Whiplash: peso e velocidade até o renascimento

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Leonardo M. Brauna
Enviar correções  |  Ver Acessos

A baia de São Francisco, Califórnia, é uma área responsável por revelar importantes nomes do Rock e principalmente do Thrash Metal, talvez para nós brasileiros, os maiores representantes são CREEDENCE CLEARWATER REVIVAL nos mágicos anos setenta e METALLICA que se mudou pra lá para juntar-se ao seu primeiro baixista, CLIFF BURTON, nos anos oitenta. No outro extremo da longitude norte americana, em Nova Jersey, o Thrash Metal também tomava corpo e, somada à qualidade da 'Bay Area', erguiam-se nomes como OVERKILL e o não menos importante, WHIPLASH.

Tom Grosset: O mais rápido baterista do mundo segundo o GuinnessBatom, laquê...: Como formar uma banda de Hard Rock em 69 lições

Foi na cidade de 'Passaic' que os xarás TONY PORTARO (vocal, guitarra), TONY SCAGLIONE (bateria) e TONY BONO (baixo) se juntaram em 1984 e formaram o WHIPLASH. O 'Power Trio' ainda em 1984 lançou duas demos, 'Fire Way'e 'Tunderstruk'. Entraram o ano de 1985 com mais garra, lançando outras duas demos, 'Looking Death in the Face' e uma sem título que trazia três faixas. Não demorou muito, até que o 'Speed/Thrash Metal dos caras chamou a atenção da holandesa 'Roadrunner Records'.


Rumando para o 'Brooklin', Nova Iorque, a banda entra em estúdio sob a produção de 'Normam Dunn' para lançar o debut 'Power and Pain'. Este álbum também saiu em 1985 e contou com participações de membros do CARNIVORE (PETER STEELE e LOUIE BEATEAUX) e AGNOSTIC FRONT (VINNIE STIGMA). Em novembro de1986, SCAGLIONE é convidado pelo SLAYER para fazer a turnê 'Reign in Pain' do mega clássico, 'Reign in Blood'. A turnê que teve início em outubro seguiu sem DAVE LOMBARDO, pois o baterista alegava que não estava recebendo nenhum numerário: "Eu não estava fazendo nenhum dinheiro. Eu figurava como se estivéssemos fazendo isso profissionalmente, com um grande rótulo: Eu quero minha utilidade pública e renda paga." Disse. Os shows com SCAGLIONE duraram sete semanas.

JOE CANGELOSI foi chamado para assumir as baquetas e em 1987 a 'Roadrunner' os leva à Flórida para a gravação do novo álbum, 'Ticket to Mayhem'. O estúdio escolhido foi o 'Morrisond Recording' com a supervisão de 'Dan Johnson' tendo como engenheiro de som, 'Scott Burns'. A introdução 'Perpetual Warfare' também encerra o álbum com seus efeitos de guerra e este disco é considerado por muitos, a melhor obra da banda.

Em 1989 PORTARO desiste do seu trabalho como vocalista e passa a dedicar-se apenas à guitarra. Para o microfone central é recrutado GLENN HANSEN. A primeira formação com quatro membros lançou a 14 de agosto de 1990, 'Insult to Injury'. Existe um vídeo de 1988 gravado em 'Copenhagen' em que TONY PORTARO informa ao público que o título original desse disco seria 'Rape of the Mind'. HANSEN foi o responsável por todas as letras, e o álbum, posteriormente, foi relançado com cinco faixas bônus ao vivo.

Por motivos comerciais a banda se desfaz, reaparecendo em 1996 com um novo 'line-up'. CANGELOSI já teria ido tocar com o MASSACRE (Flórida) e depois se juntou ao KREATOR, possibilitando a volta de SCAGLIONE à bateria. JAMES PREZIOSA surge substituindo o baixista BONO e mais um guitarrista (WARREN CONDITI) é adicionado. PORTARO dessa vez conta com o vocalista ROB GONZO. Acreditando na nova fase a 'Massacre Records' assina com a banda e lança o álbum 'Cult of One', uma obra bem diferente das anteriores que mostrava um lado mais 'Groove' do grupo. A banda segue então em turnê pela Europa na companhia do S.O.D. que na época foi reformulado por BILLY MILANO.

O contrato com a 'Massacre Records' era mantido, mas as mudanças na banda continuavam. GONZO não durou muito tempo e CONDITI assumiu o vocal além de tocar guitarra. SCAGLIONE mais uma vez deixa a banda e em seu lugar chega BOB CANDELLA. Com esse time o álbum 'Sit Stand Kneel Prey' é lançado em setembro de 1977. As faixas resgatam mais o "tempero" Thrash, porém ainda soa um pouco moderno e em algumas passagens ganham adições de teclados executadas também por WARREN.


Os fãs antigos de WHIPLASH ficaram mais satisfeitos em outubro de 1998, quando a formação original retorna lançando o ótimo 'Thrashback'. O velho estilo Speed/Thrash Metal mais uma vez imperava na banda que se tornara novamente um 'Power Trio'. A faixa 'Strike me Blind' ganha participações de MICHAEL PINELLA (teclados) e MICHAEL ROMEO (solo de guitarra), ambos do SYMPHONY X.

Em 1999 a gravadora lança uma compilação com algumas faixas demo e canções ao vivo, somando um total de dezenove músicas. O nome desse trabalho é 'Messages in Blood'. Em 2002, aos 38 anos de idade, TONY BONO morre vítima de um ataque cardíaco. A banda segue em silêncio por quase onze anos sem lançar um álbum.

Tony Bono
Tony Bono

Finalmente em setembro de 2009, TONY PORTARO com o retorno de JOE CANGELOSI, reaparecem com o baixista RICH DAY trazendo o lançamento 'Unbor Again' pela 'Pulverized Records'. Entre as dez faixas do álbum o novo 'Power Trio' faz um cover para "I've Got the Fire" de MONTROSE. Por mais que a ilustração do álbum remeta às características dos primeiros discos, as músicas contêm vários elementos que os deixam distantes de suas origens, mas que acrescentam na qualidade.

No mesmo ano a banda parte para alguns festivais na Europa, com passagens pelo 'Wacken Open Air' na Alemanha, apresentações na Finlândia, Noruega e Itália. México e Colômbia também receberam a banda.

No começo de 2010 o grupo dá uma nova parada para resolver questões judiciais de seus membros, mas em dezembro PORTARO anuncia um novo retorno de SCAGLIONE ao seu posto de baterista. Para o baixo foi escolhido DAVID 'DANK' DELONG, porém problemas na agenda de SCAGLIONE o impede de excursionar, a saída foi chamar DAN 'LOORD' FOORD (SIK TH). Em 2011 eles abrem a turnê 'Power and Pain 2011' viajando pela Grécia e Itália em abril. Na frança fizeram passagens no 'Hellfest', retornando à Nova Jersey para uma apresentação na cidade de Clinton. Foram ainda 'Headliners' no segundo festival 'Slaugther by the Water' em São Francisco. Depois retornaram mais uma vez à sua cidade natal onde fizeram mais uma apresentação para então encerrar a turnê no Chile.

Show do Wacken
Show do Wacken

Já com material novo (ainda não concluído) a banda começa 2012 com um show em Nova Jersey e outro na Filadélfia, depois são convidados a participar do cruzeiro '70.000tons of Heavy Metal' a bordo do 'Royal Caribbean ship Majesty of the Seas'. Março e abril os norte americanos visitaram mais uma vez a Alemanha e registraram passagem pelo 'SWR Barroselas Metalfest' em Portugual. Em julho o grupo esteve no 'Convivencia Rock 2012', Pereira, Colômbia, onde desde então tentam terminar o novo material. Que da próxima vez venham para o Brasil!

Dank DeLong, Tony Portaro, Loord Foord
Dank DeLong, Tony Portaro, Loord Foord



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção MatériasTodas as matérias sobre "Whiplash"


Thrash Metal: os melhores álbuns de 1983 a 2016Thrash Metal
Os melhores álbuns de 1983 a 2016


Tom Grosset: O mais rápido baterista do mundo segundo o GuinnessTom Grosset
O mais rápido baterista do mundo segundo o Guinness

Batom, laquê...: Como formar uma banda de Hard Rock em 69 liçõesBatom, laquê...
Como formar uma banda de Hard Rock em 69 lições

Anos 90: bandas de hard rock e metal que decepcionaram os fãsAnos 90
Bandas de hard rock e metal que decepcionaram os fãs

Em cana: os rockstars em suas fotos mais constrangedorasEm cana
Os rockstars em suas fotos mais constrangedoras

Hard Rock e Heavy Metal: Os 10 videos mais toscos sem quererHard Rock e Heavy Metal
Os 10 videos mais toscos "sem querer"

Metallica: Lars diz qual a música que define a banda ao vivoMetallica
Lars diz qual a música que define a banda ao vivo

Dio: detonando Blackmore ao falar do Rainbow em antigas entrevistasDio
Detonando Blackmore ao falar do Rainbow em antigas entrevistas


Sobre Leonardo M. Brauna

Leonardo M. Brauna é cearense de Maracanaú e desde adolescente vive a cultura do Rock/Metal. Além do Whiplash, o redator escreve para a revista Roadie Crew e é assessor de imprensa da Roadie Metal. A sua dedicação se define na busca constante por boas novidades e tesouros ainda obscuros.

Mais matérias de Leonardo M. Brauna no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336