Queensryche: Geoff escreveu vocais e letras mas não a música

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ivan Jones, Fonte: Brave Words & Bloody Knuckles, Tradução
Enviar Correções  


Pode haver dois QUEENSRYCHEs, mas existe apenas um Eddie Jackson. O baixista está na banda desde seu início, em 1982, e está pronto para seguir adiante com o novo vocalista Todd La Torre. Jackson sentou-se com Mitch Lafon para discutir sobre o novo direcionamento da banda e seu futuro imediato - uma reportagem especial para o site BraveWords. Seguem alguns trechos.

Geoff Tate: vocalista está trabalhando em "misterioso" álbum novo

Lemmy: "Eddie Van Halen nunca chegará aos pés de Hendrix!"

A história do Queensryche está um pouco difícil agora, mas vocês têm um novo álbum que sai em junho com Todd. Como estão progredindo?

Eddie Jackson: "Está evoluindo bem. Estamos finalizando o novo álbum e ele está começando a soar muito bem. Estamos muito animados com isso. "

Os vocalistas são geralmente a identidade ​​de qualquer banda. Você pensa em AEROSMITH - você pensa em Steven Tyler. Você pensa em KISS - você pensa em Paul Stanley. Todd era, é claro, o CRIMSON GLORY. Você está preocupado das pessoas acusarem o Queensryche de soar como Crimson Glory? Isso lhe passou pela cabeça?

Eddie Jackson: "Isso não passou por minha cabeça. Cada cantor tem seu próprio estilo, mas a beleza é tê-lo cantando alguns dos velhos clássicos por causa de seu alcance vocal. Isso não me incomoda... Você será criticado e observado por um microscópio, mas nós estamos apenas fazendo o que fazemos e estamos nos divertindo com isso. "

Depois de estar na banda há mais de trinta anos - como você se sente sobre o que ocorreu com Geoff (Tate)? Você está triste? Você acha que poderia ter sido diferente?

Eddie Jackson: "Bem, toda banda gostaria que as coisas fossem diferentes após uma transição como essa. Era algo que estava se desenvolvendo há algum tempo e era difícil, às vezes, quando você não tem uma voz ativa... Você não está autorizado a tomar decisões e começou realmente a afetar a infra-estrutura da banda... E isso agora se transformou em algo que sentimos ser mais democrático. Estamos nos divertindo agora e Todd trouxe uma nova vida para essa banda. É lamentável que as bandas passem por isso, mas nós não somos os únicos que têm experimentado algo assim. "

Quem é o responsável pela composição do novo álbum? Independente das coisas funcionarem com Geoff ou não, ele era responsável por escrever uma grande parte das canções. Então, quem assumiu isso? Foi o Todd? Quem está escrevendo as músicas agora?

Eddie Jackson: "Só para esclarecer uma coisa, Geoff escreveu a maioria dos vocais e qualquer coisa relacionada à voz, mas não a música."

Certo ... Mas liricamente era seu conteúdo.

Eddie Jackson: "Bem, Chris DeGarmo e eu - nós contribuimos com uma pequena parte, mas com este novo álbum temos todos contribuindo em tudo. Eu mesmo contribui com alguns vocais, melodias e até mesmo algumas idéias de guitarra junto com minhas partes de baixo. Scott fez o mesmo, ele veio com as partes de bateria e algumas partes de guitarra. Todo mundo ... Tem sido um esforço do grupo como um todo. Parker fez um grande trabalho e Todd tem contribuído com idéias de alguns tipos de percussão para serem incorporadas nas novas músicas. Michael, como você sabe, é a espinha dorsal (quando se trata de guitarra) da banda no momento. "

Leia a entrevista completa (em inglês) no link abaixo.

http://www.bravewords.com/news/203478


adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin