Cranial Crusher: Taverna do Metal entrevista a banda paulista

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Renan CxCx, Fonte: Facebook oficial
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 30/01/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Em entrevista para o Taverna do Metal, os paulistas do Cranial Crusher falam um pouco sobre sua história, planos para o futuro, bandas, amizades, suas impressões sobre a cena e mais uma série de coisas.

5000 acessosSlash: guitarrista escolhe seus riffs favoritos5000 acessosSteven Tyler: "Há álbuns que prefiro esquecer"

Confira abaixo um trecho da entrevista:

Como sabemos, é bem trabalhoso levar uma banda de metal no Brasil. Quais dificuldades a banda enfrenta desde que foi criada?

R.: Na real, é trabalhoso levar uma banda de metal em qualquer lugar do mundo. Você é julgado a todo momento pelo seu visual, pela música que ouve, pela ideologia, por estereótipos... O problema é que aqui é ainda mais foda por uma série de fatores adicionais (sociais, econômicos, etc.). Nestes anos, já passamos por vários perrengues por aí e é sempre uma merda: produtor que não paga o valor combinado ou aparece com equipamentos diferentes do que tinha dito, gente que não quer dar nem água pras bandas, falta de grana, etc. Tocar metal no brasil não é pra qualquer um, tem que ser casca grossa (risos)!

Uma bem direta! Quais os pontos positivos e negativos da cena local?

R.: Cara, não estamos aqui pra apontar o dedo pra ninguém, pois reconhecemos nossas falhas e isso é importante pra caralho, sendo o primeiro passo pra qualquer tipo de mudança. Infelizmente as coisas rolam nos bastidores de maneira um pouco diferente do que é fora deles. Às vezes vemos uma galera querendo impor regras de atitude, vestimenta, crenças pessoais, sexualidade e som em um meio que prega acima de tudo a liberdade, o respeito e a diversão e isso nos soa um pouco contraditório e segregacionista. Queremos que a cena seja uma só, cada vez mais unida, não importando o que você ouve ou acredita! Claro, há exceções, como ideais extremistas e fascistas que não devem ser tolerados, mas acreditamos que nem precisamos tocar nestes pontos e dizer que somos contra, né?

Agora, tirando tudo isso (risos!)... A gente vê que tem muita gente de bom coração no mesmo barco que a gente e é conhecer essa galera que nos dá força pra continuar fazendo nosso corre e agregar ao coletivo. Temos ótimas bandas e gente bem-intencionada, se esforçando pra caramba pra fazer eventos, lançar discos e merchan, dando o sangue mesmo e tirando grana de onde não tem pra fazer a coisa acontecer. Nós, como banda, somos só uma pequena parcela desse mundo de diversidade que é o underground. Tirando essa meia dúzia de zé ruela que mencionamos antes, a grande maioria tá aí pra somar da forma que pode, seja organizando eventos, tirando fotos, gravando, divulgando as bandas, escrevendo zines, comparecendo aos shows e tal. É essa união e cooperação que realmente importa e que nos passa uma energia muito forte, dando forças para continuarmos na ativa.

A entrevista completa está no link a seguir:
https://www.facebook.com/tavernadometal/posts/17630882170506...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Cranial Crusher"


SlashSlash
"O Led Zeppelin tem o maior acervo de riffs matadores!"

AerosmithAerosmith
"Há alguns álbuns dos quais eu prefiro não me lembrar!"

Os 11 mais (ou menos)Os 11 mais (ou menos)
O Suprassumo do Superestimado

5000 acessosKrisiun: "Edu Falaschi não viveu o underground"5000 acessosOzzy Osbourne: Sharon conta como o Madman tentou assassiná-la5000 acessosNirvana: Kurt Cobain leva surra em cima do palco em 19915000 acessosEm cana: bandas que gravaram video clipes em presídios de verdade5000 acessosKorn: famosa capa é homenageada em seriado da Rede Globo?5000 acessosKerry King: adoro o visual do Ghost, mas a música é uma merda

Sobre Renan CxCx

Heavy metal pra vida toda!

Mais matérias de Renan CxCx no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online