Matérias Mais Lidas

imagemO grave problema do refrão de "Eagle Fly Free", segundo Fabio Lione

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemA bizarra exigência de Ace Frehley para participar da última turnê do Kiss

imagemA categórica opinião de Dave Mustaine sobre religião "abusiva e falsa" de sua mãe

imagemEdu Falaschi descobriu que seu primo famoso tem mais seguidores que ele no Instagram

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemDave Mustaine cutuca Kiss e bandas "preguiçosas" que usam playbacks

imagemGene Simmons diz que não sabe quando última tour do Kiss vai acabar

imagemJoão Gordo diz que não torce pela seleção brasileira de futebol

imagemRádio canadense está tocando uma música do Rage Against The Machine sem parar

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemLobão explica porquê todo sertanejo gostaria, no fundo, de ser roqueiro

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemDave Mustaine, eufórico, compara James LoMenzo com Cliff Burton


Airbourne 2022

Uli Jon Roth: deixando turnê por problemas com vistos

Por LC Pereira
Fonte: Blabbermouth
Em 20/06/14

O lendário guitarrista Uli Jon Roth (Scorpions) foi forçado a se retirar da turnê Guitar Gods, que foi previamente anunciada junto com Yngwie Malmsteen, Ron "Bumblefoot" Thal (GUNS N' ROSES) e Gary Hoey.

Roth disse em um pronunciamento: "Infelizmente, nós fomos forçados a cancelar a minha participação nessa turnê devido a circunstância imprevistas que está além de nossos controles.

Nós não sabemos o porquê, mas o visto de trabalho atrasou misteriosamente sem motivo aparente e no ponto em que estávamos não havia outra escolha razoável a não ser cancelar nessa altura do campeonato. Em mais de 30 anos obtendo vistos americanos, isso nunca aconteceu comigo, mas sempre há uma primeira vez, eu acho.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Eu teria amado tocar para o público americano nesta turnê, como fiz muitas vezes anteriormente, mas eu tenho certeza que meus 3 amigos guitarristas ficarão bem sem mim e farão um bom trabalho com suas habilidades consideráveis. Desejo a eles a melhor sorte e muita inspiração.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Como fã brasileiro de Scorpions trabalhou com Uli Jon Roth e foi até roadie deleComo fã brasileiro de Scorpions trabalhou com Uli Jon Roth e foi até roadie dele


Uli Jon Roth: ele ainda usa a guitarra do primeiro show de 1968

Joe Satriani: qual guitarrista mais o impressionou no G3?



Sobre LC Pereira

LC Pereira começou a ter preferência pelo rock já com 17 anos, por influência de amigos. Até que escutou o lendário álbum Powerslave da banda britânica Iron Maiden, e tudo mudou. A partir daí vieram o hard rock, o melódico, etc., e ele decidiu que o heavy metal seria uma de suas maiores paixões, assim como a literatura, a poesia e uma boa cerva gelada. Sete anos se passaram desde a primeira audição do álbum e LC trabalha atualmente como professor de Inglês e também como tradutor.

Mais matérias de LC Pereira.