Matérias Mais Lidas

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemEric Clapton comenta a lenda do pacto com o diabo feito por Robert Johnson

imagemCinco curiosidades sobre "The Sick, The Dying... And The Dead!", do Megadeth

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1991 é um ano tão celebrado

imagemBob Dylan explica a diferença entre suas composições e as de Paul McCartney

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1984 é um ano vital para o metal

imagemQuantos discos o Guns N' Roses vendeu no Brasil e no mundo? Veja os números

imagemKiss: Tommy Thayer responde se Gene Simmons e Paul Stanley se dão bem

imagemNey Matogrosso relembra como foi abrir o Rock in Rio de 1985

imagemVídeos dos shows no Hellfest do Sepultura, Epica, Nightwish, Blind Guardian e outros

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1988 é um ano inesquecível

imagemPara Ian Anderson, os punks pensaram serem "a vacina" contra o rock progressivo

imagemCadáveres, sangue e girombas: a história da capa de "Reign In Blood", do Slayer


Vocalista do Saxon fala sobre bebida, drogas e como mantém sua voz aos 71 anos

Por Emanuel Seagal
Em 12/02/22

Os veteranos do Saxon lançaram na sexta-feira, 4 de fevereiro, "Carpe Diem", seu vigésimo terceiro álbum. O disco foi produzido por Andy Sneap (guitarrista do Judas Priest) no Backstage Recording Studios em Derbyshire com mixagem e masterização de Biff Byford e Andy Sneap.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ao promover o disco em entrevista realizada por Niclas Müller-Hansen, do site RockSverige.se, o vocalista Biff Byford, de 71 anos, falou como consegue manter seu desempenho vocal após décadas. Confira abaixo alguns trechos da entrevista.

RockSverige: "Sua voz ainda é muito forte. Outros cantores na sua idade estão tendo dificuldades ao vivo. Se você sentisse que sua voz está se deteriorando, você desistiria ou continuaria?"

Biff Byford: "Eu realmente não sei. Se você está gravando discos sua voz pode descansar mais, a menos que você tenha que terminar um álbum em uma semana ou algo assim. Ao vivo é uma coisa diferente. Você tem a viagem, a espera, o stress, a bebida, e dormir é uma parte importante do canto. Eu creio que os vocalistas às vezes ficam com uma má reputação. Eles estão fazendo turnês longas e não serão tão bons no meio da turnê como são no início dela. Não é como uma corda de guitarra, então você não pode esperar que os cantores mantenham esse alto nível de qualidade se estão fazendo uma longa turnê. É muito difícil. Acho que se você for colocado em uma caixa depois do show e você nunca fala, ou bebe, ou faz qualquer coisa, e apenas respira oxigênio puro, então seria possível. Eu acho que você tem que controlar seu ritmo. Eu não acho que nenhum cantor seria o mesmo no final (de uma turnê), a qualidade vai decaindo. Eu sei do que você está falando, você quer dizer pessoas que sofrem para alcançar as notas, mas acho que é apenas sorte e como você viveu no início, nos primeiros anos. Eu não me envolvi com drogas e bebidas fortes quando eu era mais jovem. Eu tenho problemas com a garganta, mas você só tem que tentar relaxar e aguentar se puder."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

RockSverige: "As drogas e a bebida, isso foi tentador para você no passado ou você apenas ficou longe disso?"

Biff Byford: "Onde eu morava e onde fui criado não havia cultura de drogas nos anos 60 e 70. Era só a família lá e namoradas. Nós nem tínhamos carro, então era tudo muito rural. É por isso que eu não vi muito disso quando eu tinha 14 ou 15 anos. Nós só tínhamos duas grandes cidades ao nosso redor, então se não chegassem lá, não víamos."

RockSverige: "Quais são as chances de outro álbum solo de Biff Byford?"

Biff Byford: "Estou pensando nisso agora. Estou começando a colocar algumas ideias na minha cabeça sobre como chamá-lo e alguns títulos de músicas. Há chances de acontecer, definitivamente. Eu não acho que o Saxon vai tocar até junho, então há tempo de sobra para reunir algumas ideias, fazer algumas demos e ver o resultado."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

imagemSaxon: "Carpe Diem", novo álbum da banda inglesa, é lançado; ouça aqui

imagemVocalista do Saxon relata experiências sobrenaturais: "já vi gatos atravessando paredes"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Grandes bandas em atividade: Yes, Saxon, Status Quo e Marillion (vídeo)



Exodus: "Rick Rubin é uma verdadeira fraude", diz Gary Holt


Sobre Emanuel Seagal

Descobriu o metal com Iron Maiden e Black Sabbath até chegar ao metal extremo e se apaixonar pelo doom metal. Considera Empyrium e X Japan as melhores bandas do mundo, Foi um dos coordenadores do finado SkyHell Webzine, escreveu para outros veículos no Brasil e exterior, e sempre esteve envolvido com metal, seja com eventos, bandas, gravadoras ou imprensa. Escreve para o Whiplash! desde 2005 mas ainda não entendeu a birra dos leitores com as notícias do Metallica. @emanuel_seagal no Instagram.

Mais informações sobre

Mais matérias de Emanuel Seagal.