Matérias Mais Lidas

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemRitchie Blackmore revela como o impactou a chegada de Jimi Hendrix na Inglaterra

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemKiko Loureiro defende surgimento de banda que seria "Greta Van Fleet do Iron Maiden"

imagemO clássico dos Rolling Stones que levou mais de 30 anos para ser tocado ao vivo

imagemMetallica faz doação para complexo de saúde e educação em Curitiba

imagemFreddie Mercury revelou em 1985 como foi conciliar carreira solo e o Queen

imagemA simpatia de James Hetfield ao conversar com pais de bebê que nasceu durante show

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield

imagemOzzy Osbourne é visto caminhando com dificuldade ao sair de estúdio

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemOzzy Osbourne dá sua opinião sobre o streaming e dispara contra Spotify; "É uma piada"

imagemA visão de Arnaldo Antunes sobre sua timidez no período da adolescência

imagemSe vira nos 30: Andre Matos tomou cano de produtor e fez milagre pra agradar fãs


Stamp

Sabaton: Resenha e fotos do show em Porto Alegre

Resenha - Sabaton (Bar Opinião, Porto Alegre, 02/11/2016)

Por Guilherme Dias
Em 07/11/16

Fotos: Liny Oliveira

Em dia de feriado nacional, o Sabaton esteve pela segunda vez na capital do Rio Grande do Sul. Dessa vez para apresentar o seu novo trabalho, intitulado "The Last Stand", lançado recentemente, no dia 19 de agosto. Após finalizar a "Heroes on Tour" em março de 2016, realizaram shows em diversos festivais do verão europeu e logo iniciaram a nova turnê.

A abertura do evento ficou a cargo dos gaúchos da Weakless Machine. O grupo foi formado em 2014 e conta com Jonathan Carletti (vocal), Fernando Cezar (guitarra), Gustavo Razia (baixo) e Luke Santos (bateria).O grupo apresentou canções do seu vindouro álbum. A primeira foi "Manipulation", esteve presente também "Tarred With The Same Brush", música que foi lançada com videoclipe recentemente. Após apresentar seus companheiros, Jonathan deixou para Luke introduzir "Tribal". O vocalista fez diversos agradecimentos antes de encerrar o show. A tradicional foto com o público foi tirada e deram espaço para a montagem de palco do Sabaton. Foi a primeira vez do Weakless Machine no Bar Opinião, com uma ótima atuação. No momento se preparam para o lançamento de seu primeiro álbum, que terá seu nome, capa e tracklist divulgado em breve, está sendo produzido por Renato Osório (Hibria) e mixado por Benhur Lima.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Antes do horário previsto as introduções do show rolaram no som mecânico. Foram elas a versão do Sabaton para "In The Army Now" (de Bolland & Bolland, muito conhecida pela versão dos britânicos do Status Quo) e a previsível "The March to War". Antes de entrar no palco Joakin Bróden (vocal) já dizia "Hello Porto Alegre" no microfone. A poderosa "Ghost Division" ("The Art of War", 2008) foi a primeira do set, como vem acontecendo há muito tempo. Sem pausa emendaram as novas "Sparta" (perfeita na versão ao vivo) e "Blood of Bannockburn".

O frontman Joakin disse que era muito bom retornar, relembrando a apresentação em terras gaúchas dois anos atrás. Apresentou o novo membro Tommy Johansson (guitarra) que entrou no lugar de Thobbe Englud (que saiu ainda no início da turnê). A piada que durou a noite inteira começou quando Joakin ensinou um pouco da língua portuguesa para Tommy, dizendo que o melhor modo de dizer "obrigado" é dizendo "pica das galáxias", gerando gargalhadas no público e no restante dos companheiros Pär Sundstrom (baixo), Chris Rörland (guitarra) e Hannes Van Dahl (bateria) que apenas assistiram a cena.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O vocalista perguntou se os fãs queriam algo rápido e pesado, logo responderam que sim, era a hora de "40:1" ("The Art of War"). Após "Shiroyama" ("The Last Stand"), Joakin pegou uma das guitarras e se sentindo um "guitar hero" tocou o riff inicial de "Smoke on the Water (Deep Purple) e realizou um duelo com Johansson e Rörland que se mostraram muito habilidosos. Porém Joakin tocou o riff de "Master of Puppets" (Metallica) e cantou, recebendo uma ótima resposta do público e anunciou a si mesmo como o vencedor da batalha.

Brincadeiras à parte, muito som rolou com as ótimas "Resist and Bite" e "Far From the Fame" ("Heroes", 2014) até que um fã atirasse uma placa dizendo "tire uma selfie comigo ou morra" gerando um diálogo engraçado com a platéia, Joakin leu e não se importou, dizendo que todos iremos morrer algum dia.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No bis, "Night Witches" e o momento favorito de Joakin no Brasil, pedindo a ajuda para todos cantarem "Smoking Snakes", música que homenageia a Força Expedicionária Brasileira, contando a história de três soldados que lutaram até a morte contra um batalhão de alemães muito maior na Itália, durante a Segunda Guerra Mundial. A clássica "Primo Victoria" (2005) finalizou a apresentação.

Durante as trilhas de encerramento os músicos distribuíram palhetas, baquetas, set-lists e muitos sorrisos para os seus fãs. Demonstraram mais uma vez a satisfação em estarem no palco. O público estava em menor número comparado com a apresentação de dois anos atrás. Mas não deixou a desejar em momento algum. Sendo muito participativos e cantando todas as músicas, inclusive as que estão presentes no novo álbum. A presença de palco e o carisma são inacreditáveis. Após os primeiros acordes não há quem não fique hipnotizado. O power metal foi muito bem representado em clima de guerra, onde o grito de guerra foi a potente voz de Joakin, as armas foram as cordas de Pär, Rörland e Johanson e as baquetas do canhoto Hannes foram tiros certeiros nos tambores da bateria.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Set-list Weakless Machine:

Manipulation
Get Ready
Tarred With the Same Brush
Tribal
Unbroken
Kill

Set-list Sabaton:

Ghost Division
Sparta
Blood of Bannockburn
Swedish Pagans
Carolus Rex
40:1
The Lost Battalion
Far from the Fame
Shiroyama
Resist and Bite
To Hell and Back
The Lion From the North
Winged Hussars

Night Witches
Smoking Snakes
Primo Victoria

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Comente: Esteve no show? O que achou?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Heavy Sword: O Power Metal morreu? (vídeo)

Crypta e Sabaton no episódio 36 do podcast Papo Metal




Sobre Guilherme Dias

Fanático por heavy metal e hard rock desde os 12 anos de idade. Coleciona CDs e LPs, principalmente do Helloween e seus derivados. Colabora com o site desde 2013. Nasceu em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul.

Mais matérias de Guilherme Dias.