Voïvod: show de lançamento do DVD Tatsumaki

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Antonio Parreira
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

No último sábado, 12 de dezembro de 2009, os famigerados Snake, Away, Blacky e Dan Mongrain (MARTYR) presentearam os fãs de Montréal com um show do VOIVOD como banda principal. O show foi ainda mais especial pois era um "show de Natal" que angariava alimentos não-perecíveis para a caridade. Para completar ainda era o aniversário do baixista Blacky, que tomou todas em cima do palco, jogou água na platéia e no Snake, e quando o público não parava de gritar "Voïvod, Voïvod" depois do bis, ele entrou em cena e pulou no meio da platéia. Memorável!

Solos de guitarra: lista dos 50 melhores segundo a NMEAC/DC: Axl conta por que Angus vive correndo no palco

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Eles tocaram na sua própria cidade (na verdade eles formaram a banda em uma pequena cidade mais ao norte da província de Québec, Jonquière, mas se mudaram logo para Montréal, que é onde tudo acontece) em um Club Soda lotado de velhos e novos fãs. O repertório foi mais abrangente do que as curtas apresentações no festival Heavy MTL (que marcou a volta da banda aos palcos) e a abertura do show do Judas Priest, ambas em 2008. Eles incluiram mais clássicos dos anos 80 e também do recente álbum Infini.

Para quem já tinha assistido o DVD não foi novidade a brincadeira com a palavra "tatsumaki", que quer dizer "tornado" em japonês. Foi uma idéia do guitarrista Dan Mongrain que deu tão certo no Japão (eles pediram para a platéia cantar com eles o refrão da música "Tornado" trocando a palavra por "Tatsumaki") que acabou se tornando o título do DVD. Em Montréal eles também tocaram a versão nipônica de "Tornado" e a platéia franco-canadense cantou com eles: "Tatsumaki! Tatsumaki!".

Confiram o começo do show com a clássica "Voïvod" no vídeo abaixo.

A abertura ficou por conta das bandas locais INEPSY (bom hardcore na linha do DISCHARGE) e LES ÉKORCHÉS, banda que contava com o baterista Away nas baquetas.

Digo "contava" pois depois que o VOIVOD voltou com força total, o baterista resolveu se dedicar completamente à sua banda principal. O substituto é o baterista Brian Craig (ex-GHOULUNATICS e atual BUFFALO THEORY MTL).




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Voivod"Todas as matérias sobre "Ghoulunatics"Todas as matérias sobre "Buffalo Theory MTL"


Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1988Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1988

Canadá: os 30 melhores álbuns de Hard Rock/Heavy MetalCanadá
Os 30 melhores álbuns de Hard Rock/Heavy Metal


Solos de guitarra: lista dos 50 melhores segundo a NMESolos de guitarra
Lista dos 50 melhores segundo a NME

AC/DC: Axl conta por que Angus vive correndo no palcoAC/DC
Axl conta por que Angus vive correndo no palco


Sobre Antonio Parreira

Antonio Parreira, aka Tunão, aka Anton Parr, é arquiteto, designer gráfico e músico. Interessado por música desde sempre, tornou-se fanático por rock depois de descobrir bandas como Kiss, Iron Maiden, Judas Priest e AC/DC. No início dos anos 80 acompanhou o nascimento do Thrash Metal, estilo que se tornou seu preferido de todos os tempos. Tocou em várias bandas nessa linha "Thrash Bay Area" durante os anos 80 e 90: Napalm, Damage, Overthrash, The Still e Avalon. Atualmente é vocalista do Buffalo Theory MTL, banda de Southern Metal de em Montreal, Canadá. Leitor do Whiplash! desde os anos 90 e atualmente colaborando com textos e traduções, diretamente da "terra do Voïvod".

Mais matérias de Antonio Parreira no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336