Slipknot: Corey explica relação de amor e ódio com a indústria

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Loudwire, Tradução
Enviar Correções  

Em uma nova entreivsta com a WRGD 97.9FM, de Michigan, o vocalista do SLIPKNOT, Corey Taylor, falou sobre "Killpop", terceiro single do último álbum do grupo, ".5: The Gray Chapter".

"Você sabe, o que é engraçado é que nas últimas semanas, eu realmente recebi interpretações de todo mundo sobre o que essa música significa, e não está nem perto daquilo que eu escrevi", disse. "Então é meio interessante ouvir essas interpretações daquilo que eu estou cantando. E para ser honesto com você, essa música é minha reflexão do meu relacionamento com a música. É sobre isso eu falamos. Não é só a música, mas a indústria em geral. Então é uma relação de amor e ódio por lá que meio que chegou à superfície."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ele continuou: "Há este velho ditado: ‘Cuidado com o que você deseja’, e ‘Tome cuidado fazendo o que você ama, porque isso pode se voltar contra você’, e, você sabe, todas as vezes que você mistura negócios com prazer, você vai achar pequenos defeitos que vão lhe irritar. Então, esta música, na verdade, é como eu ainda amo fazer música, mas como eu também odeio o lado dos negócios, o lado dos números, das pessoas de terno tentando passar por cima de você, e ter de lidar com eles, aprender a falar com eles. E, você sabe, algumas vezes é frustrante, mas é o que é. E, com sorte, nós podemos soltar uma boa música e fazer algo que é realmente legal, e poder soltar algo que as pessoas vão curtir."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


WhiFin Goo336 Goo336 Cli336