Slipknot: "para cada Mustaine falando merda há um Hetfield"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por João Renato Alves, Fonte: Van do Halen
Enviar Correções  

Durante entrevista ao MetalSucks.net em novembro de 2012, Corey Taylor falou sobre…

publicidade

A preocupação se sua voz pode se desgastar com o tempo, como aconteceu com Phil Anselmo: Não realmente. Penso que ele teve muito mais problemas que simplesmente a voz, vamos colocar assim. Meu timbre é o mesmo desde os 15 anos, não estou preocupado. Além disso, parei de beber, embora não de fumar. Estou tentando me manter saudável.

Velvet Revolver: A banda ficou mais em dúvida que eu, para ser honesto. Sou amigo de todos eles, era apenas uma questão de interesse. Obviamente, Slash tem sua carreira solo, Duff tem o Loaded, Matt e Dave Kushner também estão fazendo seus projetos. Então, vejo que eles não estavam tão interessados em manter o grupo. A notícia se espalhou antes de conversarmos sobre o assunto. Slash mandou e-mail pedindo desculpas e eu compreendi. Mesmo assim, tive a chance de fazer jams com caras que cresci venerando. Se isso é o que de pior podia acontecer, ainda foi bom.

publicidade

Opiniões políticas de músicos como Dave Mustaine: Ninguém deveria colocar um microfone na frente de Dave, exceto quando for hora de cantar. Toda vez que ele dá uma opinião eu fico com medo. Algumas pessoas escreveram no Twitter que isso os deixava envergonhados de ser um Metalhead, mas dane-se! Para cada Mustaine há um Hetfield. Deixe-o falar a merda que quiser e não se desencoraje por isso. Só porque há um cara que não sabe o que fala não significa que outros vinte não saibam.

publicidade


WhiFin WhiFin WhiFin