Detonator e as Musas do Metal: Heavynroll entrevista Juju Farias

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Geraldo Andrade, Fonte: Heavynroll
Enviar correções  |  Comentários  | 

Ela é baixista na banda do filho do “Deus Metal”, DETONATOR! Talentosa e, claro, linda.

276 acessosXakol: Bruno Sutter convida a ouvir "Metal for Demons"5000 acessosGuns N' Roses: a famosa trilogia de clipes do grupo

Ela é uma das “Musas do Metal”, depois de PAULITCHAS CARREGOSA, chegou à vez de mais uma musa do metal conversar com o Heavynroll: JULIANA FARIAS, ou simplesmente JUJU.

A baixista conta um pouco da sua história, fala do preconceito, do álbum que em breve vai ser lançado e muito mais.

Vale conferir!

HEAVYNROLL - JULIANA, tudo bem? Antes de começar a nossa conversa, quero te agradecer em nome do Heavynroll, por nos conceder essa entrevista. Quem é JULIANA FARIAS?

JULIANA - Difícil falar exatamente quem somos! (risos)

Mas vou tentar ser fiel a mim mesma ok? (risos)! Sou JULIANA FARIAS , tenho 24 anos.

Considero-me uma pessoa simples, sou apaixonada pelo simples fato de VIVER.

Vim de uma família bem tradicional e simples que me tornaram apaixonada pela vida e desinteressada por complica-la!(risos). 

Sou formada em Comunicação Social, adoro conhecer pessoas e me relacionar em geral com diversas tribos.

Sou bastante observadora, humana, comunicativa, e agitada.

Ao pé da letra estas palavras bastante me define.

Uma das qualidades que muito me define é o meu senso de humor, talvez vocês percebam por este “bate papo”.

Basicamente esta sou eu! 

HEAVYNROLL - Qual equipamento você usa?

JULIANA - Atualmente eu toco em um modelo TBM4 da marca Tagima e não utilizo pedais por enquanto.

HEAVYNROLL - Como é trabalhar com o filho do “Deus Metal”, DETONATOR?

JULIANA - Trabalhar como filho do “Deus Metal” é uma escola diária.

Ele atualmente além de ter minha admiração como frontmen da banda é acima de tudo sempre muito nosso amigo.

De uma paciência incrível.

Ainda bem, pois tocar com quatro mulheres, acreditem, é uma loucura, todas temos período de TPM simultaneamente pela convivência (sim isso existe!) e o clima fica tenso (risos).

Mas o BRUNO é uma pessoa muito amável com todas, de uma humildade sem tamanho, um verdadeiro talento a parte.

Não consigo escrever nada além de elogios quando me perguntam dele.

É hoje um grande amigo e uma das pessoas que mais agradeço por tudo que me agregou, até mesmo por estar aqui escrevendo para vocês.

HEAVYNROLL - Como está a produção do primeiro álbum da banda? O lançamento está previsto para quando?

JULIANA - O CD já está pronto, estamos agora estudando a gravadora.

Assim que soubermos divulgamos as informações sobre o lançamento para vocês.

Esta bem legal deu bastante trabalho e ficou realmente magnífico.

Heavy Metal em português!

HEAVYNROLL - Vai ser um álbum conceitual, que fala do folclore brasileiro, com musicas como “Saci” e “Mula Sem Cabeça”, quem teve a ideia desse formato? De quem são as letras das músicas?

JULIANA - Sim o CD é conceitual, que conta nas músicas à história do Folclore brasileiro.

Tem o hit “Saci” que já lançamos o clipe no dia do Saci este ano, e esta música faz um sucessão nos shows, tem a “Mula sem cabeça” e “Metaleiro” que também já lançamos o clip com participação do FELIPE ANDREOLI no contrabaixo.

Quem ainda não viu, vale a pena conferir.

Já lançamos na CD PROMO, vendido em alguns shows da banda.

Uma “Pré” do que vem por ai.

Todas as letras são de autoria do BRUNO SUTTER (Detonator).

HEAVYNROLL - Como está a agenda da banda?

JULIANA - Agenda da banda está bem tranquila, pois como ainda não lançamos o CD ainda não estamos em turnê.

Mas em breve teremos bastantes novidades para vocês.

HEAVYNROLL - Qual a sua opinião do atual momento do rock no Brasil?

JULIANA - Acredito que o rock no Brasil vem ganhando cada vez mais identidade.

Com o tempo as bandas conseguiram com a era digital expor mais seus trabalhos e conquistar mais o público.

Se tornarem além de qualquer coisa mais independente e com isso evoluir com o tempo.

Aos poucos estamos voltando a ter grandes nomes com o rock nacional que até então esteve em escassez.

Leia a entrevista completa no link abaixo:
http://heavynrollspace.blogspot.com.br/2013/12/detonator-e-a...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


276 acessosXakol: Bruno Sutter convida a ouvir "Metal for Demons"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Detonator"

DetonatorDetonator
Versão metálica do hit "Amor de Chocolate"

DetonatorDetonator
Explicando a criação de "Tchu Tcha" no VMB

Bruno SutterBruno Sutter
"Este single retrata minha virada após o fim da MTV!"

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Detonator"0 acessosTodas as matérias sobre "Comitiva do Rock"


Guns N RosesGuns N' Roses
O que há por trás da famosa trilogia de clipes?

ManowarManowar
A vida real e nada épica dos Reis do Metal?

GaragensGaragens
Adolescentes frustrados, guitarras baratas e energia

5000 acessosRoger Moreira: resposta bem humorada a "crítica" no Agora é Tarde5000 acessosFama: 5 bandas que são grandes no exterior e nem tanto no Brasil5000 acessosSteve Vai: as 10 melhores faixas de guitarra na opinião dele5000 acessosCapas Gêmeas: as infelizes coincidências nas artes dos álbuns4872 acessosNando Reis: Ele acha as letras do sertanejo pouco desenvolvidas3605 acessosSitra Ahra: Música, Fibonacci e o Diabo

Sobre Geraldo Andrade

Geraldo "Gegê" Andrade é blogueiro e colaborador no Blog Heavynroll, de Caxias do Sul/RS. Iniciou sua paixão pelo rock n roll, principalmente o heavy metal, nos anos 80, quando pela primeira vez, ouviu um álbum da banda KISS. Tem um currículo com mais de 150 shows, de bandas nacionais e internacionais. Já participou como jurado em festivais de rock na cidade de Caxias do Sul. Está se tornando um especialista em entrevistas, já tendo entrevistado vários músicos nacionais e internacionais. Apoia muitas bandas do underground, pelo Brasil inteiro. Estudante de Comunicação Social – Jornalismo, na Universidade de Caxias do Sul/RS.

Mais matérias de Geraldo Andrade no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online