Resenha - Revelation - Armored Saint

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Haggen Kennedy
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Nove anos: foi o tempo que o Armored Saint levou para lançar esse disco. Depois do sucesso "Symbol of Salvation", de 1991, a banda desapareceu aparentando ser apenas mais daquelas diversas outras que dão a impressão de ter o sucesso agendado - ficam no ar por um ou dois discos e caem no esquecimento.

Anos 80: bandas nacionais que o tempo esqueceuHeavy Metal: as piores capas dos grandes artistas do gênero

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O Armored, porém (e ainda bem!), resolveu não embarcar nessa regra: demorou, mas saiu! "Revelation" é um disco que não se pode definir de outra forma se não sendo Armored Saint.

O álbum é grande - pudera, nove anos é tempo o suficiente para compor.São 12 músicas recheando o petardo e mais uma faixa bônus chamada "Medieval Nightmares" (sugestiva, não?), totalizando 13 composições.

"Pay Dirt", a que abre o disco, é boa mas não chega a convencer osantigos fãs. O destaque vai para os grooves interessantes e para a linha de baixo bem tocada. Mas a coisa ainda melhora na segunda música, "The Pillar", que traz um peso maior e uma cara mais agressiva.

Os destaques, em geral, vão para "After Me, The Flood", "Den of Thieves", "Control Issues", "Deep Rooted Anger" (maravilhosa), "What's Your Pleasure", "Upon My Departure" - que no começo tem uma carinha bem Led Zeppelin - e para a faixa bônus "Medieval Thoughts" (kicks ass!). Ah!, e ainda tem "No Me Digas", uma balada cantada em Espanhol (!!).

Em geral, o disco é bom. A produção - encarregada de Joey Vera - está bem legal. A banda continua pela Metal Blade Records, pequeno selo que assinou com eles no EP "Armored Saint", primeiro registro auditivo da carreira do grupo.

E assim vão. Resta esperar que o velho e bom Armored continue na ativa por muito tempo ainda.

Material cedido por:
Laser Company Records




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Armored Saint"


Metallica: John Bush relembra quando foi chamado para ser o vocalistaMetallica
John Bush relembra quando foi chamado para ser o vocalista

Metallica: James e Lars não precisam de outra pessoa na bolhaMetallica
"James e Lars não precisam de outra pessoa na bolha"


Anos 80: bandas nacionais que o tempo esqueceuAnos 80
Bandas nacionais que o tempo esqueceu

Heavy Metal: as piores capas dos grandes artistas do gêneroHeavy Metal
As piores capas dos grandes artistas do gênero


Sobre Haggen Kennedy

Nascido ao fim dos anos 70 e adolescido em meio ao universo metálico, Haggen Heydrich Kennedy já trabalhou e atuou numa vultosa gama de atividades, como o jornalismo, o desenho, a informática, o design e o ensino, além de outros quefazeres. Atualmente vive em Atenas, Grécia, onde estuda História, Arqueologia e Grego Antigo na Universidade de Atenas. A constante nesse turbilhão de ofícios, todavia, sempre constituiu-se de dois fatores: as línguas (ainda hoje trabalha com tradução e interpretação) e a música - esse último elemento, definitivo alimento espiritual.

Mais matérias de Haggen Kennedy no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336