Cova Rasa: Uma banda brasileira para se ficar de olho

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vicente Reckziegel
Enviar Correções  

Uma banda ainda recente, mas com muito potencial para alçar voos maiores. Essa é a banda paulista Cova Rasa, que lançou este ano seu segundo álbum, intitulado "Cruzando Infernos". Formada por Jayme Danko (vocal/guitarra), Gustavo Fassina (guitarra), Edu Milani (baixo), Daniel Werneck (bateria) e Flavio Salin (teclados), nessa entrevista falam mais sobre a carreira da banda. Confiram que vale a pena conhecer mais sobre a música e proposta deles.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Vicente – Para começar, conte-nos um pouco sobre o início da banda. E como chegaram ao nome da mesma?

Jayme Danko: A banda foi formada em 2016 e no início tínhamos uma outra proposta de som. O Heavy Metal sempre foi uma paixão, mas não era exatamente o plano como iniciamos. A mudança aconteceu de forma espontânea, foi natural. Achamos um nome forte, que carrega personalidade, e automaticamente está ligado a temática da banda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Vicente – E chegando agora nesse momento, como avaliam a trajetória da banda, mesmo sendo relativamente nova no cenário nacional?

Gustavo Fassina: Uma trajetória ativa (risos). Nesse segundo álbum já tivemos mudanças de músicos restando apenas o Jayme, guitarrista e vocalista da formação original. Por mais que o Cova Rasa seja novo no cenário nacional, os músicos que fazem parte dessa nova formação já tem experiência com bandas, todos têm outros projetos, o que ajuda bastante na trajetória da banda.

publicidade

Edu Milani: A recepção tanto do público quanto da mídia, foi extremamente positiva. Elogios desde a qualidade de produção, bom gosto das composições e pelo fato de termos conseguido fazer algo diferente em português, dentro de um estilo difícil.

Vicente – Vocês lançaram no início deste ano seu segundo álbum "Cruzando Infernos". Como avaliam o resultado deste trabalho, e como foi a reação dos fãs e da mídia para o mesmo?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Gustavo Fassina: Melhor impossível! A banda tem 3 vídeos clip lançados, sendo um deles em Lyric vídeo. Todos com bastante visualizações e comentários positivos, podemos sentir que o pessoal aprovou nosso trabalho.

Vicente – As letras são um grande diferencial em "Cruzando Infernos". Como surgiu essa ideia de contar história sobre lendas urbanas e sobrenaturais?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Jayme Danko: Essa ideia veio junto com a mudança de proposta de som, pensamos em fazer algo diferente, escrever de maneira diferente. Estamos nos preparando para adentrar outros mercados e vamos lançar músicas e álbuns em inglês num futuro próximo, mas nada impede de voltarmos ao português futuramente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Vicente – Qual acredita ser a principal diferente do novo disco com relação ao seu debut, "Deadline"?

Gustavo Fassina: Nesse novo álbum existem mais influencias do metal tradicional, o primeiro é Rock N´Roll e só tinha uma guitarra. Nesse temos duas, as guitarras estão alinhadas e mais técnicas e os teclados estão mais sinfônicos.

Jayme Danko: Tivemos muitos problemas na mixagem do primeiro disco e terminamos nunca extraindo o som e o peso que queríamos. Foi feito muito na pressa e a mudança de proposta foi repentina, o que impactou no resultado final.

Vicente - Estamos vivendo tempos estranhos, com uma pandemia assolando o mundo. Como vocês analisam o atual momento, tanto no Brasil quanto no exterior, e como imaginam que isso irá afetar o cenário musical como um todo?

Gustavo Fassina: Sinceramente não sei dizer, pelo que podemos ver esse cenário vai perdurar esse ano ainda, e não temos certeza de nada sobre o próximo ano. Em relação ao cenário musical muitos músicos estão se adaptando, com aulas online, alguns são Luthier, etc. Imagino que as bandas irão continuar seus projetos, porem como já foi dito não existe certeza de nada no momento.

Vicente – O que acham das seguintes bandas:

ZZ Top – Mestres do Blues-Rock

Angra – Total admiração, um dos maiores expoentes do nosso país.

Dr. Sin – Igualmente, total admiração!

Judas Priest – Deuses do metal!

Iron Maiden– A maior banda da história do Heavy Metal.

Vicente – Para finalizar, deixem um recado para os fãs e amigos que admiram seu trabalho, e aqueles que querem conhecer mais sobre a banda Cova Rasa.

Gustavo Fassina: Obrigado pelo apoio! Tudo o que estamos trabalhando tem um propósito, uma vontade de fazer acontecer e sem vocês isso não seria possível. Obrigado!

Jayme Danko: Quem quiser conhecer, pode acompanhar a gente nas redes sociais, no instagram @covarasa_oficial e facebook Cova Rasa. Teremos novidades sendo anunciadas muito em breve. Obrigado.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Separados no nascimento: Phil Lynott e TiriricaSeparados no nascimento
Phil Lynott e Tiririca

Iron Maiden: Video mostra erros da banda ao vivoIron Maiden
Video mostra "erros" da banda ao vivo


Sobre Vicente Reckziegel

Servidor público, escritor, mas principalmente um apaixonado pelo Rock e Metal há pelo menos duas décadas. Mantêm o Blog Witheverytearadream desde Dezembro de 2007. Natural e ainda morador de uma pequena cidade no interior do Rio Grande do Sul, chamada Estrela. Há muitos anos atrás tentou ser músico, mas notou que faltava algo simples: habilidade para tocar qualquer instrumento. Acredita na música feita no Brasil, e gosta de todos os gêneros, desde Rock clássico até Black Metal.

Mais matérias de Vicente Reckziegel no Whiplash.Net.

Cli336 CliIL Cli336 WhiFin Cli336 Cli336 Cli336 Cli336