Shaman: banda elege Top 5 álbuns de todos os tempos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Thiago Bianchi
Enviar correções  |  Comentários  | 

Os integrantes do SHAMAN elegeram os cinco melhores álbuns de todos os tempos, confira abaixo:

FE QUESADA

"Seventh Son of a Seventh Son" (IRON MAIDEN): Riffs e melodia de voz com combinação perfeita! Muito bom disco! Linhas de baixo muito inspiradoras e instrutoras!

5000 acessosNickelback: 11 razões para respeitar - muito - a Chad Kroeger5000 acessosNirvana: Claudia Ohana faz cover desastroso no Programa do Jô

"Black Album" (METALLICA): Melhor som de disco! Músicas ótimas! Junção perfeita do peso com melodias mais pops do que fazia nos outros álbuns!

"Masters of The Ring" (HELLOWEEN): Sem comentários. Composições ótimas com uma nova identidade da banda que na minha opinião é ótima!

"Holy Land" (ANGRA): Marco do heavy metal nacional, sem dúvida.

"All The Right Reasons" (NICKELBACK): Disco que mostra que é possível ser pesado, tocar bem, cantar forte e mesmo assim participar de tudo dentro do cenário musical!

LEO MANCINI

"The Final Countdown" (Europe): Álbum que projetou a banda sueca para o mundo. Além da música "The Final Countdown", que continua sendo muito executada em rádios e por bandas cover, eles ainda emplacaram os hits "Carrie" e "Rock the Night".

"Rising Force" (YNGWIE J. MALMSTEEN): Primeiro álbum solo do guitarrista sueco que mudou e influenciou boa parte dos guitarristas de rock de todo o mundo. Mostrando uma técnica e velocidade impressionantes para a época, ele executa composições com influências eruditas, algumas instrumentais e outras na voz de Jeff Scott Soto, vocalista que tive o prazer de acompanhar em alguns shows em São Paulo.

"In The Heart Of The Young" (WINGER): Com esse CD a banda emplaca o sucesso mundial "Miles Away". No Brasil a música foi tema de comercial da Hollywood (cigarros). Formada apenas por grandes musicos o WINGER contava com Reb Beach, Rod Morgenstein, Kip Winger e Paul Taylor. Destaque para a música "Rainbow in the Rose" que, para mim, é uma composição genial!

"Signals" (RUSH): O trio progressivo canadense mostra cada vez mais ao mundo uma forma única de compor linhas complexas e torna-las pop. Destaque para os classicos "Spirit of the Radio" e "Freewill". Minha irmã colocava esse disco e eu, com 5 anos, dormia pacas ouvindo os caras quebrando tudo!

"Operation Mindcrime" (QUEENSRŸCHE): Um marco em matéria de conceito! Esse álbum é uma obra prima e mostra composições de primeira com grande performance dos integrantes da banda. Destaque para o guitarrista e compositor Chris DeGarmo e o vocalista Geoff Tate. O show "Operation Livecrime", gravado no Madison Square Garden, mostra um produção grandiosa e, na minha opinião, é um dos melhores shows que ja vi tanto pelas composições maravilhosas quanto pela performance e produção.

RIC CONFESSORI

"Exit Stage Left" (RUSH): CD ao vivo de um trio canadense na sua melhor época, pouco depois do álbum de estúdio "Moving Pictures". Toda a energia do trio, que ainda nao usava playbacks junto com a banda nessa época, é sentida na explosão de arranjos executados igualzinho ao estúdio por apenas 3 caras, tudo ao vivo... Destaque para Neil Peart e Geddy Lee.

THE CHICK COREA ELEKTRIC BAND: Álbum de estreia da maior banda de jazz rock do planeta.... com Dave Weckel aprendi o pouco que sei de bateria.... fui ao show dessa banda em 1987 no Parque do Ibirapuera, que ainda por cima foi um show gratuito, olha só!

"Who Are You" (THE WHO): Meu CD favorito do THE WHO, um dos melhores do rock, o último de Keith Moon, que morreu logo em seguida de overdose por medicamentos supostamente para tratamento de seu alcoolismo.

"1984" (VAN HALEN): Foi o auge de Eddie Van Halen, compondo, solando guitarra, tocando teclados, o maior gênio da história moderna do rock...

"Ten" (PEARL JAM): Última banda, junto com o NIRVANA, a inventar algo bom no Rock. Depois deles nada mais foi criado como antes...

THI BIANCHI

"Rust In Peace" (MEGADETH): Primeiro disco de PROG-THRASH da história. Uma obra-prima! Sem mais.

"Death Magnetic" (METALLICA): Poderia dizer qualquer outro disco da história deles, mas ao meu ver, esse se destaca por ser o auge do METALLICA como banda. Uma soma de todos os outros, com um diferencial… a experiência de toda uma carreira.

"Vulgar Display Of Power" (PANTERA): Simples de explicar... Depois daqueles primeiros acordes de "Mouth For War", as coisas nunca mais seriam as mesmas no mundo da música.

"Dirt" (ALICE IN CHAINS): Seattle nunca havia sido tão chuvoso, depressivo e ao mesmo tempo emocionante.

"Thriller" (MICHAEL JACKSON): O Rei em seu ápice como artista.
Irretocável.

Os responsáveis são citados no texto. Não culpe os editores. :-)

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 04 de março de 2011

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Shaman"

Luís MariuttiLuís Mariutti
Pelos fãs e meus filhos eu faria algo com o Angra

Andre MatosAndre Matos
Blaze Bayley é uma lição de humildade para todos nós

ShamanShaman
Thiago Bianchi quebra taça de cristal com a voz

0 acessosTodas as matérias da seção Maiores e Melhores0 acessosTodas as matérias sobre "Shaman"

NickelbackNickelback
11 razões para respeitar - muito - a Chad Kroeger

NirvanaNirvana
Claudia Ohana faz cover desastroso no Programa do Jô

Legião UrbanaLegião Urbana
O dia em que Renato calou a plateia do Programa Livre

5000 acessosSeparados no nascimento: Paul Stanley e Ioná Magalhães5000 acessosRush: Alex Lifeson lista seus três melhores solos5000 acessosThrash Metal: 10 novas promessas - incluindo uma brasileira5000 acessosMetalcore: 13 músicas que um fã de death metal deve gostar5000 acessosAtaques em Paris: Mortos e reféns em show do Eagles Of Death Metal5000 acessosAxl Rose: vocalista do Trans-Siberian ensina a cantar como ele

Sobre Thiago Bianchi

É produtor/proprietário do estúdio FUSÃO, professor de canto com especialização em gravação e produção de voz na escola mundial de música EMT e vocalista das bandas: SHAMAN, KARMA e ARENA. Ganhador de 2 discos de ouro, como produtor e várias vezes concorrente ao Grammy Latino.

Mais matérias de Thiago Bianchi no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online