Dave Lombardo: o lado dos negócios é tão importante quanto a música

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em uma recente edição da revista Rhytm, do Reino Unido, o ex-baterista do SLAYER e atual PHILM, Dave Lombardo, foi perguntado se o lado dos negócios pode atrapalhar a música.

Black Sabbath: os vocalistas misteriosos da bandaBlasfêmias?: Rockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e Deus

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ele respondeu: "É frustrante, mas é parte disso, e você vai percebendo que você tem que saber dos negócios se quer ser um músico. Você não pode passar pela carreira sem saber o que está se passando ao seu redor. Você tem que definitivamente ter noção de quem está cuidado das coisas e como eles estão fazendo isso. É um dos tópicos que eu discuto nos meus workshops. Sim, pratique sua arte, pratique seus instrumentos, aprenda como criar música e vá à escola para a teoria, não importa o que você está estudando, mas também conheça o lado dos negócios dessa indústria. É bem importante. Não entre cego, você vai se foder."




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Dave Lombardo"Todas as matérias sobre "Slayer"Todas as matérias sobre "Philm"


Slayer: 6[66] razões para vê-los antes de morrerSlayer
6[66] razões para vê-los antes de morrer

Noisecreep: dez melhores canções de Metal (e Hard) dos 80sNoisecreep
Dez melhores canções de Metal (e Hard) dos 80s


Black Sabbath: os vocalistas misteriosos da bandaBlack Sabbath
Os vocalistas misteriosos da banda

Blasfêmias?: Rockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e DeusBlasfêmias?
Rockstars que atacaram a igreja, Jesus Cristo e Deus


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

adGoo336