Mötley Crüe: os discos que Nikki Sixx levaria para uma ilha

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 26/06/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Entrevista publicada nessa terça-feira, 25 de Junho, pelo site estadunidense especializado em rádio ALL ACCESS.

1833 acessosLayne Staley: ele mudou nome do meio graças a Tommy Lee5000 acessosSonho de Consumo: os 10 palcos de shows mais desejados


1] Enquanto a maioria dos fãs de rock lhe conhece como membro fundador do MÖTLEY CRÜE e do SIXX: A.M., como foi que você começou a vislumbrar a possibilidade de fazer um programa de rádio?

Eu sou fã de rádio desde que eu era moleque. Eu me lembro de sentar na casa dos meus avós em Idaho, ouvindo à estação local e ficar impressionado com os DJs.Eu costumava ligar pra eles e pedir minhas músicas favoritas e quando eles as tocavam, eu sentia que tinha uma ligação especial. Depois de ser entrevistado no ar por anos a fio, me ofereceram a oportunidade de me sentar do outro lado do microfone e eu agarrei a chance.

2] Que estações e personalidades do rádio você ouvia quando era mais jovem?

Eu me mudei muito quando era novo, mas Casey Kasem, Wolfman Jack, Jim Ladd e Bob Coburn todos me marcaram.

3] Você poderia nos especificar como os programas “SIXX SENSE” e “THE SIDE SHOW COUNTDOWN” foram criados? Como você conheceu sua co-apresentadora Kerri Kasem?

Uma vez que decidimos o formato e como os shows de ajustariam à minha personalidade, foi a hora de começar o que eu acreditava seria uma tarefa bem difícil,a de achar uma co-apresentadora mulher. Eu realmente creio que ter um ponto de vista feminino é importante, então quando começamos o processo, eu me encontrei com várias possíveis candidatas. Quando me encontrei com Kerri, deu liga.

4] Parabéns pelo Sixx Sense estar sendo transmitido por mais de 100 afiliadas. È um belo dum feito. Quais são os elementos intangíveis que fazem com que o programa dê certo?

É a química natural entre eu e Kerri, e nosso amor pela música, isso realmente faz com que o programa funcione.

5] Praqueles que não ouviram a nenhum dos dois programas, diga alguns pontos altos de convidados e músicas que você desfila no programa à noite?

Os destaques dos programas são nossas abordagens a assuntos cotidianos, misturados com entrevistas bastante pessoais com artistas de todos os segmentos. Nós vamos fundo para encontrar músicas para tocarmos no segmento ‘Sixx Picks’ e eu também gosto de contar histórias enquanto toco sons antigos.

6] Tenho certeza de que você tem algumas histórias picantes do Mötley Crüe que você contra pros ouvintes toda noite. Quantas histórias não são apropriadas para se contar no ar?

99.99999999%

7] Como é que se escolhem as músicas do Sixx Sense e do The Side Show Countdown? Você tem a palavra final sobre tudo que é tocado?

Trabalhamos em parceria total com os programadores para desenvolver o melhor tipo de música para o formato. No frigir dos ovos, é a música é o que guia o programa e nossas vidas.

8] Qual sua opinião sobre o rock de hoje em dia? É bom agora como foi nos anos 80 e 90?

A música está sempre evoluindo e você sempre vai ter imitadores modistas, que se procriam nas novas revoluções – é um ciclo que nunca vai mudar. Por vezes estamos no topo, e por vezes estamos por baixo. Mas no momento, eu gostaria que as bandas tivessem mais culhões.

9] Como é que o Sixx Sense e o The Side Show usam as mídias sociais para interagir com os ouvintes?

Nós metemos a mão na massa, corpo a corpo, pessoalmente e sem medo de confronto. A mídia social deveria ser uma extensão de sua personalidade.

10] OK… eu tenho que perguntar isso. Há algo de novo sobre o Mötley Crüe que você possa nos contar? Há mais música de Nikki Sixx que possamos esperar ouvir no futuro?

Eu estou sempre compondo. No momento, o Sixx: A.M. está no estúdio gravando nosso terceiro disco, que eu acredito ser nosso mais ousado.Quando o momento for certo, a mesma coisa acontecerá com o Mötley Crüe, que tem sido o meu amor faz mais de 30 anos.

Perguntas Bônus:

Quais são alguns de seus outros hobbies e interesses fora do rádio e da música?

Fotografia, fotografia, fotografia. Avance 30 anos no tempo, e eu me vejo velho, com uma câmera em minha mão, me escondendo nas sombras, procurando por aquela foto mágica.

Você está preso numa ilha deserta e você só tem cinco CDs com você. Quais são eles?

“Fun House” do STOOGES, “Get Your Wings” do AEROSMITH, “Sheer Heart Attack” do QUEEN, “Vol. 4” do BLACK SABBATH e “Young Americans” de DAVID BOWIE.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Layne StaleyLayne Staley
Ele mudou nome do meio graças a Tommy Lee

751 acessosConsequence of Sound: 10 discos de Hair Metal que "não são ruins"1442 acessosHair Metal: dez álbuns que valem a pena488 acessosMötley Crüe: como crianças de hoje reagem ao som da banda?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motley Crue"

Nikki SixxNikki Sixx
"Um conselho, tente não cheirar a Colômbia"

Vince NeilVince Neil
"Queria ter uma voz como a do Dio ou Coverdale!"

TwitterTwitter
Contas que todo fã de rock deveria seguir

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Motley Crue"

SonhoSonho
Os 10 palcos de shows mais desejados

PanteraPantera
"Odiei gravar Cowboys From Hell", diz Phil Anselmo

BaixosBaixos
Como conservar e recuperar as cordas do instrumento

5000 acessosNirvana: Kurt Cobain leva surra em cima do palco em 19915000 acessosU2: as 10 melhores músicas de todos os tempos da banda5000 acessosEmo: gênero que todos amam odiar sem conhecer absolutamente nada5000 acessosGuns N' Roses: comediante amigo dos caras diz que ajudou na reunião5000 acessosGuns N' Roses: Zakk Wylde conta como quase entrou na banda5000 acessosHard & Metal: dez músicas que soam melhor ao vivo

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online