Matérias Mais Lidas

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemEdu Falaschi descobriu que seu primo famoso tem mais seguidores que ele no Instagram

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemCinco nomes do heavy metal que já gravaram músicas do ABBA

imagemAvenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

imagemJoão Gordo diz que não torce pela seleção brasileira de futebol

imagemCuecão de couro: Rob Halford posa com suas "great balls of fire" em camarim

imagemDançarina mostra como seria se personagens do Kiss fossem pole dancers

imagemVeja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

imagemMustaine diz que novo álbum tem uma das músicas mais rápidas que o Megadeth escreveu

imagemKerry King explica por que não assumiu o posto de guitarrista do Megadeth

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone


Paralamas do Sucesso: Barone e seu filme sobre a 2ª guerra

Por Leonardo Daniel Tavares da Silva
Fonte: Wikipedia
Em 11/06/12

Vital Dias, primeiro baterista dos PARALAMAS DO SUCESSO, comprou uma moto. João Barone, que o substituiu ainda nos primeiros dias da banda, preferiu um Jipe.

E foi com esse jipe, um veículo militar de 1942, que Barone, filho de ex-combatente e aficionado pela Segunda Guerra, no aniversário de 60 anos do histórico "Dia D", realizou o road movie "Um Brasileiro no Dia D", documentário em que percorre algumas localidades importantes para o dia mais importante da segunda guerra e encontra o franco-brasileiro Pierre Closterman, que, nascido em Curitiba, mas filho de franceses, é o único brasileiro que se tem notícia a ter participado dos combates naquele 6 de junho de 1944.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No documentário, o baterista/cineasta mostra os cenários da Normandia, na costa francesa, conversa com veteranos da guerra e cidadãos comuns, testemunhas da época. O DVD foi lançado no dia 23/11/06 em lançamento da revista Aventuras na História - Grandes Guerras, da Editora Abril.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No blog umbrasileironodiad.blogger.com.br, Barone conta mais sobre o dia-a-dia das filmagens e sua aventura em terras francesas. "É preciso lembrar e valorizar tudo que aconteceu naquela época, para que as gerações atuais e futuras não esqueçam jamais", disse ele.

O filme foi exibido semana passada no History Channel, mas pode ser encontrado na íntegra no YouTube ou através das bancas de revista.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp




Sobre Leonardo Daniel Tavares da Silva

Daniel Tavares nasceu quando as melhores bandas estavam sobre a Terra (os anos 70), não sabe tocar nenhum instrumento (com exceção de batucar os dedos na mesa do computador ou os pés no chão) e nem sabe que a próxima nota depois do Dó é o Ré, mas é consumidor voraz de música desde quando o cão era menino. Quando adolescente, voltava a pé da escola, economizando o dinheiro para comprar fitas e gravar nelas os seus discos favoritos de metal. Aprendeu a falar inglês pra saber o que o Axl Rose dizia quando sua banda era boa. Gosta de falar dos discos que escuta e procura em seus textos apoiar a cena musical de Fortaleza, cidade onde mora. É apaixonado pela Sílvia Amora (com quem casou após levar fora dela por 13 anos) e pai do João Daniel, de 1 ano (que gosta de dormir ouvindo Iron Maiden).

Mais matérias de Leonardo Daniel Tavares da Silva.