Amaranthe: Elize Ryd feliz em voltar ao Brasil com a banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Edilson Luiz Piassentini, Fonte: Rock N'Breja
Enviar correções  |  Ver Acessos

O Rock N'Breja entrevistou essa semana a vocalista Elize Ryd, da banda sueca Amaranthe.

Guns N Roses: Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com AxlMusculação: os músicos mais bombados do heavy metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Elize Ryd, com muita simpatia, nos contou sobre o atual momento da banda, que vem crescendo e conquistando fãs pelo mundo todo, sobre planos para um novo material, e sobre a primeira vinda da banda ao Brasil, que acontecerá no mês de novembro.

Confiram essa entrevista exclusiva com Elize Ryd ao Rock N'Breja.

ROCK N'BREJA - Olá Elize, é um prazer poder falar contigo novamente. Podemos dizer que o Amaranthe tem um estilo musical próprio e que o torna pioneiro em relação às outras bandas de metal. A proposta da banda sempre foi essa desde o inicio, e quais foram às influências da banda?

ELIZE RYD - Olá, o prazer é todo nosso. Obrigada!

Nós temos o nosso próprio estilo musical. Na época, não tínhamos um grande plano para criar um novo conceito, pois simplesmente aconteceu quando nos reunimos em nosso tempo livre e permitimos que nossa criatividade fluísse. Nós gostamos do que nós encontramos com nós mesmos, e se não fossemos tão abertos uns com os outros, o Amaranthe nunca existiria. Esta é a forma que criamos, e obtivemos o reconhecimento bastante rápido. Surgiram as gravadoras que nos ofereceram uma oportunidade para trabalhar conosco, e então decidimos criar uma banda de verdade. Eu tirei um ano de meu trabalho de artista solo, apenas para ver o que o destino tinha para oferecer. E resultou nessa experiência que vem numa crescente. E aqui estamos hoje, com 4 álbuns, várias tours pelo mundo e, finalmente, agora, à caminho para o Brasil!

ROCK N'BREJA - Vocês já estão trabalhando no sucessor do excelente álbum Maximalism? E como é manter um nível de excelência a cada álbum lançado? Como é o processo de composição da banda?

ELIZE RYD - Sim, estamos trabalhando nisso agora. A forma que usamos, é sempre pensar em renovar. São apenas alguns sons e ideias que guardamos de cada álbum lançado, uma vez que buscamos melhorar. Dessa forma, sempre nos inspiramos, a fazer algo novo, ao invés de pensar que temos que fazer um novo álbum semelhante ao anterior. Não, repetir algo não é para uma mente criativa. Uma mente criativa pensa sempre em frente. O trabalho que fazemos vem do nosso interior, e nós mudamos e nos desenvolvemos como pessoas o tempo todo. Então, acreditamos que é importante usar essa força da natureza em nossa composição, e deixá-la guiar o nosso caminho.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

ROCK N'BREJA - Já são quatro excelentes álbuns lançados, e muitos fãs conquistados. Imaginaram chegar a esse reconhecimento dessa forma tão rápida, e quais são os principais objetivos do Amaranthe daqui pra frente? E vocês pretendem lançar algum material ao vivo, tipo um CD/DVD?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

ELIZE RYD - Obrigado. Estamos muito agradecidos por termos conquistado todos esses fãs incríveis ao longo de nossa carreira, pois eles são, naturalmente, uma das nossas maiores inspirações. Sentimos que temos um longo caminho a percorrer, já que ainda não conseguimos representar toda a imagem do Amaranthe. Queremos que o show de palco cresça muito mais, não que não amamos os lugares menores, e adoramos estar perto do nosso fã, mas, visualmente, temos tantas idéias ótimas e nos estamos nos esforçando para isso, pois estamos pensando alto. Nós realmente queremos mostrar aos nossos fãs um dia o que vemos na nossa imaginação. Não gostamos de ser realistas, mas na maioria das vezes você precisa. Então, vamos ser realistas por um momento, e sim, é claro, queremos gravar um DVD ao vivo, desde que possamos criar um pedaço do show que sempre desejamos colocar no DVD! Não é bom apresentar uma visão em menor escala. Então, sim, está chegando, em uma escala pequena ou média para começar, e será fantástico!

ROCK N'BREJA - Uma pergunta de fã. Os álbuns Amaranthe e Maximalism são os meus preferidos. E para você, qual seria o seu álbum favorito do Amaranthe e por quê?

ELIZE RYD - Obrigado novamente. Hehe, é tão difícil dizer sobre isso. É como perguntar qual dos seus filhos eu mais gosto. Haha, eles são como meus bebês. Então eu tenho 4 filhos agora, cada um com personalidades diferente.Com certeza todos têm os seus pontos fortes e seus defeitos. Eu diria que há momentos que amo mais um ou menos outro. Por exemplo, sempre me lembrarei de quando eu e Olof escrevemos Hunger e Automatic em um quarto de hotel (é uma longa história por trás disso) e Million Lighters, ainda são músicas que me emocionam muito, pois lembro como se fosse ontem quando escrevemos. Então, claro, sou muito orgulhosa de músicas como Stardust (mesmo que nunca tenha se tornado um single). Nexus é claro, Drop Dead Cynical e Digital World. O último álbum Maximalism tem uma vibração diferente, é mais brincalhão e dramático ao mesmo tempo, o que pessoalmente, eu amo muito é claro. Nós nos divertimos muito durante o processo de composição, e sempre é divertido surpreender os ouvintes com músicas como That Song, Boomerang e Fury. Algumas pessoas parecem ter dificuldade em entender que os compositores principais são os mesmos por trás de todas essas faixas. Eu acredito que eles ainda não perceberam tudo isso. Há muito mais corujas escondidas no musgo (expressão típica sueca) pronta para sair. Ri muito!

ROCK N'BREJA - O Amaranthe estará vindo ao Brasil em novembro para uma única apresentação. Que detalhes pode nos contar sobre esse show, e o que conhece sobre nosso país e o nosso público?

ELIZE RYD - Eu sei que vocês estão ansiosos. Vocês são maravilhosos! Eu cantei no Brasil uma vez, há muitos anos com Kamelot, e adorei a experiência, foi magnífico. E agora estou muito feliz em poder voltar com Amaranthe.

ROCK N'BREJA - Elize, agradeço pela entrevista e pela simpatia de sempre. Deixe um recado para os seguidores do Rock N'Breja e para os fãs da banda aqui no Brasil. Abraços e sucesso ao Amaranthe sempre!

ELIZE RYD - Um grande abraço pra você e obrigado pela entrevista. Não vemos a hora de percorrer toda essa grande distância para ver todos vocês! Cuidem-se, nós os amamos! Nós vejamos em breve!

A banda sueca Amaranthe, formada por Jake E, Elize Ryd e Henrik Englund nos vocais, Olof Mörck nas guitarras e teclado, Morten Lowe na bateria e Johan Andreassen no baixo, fará uma apresentação única no Brasil no dia 22 de novembro em São Paulo, no Manifesto Bar. A abertura ficará a cargo da banda Burning Christmas. Ingressos e mais detalhes no link www.clubedoingresso.com/amaranthe-sp




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Amaranthe"


Originalidade: 10 Bandas ou Projetos InusitadosOriginalidade
10 Bandas ou Projetos Inusitados


Guns N Roses: Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com AxlGuns N Roses
Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com Axl

Musculação: os músicos mais bombados do heavy metalMusculação
Os músicos mais bombados do heavy metal


Sobre Edilson Luiz Piassentini

Amante do metal desde os 13 anos de idade, fã indiscutível de King Diamond e Mercyful Fate, e também um grande apreciador das cervejas estilo Weiss e um dos editores do site Rock N'Breja! Rock e Cerveja, a combinação perfeita.

Mais matérias de Edilson Luiz Piassentini no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280