Dimmu Borgir: não faz sentido usar jeans e camiseta branca

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Adelemberg Thiago, Fonte: BW&BK / Bravewords.com, Tradução
Enviar Correções  

Bill Forman, do Colorado Springs Independent, divulgou em dezembro de 2010 uma entrevista com o frontman do DIMMU BORGIR, Shagrath. Seguem alguns trechos.

publicidade

Um bocado de banda norueguesas tendem para a parte obscura da vida, incluindo algumas totalmente satânicas. Na vida real, vocês voltam para casa, para as esposas, crianças e cachorros?

Shagrath: "Absolutamente. Nós somos como qualquer pessoa. Temos famílias e filhos e responsabilidades. Sim, a mesma coisa".

Então, isso leva a uma espécie de desconexão entre o seu personagem no palco e sua personalidade fora do palco?

Shagrath: "Acho que somos tão profundos dentro do que fazemos, não é como se apenas tirássemos uma máscara e voltássemos para casa do trabalho às 4 e façamos algo mais. Somos tão apaixonados pela música que tocamos. Então, é mais um estilo de vida".

publicidade

Mesmo considerando o quão melódico suas músicas podem ser, eu não consigo ver de forma alguma você indo para fora do palco, sentando em banquinhos e tocando violões. Quão importante é o elemento teatral para você?

Shagrath: "Eu acho que isto anda de mãos dadas com o tipo de música que tocamos. É uma música obscura e atmosférica, e os shows devem ser assim também. Para mim, isto sempre foi importante, mesmo que eu tenha crescido ouvindo bandas como KISS, TWISTED SISTER, W.A.S.P. e JUDAS PRIEST. Todas essas bandas tinham uma espécie de forte atitude teatral, a qual eu acho extremamente necessária. Não faria sentido entrar no palco com o DIMMU BORGIR com jeans e camiseta branca. E qual seria o objetivo? Se não tem nada para ver, você pode muito bem ficar em casa e ouvir o CD".

publicidade

Entrevista completa (em inglês):
http://www.csindy.com/colorado/thus-spoke-shagrath/Content?o...



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metal Hammer: 10 álbuns essenciais do black metal sinfônicoMetal Hammer
10 álbuns essenciais do black metal sinfônico


A-Ha: pop norueguês que influenciou algumas bandas de metalA-Ha
Pop norueguês que influenciou algumas bandas de metal

Dimmu Borgir: Somos uma banda satânicaDimmu Borgir
"Somos uma banda satânica"


Osama Bin Laden: O que havia na sua coleção de cassetes?Osama Bin Laden
O que havia na sua coleção de cassetes?

Guns N' Roses: álcool, drogas e intrigas nos primórdios da bandaGuns N' Roses
álcool, drogas e intrigas nos primórdios da banda


Sobre Adelemberg Thiago

Serratalhadense, pernambucano arretado, e terminando o curso de fisioterapia. Nasci em 1985, comecei a escutar rock através das baladas românticas dos "love metal" da vida!. De 2001 até hoje, curto quase todos os gênero do rock, desde o Queen e a velha guarda do hard rock, tipo Scorpions e Europe, aos grandes nomes alemães e chegando ao grande Dimmu Borgir. Sou apaixonado por futebol, meeeengo, corridas, adoro carros esportivos. Não sou um ás das palavras nem tampouco um Bach nas músicas, mas ajudar a divulgar o hard rock/heavy metal, contribuir com o site e ver a galera comentando sobre o que você posta é gratificante, por isso decidi a colaborar sempre que possível com o site. No twitter: @A_Thiago.

Mais matérias de Adelemberg Thiago no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin