Kiko Loureiro

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Iran_88, Fonte: Site Oficial - Kiko Loureiro
Enviar correções  |  Comentários  | 

Não é à toa que KIKO LOUREIRO é considerado um dos principais músicos da atualidade. Após iniciar seus estudos musicais aos onze anos de idade, KIKO jamais parou de se desenvolver enquanto guitarrista e compositor, o que o levou a ostentar o invejável posto de guitarrista conhecido e respeitado mundialmente.

721 acessosAngra: Rafael comenta nova fase, novo álbum e legado (vídeo)5000 acessosMotorhead: destaques do funeral de Lemmy Kilmister

Foi aos 19 anos, após ter estudado, entre outros, com o mestre Mozart Mello e depois de ter tocado em diversas bandas em São Paulo, que KIKO foi convidado para fazer parte do recém-formado Angra, banda cuja trajetória passou a se confundir com a do próprio músico.

Em março de 93, KIKO gravou sua primeira vídeo-aula intitulada “Guitarra Rock” e logo em seguida viajou à Alemanha para gravar o disco de estréia do Angra, “Angels Cry”. O sucesso do disco abriu diversos novos mercados para a banda, como Ásia e Europa, além, é claro, do próprio Brasil.

Dois anos depois, a banda gravou seu segundo álbum, “Holy Land”, novamente na Alemanha e com produção de Charlie Bauerfeind e Sascha Paeth. O estilo original mostrado no disco fez com que a banda passasse a ser uma referência dentro do heavy metal mundial.

Antes do próximo trabalho de estúdio, o Angra lançou dois EPs, “Freedom Call” e “Holy Live”, este último gravado ao vivo em Paris. “Fireworks”, terceiro disco da banda, foi lançado em 98. Um pouco diferente dos trabalhos anteriores em termos conceituais, já que era mais voltado às raízes do heavy metal, o CD teve produção de Chris Tsangarides e foi gravado em conceituadíssimos estúdios ingleses, como Abbey Road e Power House.

No início de 2001, o Angra apresentou aos fãs e à imprensa sua nova formação com a demo “Acid Rain”. O trabalho de KIKO, num constante desenvolvimento técnico mas jamais abrindo mão do feeling e musicaliade, era um dos destaques dessa demo, que antecipava “Rebirth”, o novo álbum da banda. Lançado em outubro de 2001, “Rebirth” foi gravado mais uma vez na Alemanha, desta vez sob o comando do produtor Dennis Ward.

O carreira de Kiko Loureiro está repleta de vários prêmios à banda e a ele próprio pelas eleições de final de ano promovidas pelas revistas do mundo todo. KIKO está sempre bem classificado em inúmeras publicações, como as japonesas Young Guitar e Burrn!, a francesa Guitar & Bass e as brasileiras Rock Brigade, Rock Underground, Roadie Crew, Guitar Player e Cover Guitara sendo classificado sempre entre os principais guitarristas de rock do mundo.

Em maio de 2002, KIKO e seu parceiro nas guitarras do Angra, Rafael Bittencourt, lançaram o songbook de “Rebirth”, com todas as partituras e tablaturas das músicas do disco. O livro, de 116 páginas, acabou sendo a primeira publicação do gênero editada no Brasil em se tratando de bandas de rock pesado.

No mesmo mês, saiu o mini-álbum “Hunters and Prey”. Novamente produzido por Dennis Ward, o disco traz oito músicas, dentre as quais uma faixa multimídia. Em seguida, o Angra voltou ao Japão, onde novamente foi aclamado pelo público em cinco shows que obtiveram grande repercussão. Além disso, o quinteto também tocou em Taiwan, tornando-se a terceira banda de rock a se apresentar naquele país - foi precedida apenas por Dream Theater e Helloween.

No ano de 2003, o Angra lançou o DVD e o CD duplo “Rebirth World Tour Live In São Paulo”, que registrou um dos shows da turnê mundial de divulgação do álbum “Rebirth” e que fez o Angra ser aclamado em todos os cantos do planeta.

KIKO, por sua vez, lançou mais duas vídeo-aulas, “Técnica e Versatilidade” e “Os Melhores Riffs e Solos do Angra” em VHS e DVD. Os dois vídeos trazem o guitarrista no auge de sua técnica e mostram, de forma clara e didática, inúmeros detalhes que visam enriquecer o repertório musical de todo guitarrista.

Em setembro 2004, o Angra lançou seu mais novo e aguardadíssimo álbum, “Temple of Shadows”.

Trabalho diferenciado e que traz diversas novas nuanças e tendências –, o disco mostra o Angra em seu auge técnico e criativo. Mais uma vez com produção de Dennis Ward, “Temple of Shadows” prova, também, que o grupo conseguiu expandir sua fama para além do circuito do heavy metal, uma vez que conta com a participação do cantor e compositor de MPB Milton Nascimento na faixa “Late Redemption”.

KIKO em fevereiro de 2005 lançou seu primeiro disco solo, “No Gravity”. O disco foi gravado em maio, na Alemanha, com produção de Dennis Ward ao lado de Kiko, e possui treze faixas instrumentais. “No Gravity” tem a participação do baterista Mike Terrana, enquanto que KIKO se encarregou dos demais instrumentos - guitarra, violão, baixo, teclado, piano e percussão. O álbum esta sendo distribuído com ótima repercussão dentro e fora do mundo especializado da guitarra instrumental na Ásia, Europa, EUA, Brasil e Argentina. Foi também criado um hotsite com todas as informações, diários, fotos da produção do álbum (www.kikoloureiro.com.br/nogravity)

Deste trabalho muito bem aceito, foi inevitável a produção do primeiro Songbook completo de um álbum instrumental no país e também de forma inédita o “No Gravity Playback Version”, onde o estudante de guitarra pode tocar os temas do álbum no lugar do Kiko (www.kikoloureiro.com.br/playbackversion)

Neste ano de 2006, Kiko surpreende as expectativas e lança seu segundo cd solo intitulado Universo Inverso. Lançado no Japão e Brasil, este cd mostra outra vertente musical do guitarrista. A já presente brasilidade nos cds do Angra está evidente neste trabalho direcionado para a mescla de estilos com Rock, Fusion, MPB, Jazz e a musica cubana. (www.kikoloureiro.com.br/universoinverso).

O reconhecimento ao trabalho de KIKO e do Angra vem rendendo diversos frutos ao guitarrista. Inúmeras empresas têm insistido em associar seus nomes ao de KIKO através de endorsements como as guitarras Tagima, cabos Santo Ângelo, cordas D’Addario, efeitos Zoom, violões Takamine.

Além das referidas empresas, Kiko têm se dedicado a divulgar o estudo sério da Música em parceria com o conceituado Conservatório Musical Souza Lima e da Faculdade Internacional Souza Lima & Berklee de São Paulo, parceiro das mundialmente respeitadas escolas MI-Musicians Institute, LA e Berklee College of Music, Boston, U.S.A.

Também junto à mídia especializada KIKO conquistou espaço e respeito, já tendo sido capa de inúmeras revistas como a japonesa “Young Guitar”, a Taiwanesa “Guitar Fan” a francesa “Guitar & Bass” e as brasileiras Cover Guitarra e Guitar Class, Guitar Player além de já ter assinado colunas e matérias nessas mesmas publicações. Na Japonesa Young Guitar KIKO teve por três vezes vídeo-aulas em DVD encartada na revista, e números exclusivos sobre seu estilo e técnica.

Por tudo isso, fica muito fácil entender porque KIKO LOUREIRO conquistou, ao longo desses anos de trabalho, tudo aquilo que qualquer músico almeja: um lugar garantido dentre os principais guitarristas de rock do mundo.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

AngraAngra
Rafael comenta nova fase, novo álbum e legado da banda (vídeo)

790 acessosAngra: Fabio Lione tem poderes! (making of do novo álbum)1909 acessosLione: "Nos últimos anos não vi novas bandas com ideias legais"597 acessosAngra: Fabio Lione queria ser Médico? Zoólogo?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

Capas GêmeasCapas Gêmeas
As infelizes coincidências (e plágios) nas artes dos álbuns

MegadethMegadeth
Dave Mustaine não está feliz com os improvisos de Kiko?

Gustavo SazesGustavo Sazes
Obras de arte em capas de álbuns de grandes bandas

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Kiko Loureiro"0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"

MotorheadMotorhead
Destaques do funeral de Lemmy Kilmister

HumorHumor
Os roqueiros mais chatos das redes sociais

Morre DiaboMorre Diabo
Ele aprendeu a tocar guitarra e virou um shredder

5000 acessosFama: 5 bandas que são grandes no exterior e nem tanto no Brasil5000 acessosVocalistas: cantora clássica analisa cinco ícones do Heavy Metal5000 acessosO Clube dos 27: 17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídica5000 acessosAlice Cooper: "Quem leva uma galinha para um show?"5000 acessosLobão: explicando porque suas músicas não tocam nas rádios5000 acessosIron Maiden: ouça a guitarra de Adrian Smith no Rock in Rio

Sobre Iran_88

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online