Megadeth: Mustaine comenta a entrada de Broderick

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Júlio Oliveira, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Phill Freeman da revista Metal Edge recentemente conduziu uma entrevista com Dave Mustaine do Megadeth.

3342 acessosMegadeth: cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica5000 acessosJared Leto: a reação ao se ver no papel do Coringa

Metal Edge: Recentemente você passou por mais uma mudança de formação [a saída do guitarrista Glen Drover]. Como você consegue “contratar” dois irmãos e se livrar de um sem confusões?

Mustaine: Eu não me livrei dele. Ele saiu. Ele é um cara legal, toca muito e gravou um extraordinário disco conosco. Não tive problema algum com ele. Quando se tem um irmão em uma banda, como no AC/DC, isso não os machuca. Então você pensa em quantas vezes o Malcolm [Young] entrou e saiu... Eu não acho que o Glen vá retornar, mas está claro que se não fosse por ele, eu não teria achado o Shawn [Drover, baterista] e ele é um excelente baterista. Digo, trata-se de um cara que tocou em dois shows em sua vida antes de entrar no MegadetH então ele é meu baterista desde o inicio de sua carreira. Eu acho isso incrível pois nós apresentamos esse cara à industria da música e veja o tipo de comprometimento e dedicação que ele tem. Veja do que ele é feito e se ele é tão grandioso como eu acredito que ele seja.

Metal Edge: O que você pode-me falar sobre o novo guitarrista, Chris Broderick?

Mustaine: Ele é um guitarrista fenomenal. Ele é realmente agressivo e tem mãos fortes, os solos são tão bons como Marty Friedman ou Chris Poland e essas são áreas em que os predecessores têm problemas. Ontem a noite Chris estava no nosso estúdio e eu falei pra ele “eu meio que me sinto como Ozzy quando ele descobriu Randy [Rhoads].” Eu sinto esse tipo de excitação agora, como o próximo disco terá esse tipo de dinâmica, de música explosiva, porque eu sempre tive guitarristas que eram como eu; à sua própria maneira, como primeiro guitarrista, eles deveriam ser iguais a qualquer outro membro da banda, mas eu sinto que Chris tem tantas outras coisas que ele me trará porque apesar de não ter um treinamento formal, ele é um guitarrista clássico e de jazz e essas são coisas que influenciam o MEGADETH. Então eu continuo pensando “Oh, meu Deus, será possível que voltaremos ao tempo formidável onde tínhamos influência do clássico e do jazz e quem sabe soaremos como em ‘Peace Sells’ e todos aqueles discos de Thrash altamente influenciados pelo Jazz e Clássico que todo mundo ama e mataria para ter mais um?”

O restante da entrevista com Dave Mustaine aparece na edição de abril de 2008, disponível nas bancas.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MegadethMegadeth
Cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica

3049 acessosHeavy Metal: os 10 melhores riffs dos anos noventa505 acessosMarty Friedman: ouça "Miracle", single do novo álbum solo3510 acessosMetallica: e se James Hetfield cantasse no Megadeth?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Megadeth"

MegadethMegadeth
Tocar com Kiko e Adler é como um grupo de 4 rockstars

Dave MustaineDave Mustaine
"Há bandas cujo nome me ofende"

MegadethMegadeth
Mustaine diz que a habilidade de Kiko é "Astronômica"

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Megadeth"

Jared LetoJared Leto
A reação ao se ver no papel do Coringa

Electra MustaineElectra Mustaine
A linda filha do Sr. Dave Mustaine

HumorHumor
Namorar um headbanger é sair da zona de conforto

5000 acessosBizarre Magazine: Quão bizarro é... Ronnie James Dio5000 acessosRock Progressivo: Você sabe que está ouvindo demais quando...5000 acessosIron Maiden: Rachel Sheherazade é uma grande fã da banda5000 acessosSeparados no nascimento: Eddie e Seu Madruga3411 acessosDream Theater: ouça um impressionante "vocal cover" de "Pull Me Under"5000 acessosBruce Dickinson: interpretando clássico do AC/DC em 1990

Sobre Júlio Oliveira

Recifense, atualmente divide seu tempo entre trabalhar em Copenhague (Dinamarca) e morar/estudar em Malmö (Suécia). Começou a escutar Metal no início dos anos 90 com os companheiros do Colégio da Polícia Militar e desde então não parou mais, mas nunca se restringindo a um estilo, mas à qualidade da musica em questão. Resolveu começar a colaborar com o site depois de anos lendo as noticias trazidas por outros. "Tava na hora de eu dar minha colaboração também...".

Mais matérias de Júlio Oliveira no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online