Galeria responde nota sobre acidente

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Fonte: Brasil Music Press, Press-Release
Enviar Correções  

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

Em nota anterior, redigida por Richard Navarro, sobre o "caso Perna", "Líder do Genocídio sofre acidente na Galeria do Rock e pode parar de tocar", a Galeria do Rock dá seu parecer em direito de resposta:

"Quero lamentar profundamente ao deparar com esta injusta alardeante notícia do Wanderley Perna. Lamentar pelo seguinte fato: No momento em que ocorreu o acidente, diga-se de passagem NUNCA aconteceu acidente desta natureza, no caso com a mão, nestes 12 anos de história da Galeria do Rock. Quero lamentar, ainda, que providenciamos imediato atendimento. Estranha-nos também que a pessoa anterior a ele não fez nenhuma reclamação, a que ele diz "ter arrancado as unhas" e foi embora sem nada reclamar! (NINGUÉM ESTIRPA UMA UNHA E NEM SANGUE SAI DOS DEDOS). Estranha-nos, também, ele ver o acidente com uma pessoa logo antes dele e o mesmo não ter retirado as mãos. Mas isto para nós não é relevante e nem nos interessa o motivo pelo qual ele não retirou as mãos, mesmo sabendo que havia algum problema naquele local. Para nós é relevante o fato de darmos total assistencia ao "Perna". Nosso zelador foi. na mesma tarde até o Hospital para ver se o mesmo necessitava de alguma coisa. No dia seguinte eu mesmo liguei a ele e coloquei um amigo nosso, cirurgião plástico de grande credibilidade no país, para que fôssemos lá no mesmo dia para ver a condição do dedo e fazer um possível enxerto, se fosse o caso, pois como o acidente era recente poder-se-ia favorecer algum procedimento, segundo nosso especialista. Eu me prontifiquei em buscá-lo em sua residencia e levá-lo ao meu amigo cirurgião, que por sinal iria adiar uma viagem para atender ao meu pedido. Por telefone pedi-lhe que guardasse todas as notas fiscais, pois iríamos lhe reembolsar. Quero lamentar, também, com todo o respeito que temos a todas pessoas que circulam pela galeria, que mesmo sem teu pedido acionamos nossa companhia de SEGUROS, pois nós temos o seguro de Responsabilidade Civil para todo e qualquer problema que existir ou acontecer dentro da Galeria, SEGURO ESTE QUE NOS 12 ANOS DE GALERIA DO ROCK NUNCA ACIONAMOS, POIS COMO DISSEMOS É A PRIMEIRA VEZ QUE ACONTECE ALGUM TIPO DE SINISTRO. A Cia de Sinistro é uma das mais Sérias do País, que é a Porto Seguro. Com isto quero deixar claro meu lamento pela desconsideração do tratamento que damos a você. Querer fazer notícia em função de uma desgraça é lamentável. A princípio ninguém sabia de quem se tratava mas estamos sempre em busca da excelência no atendimento de todos que aqui circulam. Temos plena conciência de nossa responsabilidade em compromisso com os milhares de jovens que por aqui circulam e não é a tôa que a Galeria se encontra no atual estágio de "Patrimônio do Rock do Brasil", como cita o colega em seu final de matéria. Quero, também, lhe informar que as escadas rolantes têm empresa especializada em manutenção e conservação, com troca de todas componentes sendo pagos integralmente e com Engenheiros responsáveis pelo seu bom funcionamento. Quero nesta lamentar a publicação deste documento sem ao menos consultar a outra parte e ouvir a quem está sendo indevidamente acusado de forma parcial. Nós que temos plena consciência de nossa responsabilidade e não somos negligentes como aqui está sendo colocado. Colocamos aqui nosso integral repúdio como esta matéria foi publicada e exigimos uma reparação imediata!!!!!!!"

Antonio de Souza Neto
(assessor de imprensa da Galeria do Rock - Mtb 15106)


adWhipDin