Black Sabbath: segundo Iommi, Ward decepcionou a banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 30/05/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Paul Cashmere do site Noise11 da Austrália, conduziu uma entrevista com o guitarrista do BLACK SABBATH, TONY IOMMI recentemente. O que segue abaixo é a transcrição traduzida de alguns trechos da conversa.

2785 acessosAses das seis cordas: Guitarristas e suas assinaturas5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha

Sobre a decisão do baterista BILL WARD de recusar a reunião com o Sabbath por disputas contratuais:

Iommi: “Tem sido um lance vai e volta com Bill por muitos anos comigo. Foi decepcionante. Ficamos todos decepcionados com isso. Já havia acontecido antes com [a banda derivada do BS] o HEAVEN & HELL. Queríamos que Bill voltasse e saísse em turnê de novo. Nós o trouxemos de volta e ele foi embora de novo. Nunca nos acostumamos com isso, na verdade. É uma pena. Teríamos gostado de ter tido Bill no novo álbum, e tenho certeza que Bill teria gostado de ter tocado nele, a situação chegou ao ponto da idiotice. Simplesmente não aconteceu.”

Sobre ser o único membro do Black Sabbath a nunca ter saído da banda:

Iommi: “Foi só que eu nunca saí. Eu segui em frente. O que é que você faz? Você tenta fazer o melhor que pode. Eu me diverti com algumas coisas que fizemos. Fizemos algumas coisas realmente boas. Com Dio, eu achei que Heaven And Hell e Mob Rules foram álbuns bons. Dehumanizer e tal. E tem também alguma coisa com Tony Martin e Cozy Powell que eu gostei. Quando as pessoas não estão lá, você tenta substituí-las, e é bem difícil substituir membros originais, porque é o som que vocês tem, que vocês todos criam. Eu fiz muitos discos com Tony Martin, Cozy Powell, Neil Murray. Tínhamos gravado Headless Cross e Forbidden, que foi o último que fizemos com aquela formação. Eu realmente não gostei daquele disco.” [...]

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Seis cordasSeis cordas
Guitarristas e suas assinaturas

2409 acessosJimmy Copley: baterista morre aos 64 anos de idade737 acessosHeavy Lero: Black Sabbath com Ozzy, a terceira parte435 acessosSamantha Fish: guitarrista blueseira faz cover de "War Pigs"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

TraduçãoTradução
O clássico Heaven And Hell, do Black Sabbath

Top 20Top 20
Discos recentes de bandas clássicas tão bons quanto os antigos

Max CavaleraMax Cavalera
"Ozzy me encorajou muito depois que saí do Sepultura".

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"

HumorHumor
O dia em que Steve Vai foi humilhado por Chimbinha

Gene SimmonsGene Simmons
Declarações polêmicas sobre bandas de sucesso

Edu FalaschiEdu Falaschi
"Não tenho saudades do Angra"

5000 acessosSystem Of A Down: Daron Malakian ensina como ser músico5000 acessosSlipknot: "Coldplay faz música para limpar a bunda"5000 acessosCharlie Brown Jr.: mãe de Chorão acusa neto de abandono5000 acessosBruce Dickinson: vencer o câncer foi um "aprendizado de vida"5000 acessosIron Maiden: Paul Di'Anno fala sobre saúde de Clive Burr3144 acessosIron Maiden: as relações de Duna com o mundo musical

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online