Radiohead: "esperamos não demorar 20 anos pra voltar ao Brasil"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Danilo F. Nascimento, Fonte: Rolling Stone
Enviar Correções  

Philip Selway, baterista do Radiohead, em nada se assemelha ao estereótipo de astro do rock. Sereno e tranquilo, o baterista concedeu uma entrevista à revista "Rolling Stone Brasil", onde falou sobre o novo álbum e sobre uma possível (ou não) vinda da banda ao Brasil em um futuro próximo.

Metallica: baterista comenta sobre outros artistas durante a quarentenaCapas de álbuns com ilusões de ótica

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"King of Limbs" (2011), último trabalho do Radiohead, obteve uma crítica mista, tendo agradado apenas uma pequena parcela do público e da crítica especializada. Apenas os fãs mais ardorosos mantiveram-se fiéis e aprovaram a sonoridade do disco. O álbum priorizou loopings e sequências digitais programadas, em detrimento das guitarras que sempre foram uma marca registrada na construção da sonoridade do grupo.

Sobre o vindouro novo trabalho da banda, Selway ainda não sabe se seguirão a mesma linhagem do disco anterior: "Ainda não tenho como dizer com certeza como o álbum vai soar. Trabalhamos em canções que nos empolgam, independentemente da direção que elas sigam. Não vale a pena dar muitos detalhes sobre o álbum, porque muitas vezes, estamos navegando em um sentido e de repente mudamos completamente a rota, somos imprevisíveis."

Se há uma data de lançamento em mente, o baterista não sabe: "Não tenho nenhuma informação a esse respeito. Na verdade, nenhum de nós sabe nada sobre isso. Não vamos nos prender a prazos. Nós trabalhamos muito intensamente juntos, e vamos tomando as decisões conforme o andamento dos processos. Em algum momento, o projeto será finalizado, mas não há uma data pré-estipulada."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre uma possível turnê no Brasil, Selway é cauteloso: "Os shows em São Paulo e no Rio de Janeiro (em 2009) foram muito intensos. Era a nossa primeira vez no país e estávamos aflitos, por não saber se as pessoas embarcariam na nossa música ou não. É sempre uma surpresa quando você chega a um lugar desconhecido e as pessoas se identificam com suas canções. Foi uma alegria para nós. Esperamos não demorar mais 20 anos pra voltar ao Brasil."




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metallica: baterista comenta sobre outros artistas durante a quarentenaMetallica
Baterista comenta sobre outros artistas durante a quarentena


Radiohead: Eddie Vedder revela o que realmente pensa sobre a bandaRadiohead
Eddie Vedder revela o que realmente pensa sobre a banda

Rolling Stone: os 100 melhores álbuns dos anos 2000Rolling Stone
Os 100 melhores álbuns dos anos 2000


Capas de álbuns com ilusões de óticaCapas de álbuns com ilusões de ótica

Derek Riggs: Eddie vende mais do que Mickey MouseDerek Riggs
"Eddie vende mais do que Mickey Mouse"


Sobre Danilo F. Nascimento

Administrador por casualidade. Músico por instinto. Escritor por devaneio. Fascinado por música, literatura e cinema. Seu primeiro contato com o mundo do rock data de meados dos anos 90, uma época de transição entre o analógico e o digital, e, principalmente, uma época onde a MTV ainda era aprazível e relevante. Idolatra e cultua o legado instituído pela maior banda de todos os tempos, o Queen.

Mais matérias de Danilo F. Nascimento no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280