Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu agradece mobilização de fãs

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemGene Simmons compartilha tweet com meme da ex-presidente Dilma Rousseff

imagemNicko McBrain, do Iron Maiden, mostra o seu novo (e enorme) kit de bateria

imagemEvanescence coloca baixista no cargo de guitarrista e anuncia nova baixista

imagemO reencontro entre Steve Harris e Paul Di'Anno na Croácia

imagemÍcone do metal é alvo de críticas por tocar com músico condenado por assassinato

imagemDave Mustaine, do Megadeth, inicia vida de youtuber e mostra o ônibus de turnê da banda

imagemMetallica divulga vídeo oficial da clássica "For Whom The Bell Tolls" ao vivo em SP

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemMark Tremonti, do Alter Bridge, revela que é grande fã de lendária banda de metal

imagemFrank Zappa disse a Steve Vai que ele soava como "um pão com mortadela elétrico"

imagemVocalista do Greta Van Fleet não entende os haters: "parece a p**** de uma religião"


Stamp

Sarcófago: Wagner fala da banda, radicalismo, Ghost e muito mais

Fonte: Roadie Crew
Em 19/05/13

A edição de nro. 172 da revista Roadie Crew, de maio de 2013, trouxe em destaque as bandas de Metal brasileiro, teve entrevistas com membros do ANGRA, KORZUS e DORSAL ATLÂNTICA, além de Wagner "Antichrist" Lamounier, um dos fundadores do lendário SARCÓFAGO, que atualmente trabalha como economista, que falou sobre a banda e diversos outros assuntos; leia abaixo alguns trechos.

Sobre ser uma "lenda cult": "Lenda 'cult!?' (risos) Não, nada de lenda nem de 'cult'. Sou um cara normal. Além disso, eu não acho que essa ideia de idolatria com músicos, jogadores de futebol, atores etc. seja muito benéfica para alguém, principalmente em um país como o nosso, onde quem deveria de fato ser idolatrado é quem trabalha, por exemplo, no corpo de bombeiros ou em um hospital salvando vidas por um salário mísero. Um policial que enfrenta balas de marginais e, às vezes, é punido por mandar alguns deles pro inferno (fazendo o seu trabalho corretamente a meu ver) é quem deveria ser valorizado! Quem é artista tem o seu valor, é claro, mas essa ideia de 'cultuar' a figura e valorizar demais esse tipo de comportamento é mais recorrente. Dá-se muito valor a tipos como BBBs, modelos, políticos, artistas de Funk, música sertaneja, Rock etc... e pouco valor a quem realmente trabalha duro, estuda e consegue as coisas com muito suor e sacrifício"(...)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre falar sobre o passado com o Sarcófago: "Nunca falei que não gostaria de falar sobre o passado com a banda. Quem me conhece pessoalmente sabe que sou acessível e sem frescuras.(...) Ocorre que não ligo muito para a mídia ou para tentar agradar qualquer tipo de órgão de imprensa, pois sei que a maioria está nisso pela grana e não dá a mínima para qualquer outra coisa que não seja divulgar bandas cujas gravadoras pagam para que sejam divulgadas. Não estou dizendo que seja o caso dessa revista, pois, pelo que eu bem sei, a Cogumelo não está pagando para tal. Também não estou falando que é certo ou errado, pois todos têm que pagar suas contas. Só estou dizendo que não tenho o mínimo interesse em aparecer em qualquer dessas revistas ou 'sites de fofoca do Metal' que têm por aí"(...).

Sobre o Tributo ao Sarcófago para o Warfare Noise Festival: "Quem lhe disse que eu dei o aval para aquilo? Uma coisa é fazer um show para comemoração de vinte anos de uma coletânea histórica, a meu ver, como a 'Warfare Noise I'. Outra é aprovar que pessoas que não fundaram a banda ou, pior, que nunca participaram de nenhum dos discos da banda usassem o nome do Sarcófago para fazer shows por aí como se fossem a banda e levantar uns trocados com isso"(...)

Comercialismo no Metal: (...)"atualmente tem uma banda sueca em que um carinha se diz ser o 'Papa do Mal' (ele se refere ao vocalista do Ghost, que se intitula 'Papa Emeritus II') e que tem umas letras falando de ocultismo e coisas do tipo que está fazendo muito sucesso. Mas se você parar para ouvir bem vai ver que o som é totalmente Pop e comercial. Se você substituir as letras e as imagens 'satânicas' por letras que falam de flores e do sol e botar nelas um visual 'clean', vai ver que não sobra muito Metal ali. Muitas bandas fazem essas coisas querendo vender discos à qualquer custo!(...) Isso faz parte do jogo! No disco 'Crust' nós já havíamos falado sobre esse tipo de comercialismo no Metal(...)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O radicalismo no Metal: (...)"acho que radicalismo é uma merda sempre que implica em querer impor aos outros, à força ou por meio de qualquer tipo de retaliação, sua própria visão e/ou opinião sobre algo. Isso se aplica à música, política, religião etc. Sou libertário - conheçam e assinem a petição para o partido LIBER ser criado! - e acredito no valor da liberdade de cada indivíduo escolher para si o que melhor lhe convier"(...)

A controvérsia e polêmica que sempre envolve bandas como SARCÓFAGO, SEPULTURA, ANGRA e DORSAL ATLÂNTICA: (...)"acho que as pessoas, principalmente no Brasil, andam muito desocupadas e/ou desperdiçando muito seu tempo com banalidades e besteiras. Conselho é algo que se valesse muito as pessoas vendiam e não davam. Todavia, se tem algo que eu gostaria de aconselhar às pessoas que estão lendo essa revista é que busquem se preocupar mais em se desenvolver intelectualmente como pessoas e cidadãos. Leiam livros técnicos, não abandonem a escola, estudem muito e busquem ter uma formação cultural e profissional sólida! Música, futebol e outras banalidades do tipo são importantes como lazer e para desopilar a mente. Sugiro que não levem nada disso muito a sério pensando que se pararem de estudar pra montar uma banda ou pra jogar bola, ou, no caso das mulheres, se tornar uma 'modelo, atriz e manequim' vão ter grandes chances de sucesso na vida. Se fizerem isso, a probabilidade de estarem jogando o tempo e o futuro na lata de lixo é grande".

A longa e exclusiva entrevista completa pode ser vista na Roadie Crew nro. 172.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Sarcófago: "Worst" relançado em versão de luxo, incluindo o EP "Crust" e pôster

Ex-integrantes do Mutilator, Sarcófago e MX formam nova banda, Into The Strange

Death Metal: 30 músicas para começar a se interessar pelo estilo


Metal: as 10 melhores bandas brasileiras segundo a Metal Hammer