provei no palco, cantando o material com competência. Agora, quando você olha praqueles anos, se você comparar ‘Jugulator’ (o disco de 1997 do Priest com Owens nos vocais) e ‘Nostradamus’ (o disco duplo conceitual de 2008 do Priest que é baseado no misterioso e célebre profeta francês do século 16), eu acho que ‘Jugulator’ é melhor. Mas Rob é o cara. Eu entendo isso, e eu sabia que isso viria. E pra lhe dizer a verdade, eu fiquei de boa quando veio. Eu excursiono mais e faço mais com a minha vida agora. Mas se eu não tivesse sido do Priest, eu não estaria fazendo algumas coisas que faço agora, tampouco.(...)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Esta matéria pode ser lida na íntegra no site do LoKaos Rock Show:
http://lokaos.net/tim-ripper-owens-jugulator-e-melhor-do-que...




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Nightwish: Tarja Turunen fala sobre sua demissão da bandaNightwish
Tarja Turunen fala sobre sua demissão da banda

Exodus: Rick Rubin é uma verdadeira fraude, diz Gary HoltExodus
"Rick Rubin é uma verdadeira fraude", diz Gary Holt


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Cli336 Cli336