Korn: banda celebra 20 anos do álbum que mudou o Metal pra sempre

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar Correções  

Há uma certa ironia no fato de que os críticos de rock ainda estavam ocupados escrevendo o obituário de Kurt Cobain quando o Korn chegou ao Indigo Ranch Studio para gravar seu álbum de estreia.

Korn: os 10 melhores vídeos da banda, segundo a KerrangÁlbuns ao vivo: 10 grandes registros da história do rock

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Isso porque, com o tempo, a música que o quinteto de Bakersfield, Califórnia, gravou no pitoresco estúdio de Malibu seria o último prego no caixão do hair metal oitentista.

Introduzido pelo eletrizante chamado às armas de Jonathan Davis, ‘Are You Ready? ’, o disco de estreia do Korn é o som de uma revolução musical – uma reconstrução brutal, atemorizadora e revigoradora do Metal para o novo milênio, e que não perdeu nada de seu poder e impacto depois de duas décadas. Dissecado minuciosamente, a matéria-prima de sua sonoridade híbrida são facilmente discernidas, com o Korn devendo muita gratidão ao PANTERA, RAGE AGAINST THE MACHINE, FAITH NO MORE, e às atmosferas sombrias do hip-hop da costa oeste dos EUA. Mas em colaboração com o produtor ROSS ROBINSON, o Korn criou um novo, distinto e inovador vocabulário para o Metal que iria, sozinho, redefinir o cenário musical. À ocasião de seu lançamento em outubro de 1994, a revista bretã Metal Hammer comentou que ‘ao longo das 12 faixas, há um groove constante, profundo e sombrio com um senso hipnótico de melodia. "

Agora a banda se prepara para voltar ao Reino Unido mês que vem para dois shows especiais nos quais eles tocarão aquele CD na íntegra, e a mesma publicação conversou com os dois membros fundadores da banda, Davis, [vocais] e Munky [guitarra] sobre suas memórias das gravações desse marco metálico.

"Éramos apenas um bando de moleques de Bakersfield vivendo o sonho do rock", diz Jonathan. "Eu lembro que foi uma experiência muito legal".

"Mas se soubéssemos o quão importante o álbum se tornaria, talvez tivéssemos tentado ficar sóbrios durante parte do tempo! ", emenda Munky, rindo.

A entrevista completa, conduzida pelo jornalista PAUL BRANNIGAN, pode ser lida no original em inglês no link abaixo:

http://kornrow.com/korn-in-metalhammer-magazine-august-2015/...




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Korn: os 10 melhores vídeos da banda, segundo a KerrangKorn
Os 10 melhores vídeos da banda, segundo a Kerrang

Korn: banda disponibiliza filmagem profissional do show de lançamento de The NothingKorn
Banda disponibiliza filmagem profissional do show de lançamento de The Nothing


Metal Hammer: o ano de 1999 marcou o fundo do poço do metal?Metal Hammer
O ano de 1999 marcou o fundo do poço do metal?

Barack Obama: não sou o vocalista do Korn, diz o fantoche illuminatiBarack Obama
"não sou o vocalista do Korn", diz o "fantoche illuminati"


Álbuns ao vivo: 10 grandes registros da história do rockÁlbuns ao vivo
10 grandes registros da história do rock

Pink Floyd: dupla sertaneja desvirtua clássico da bandaPink Floyd
Dupla sertaneja desvirtua clássico da banda


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor