Mustaine: revelando qual sua composição preferida do Metallica

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em uma nova entrevista com o LA Weekly, o frontman do MEGADETH, Dave Mustaine, foi perguntado como foi a viagem de ônibus em 1983 após ser despedido pelo METALLICA. Ele respondeu: "Eu fiquei olhando pela janela. Bastante. E foi uma dor excruciante... Porque, eu me lembro, eu estava morando com eles, não tinha um trabalho, não tinha salário, não tinha dinheiro. Eles me colocaram no ônibus sem dinheiro algum. Então não tinha dinheiro para comer. Não tinha dinheiro para nada. E entrei no ônibus em uma viagem de quatro dias sem comer, sem beber. Toda essa viagem, foram quatro dias infernais. Aprendendo como abordar estranhos e pedir dinheiro para comida, aprendendo como fazer com que outras pessoas paguem sua bebida, para que você possa ter uma noite de sono no ônibus [risos]. Quando o ônibus chega na estação e para um pouco para trocar de motoristas, você só reza a Deus para que não durma nessa conexão e merdas assim, porque nunca tinha feito nada assim na minha vida. É diferente quando você sabe o que vai fazer e onde tem que ir. E é diferente se você tem dinheiro. Dinheiro é a chave para todos seus problemas. Mas e se você não consegue nem usar um telefone público? É bem fodido."

3700 acessosLars Ulrich: o impacto do movimento grunge no Metallica5000 acessosTop 500: as melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling Stone

O frontman também foi perguntado sobre qual das quatro músicas que ele é creditado como co-compositor no álbum de estreia do METALLICA, "Kill ´Em All", de 1983, ele tem como sua preferida: "Minha preferida? Interessante. Boa pergunta. Você sabe, eu gosto de de ´Phantom Lord´ e ´Metal Militia´, porque são músicas muitos interessantes. Mas acho que se for para dizer qual a melhor música do METALLICA que eu escrevi, seria ´The Call Of Ktulu´ [faixa instrumental do álbum ´Ride The Lightining´]. Ela fala por si só. E quando você tem uma música que consegue falar por si só sem nenhuma palavra, isso é um grande argumento."

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Lars UlrichLars Ulrich
O impacto do movimento grunge no Metallica

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

RHCPRHCP
Confundidos com o Metallica, tiveram que autografar cds e fotos

Avery MolekAvery Molek
Aos 6 anos, mostrando para Lars Ulrich como se faz

MetallicaMetallica
As extravagâncias da banda para tocar no Rock in Rio

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Megadeth"0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"


Top 500Top 500
As melhores músicas da história segundo a Rolling Stone

Dead FishDead Fish
A proposta mais indecente que a banda já recebeu

Iron MaidenIron Maiden
O pior momento de Bruce Dickinson no palco

5000 acessosOzzy Osbourne: "o morcego era quente e crocante"5000 acessosGhost: uma foto assustadora dos bastidores do Rock In Rio5000 acessosGuitarristas: você consegue identificar todos nesta imagem?2279 acessosFoo Fighters: baterista deficiente dá show em cover5000 acessosOzzy Osbourne: uma garrafa d'água que custou 80 mil5000 acessosAnthrax: carreira da banda foi salva pelo Metallica

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 18 de janeiro de 2016


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online