Jim Root: ser despedido é "como acabar um namoro"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

O guitarrista do SLIPKNOT, Jim Root, foi despedido do STONE SOUR em 2013, após decidir ficar de fora da última turnê para começar a trabalhar no novo álbum do SLIPKNOT. Ele falou ao Des Moines Register que essa demissão deixou as coisas estranhas entre ele e Corey Taylor, que ainda é membro de ambas as bandas:

347 acessosSlipknot: React - reagindo aos saltos do DJ Sid Wilson5000 acessosSlipknot: Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy Metal

“Quando você é pego de surpresa por algo assim, isso lhe deixa em dúvida sobre as motivações ou intenções, ou por que tem que ser assim, quando na verdade, tudo que precisávamos era de um álbum do SLIPKNOT, então poderíamos voltar aos negócios normalmente”, disse Root.

“Por qualquer que seja a razão, isso aconteceu e isso me deixou puto em perceber que não importa quem você seja ou qual seja seu papel naquilo que você faça. Você sempre tem que estar dando o seu melhor, porque você nunca sabe o que vai acontecer. Isso definitivamente fez com que eu ficasse ligado e afiasse minhas habilidades um pouco mais. Quando algo assim acontece, é como acabar um namoro.”

O STONE SOUR nomeou Christian Martucci como substituto permanente de Root. Ele foi recrutado pela banda no começo de 2014, mas só foi confirmado em março passado como membro oficial, através de uma postagem no Facebook.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 04 de maio de 2015

Corey TaylorCorey Taylor
Como ele acha que será a sua morte?

347 acessosSlipknot: React - reagindo aos saltos do DJ Sid Wilson0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slipknot"

Metal HammerMetal Hammer
Vocalistas com infâncias problemáticas

SlipknotSlipknot
Qual a opinião de Steve Harris sobre a banda?

Ultimate Classic RockUltimate Classic Rock
Os supergrupos mais improváveis do rock

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Stone Sour"0 acessosTodas as matérias sobre "Slipknot"

SlipknotSlipknot
Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Metal

MegadethMegadeth
Recadinho provocante da vocal do Huntress

Felipe AndreoliFelipe Andreoli
"Se você quiser se arriscar a ligar para o ex-cantor do Angra..."

5000 acessosSteve Vai: veja o "cantinho da criação" do guitarrista5000 acessosBruce Dickinson: vocalista elege seus 5 álbuns preferidos5000 acessosPaula Fernandes: aos 19 anos ela ia em shows de Black Metal4835 acessosBlack Sabbath: imagens inéditas de 1970 surgem no Youtube5000 acessosDetonator: "quebrando taça de cristal com agudo ultrasônico" no Agora é Tarde da Band5000 acessosSoundcheck: Bandas que mandam bem até na passagem de som

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online