Soilwork: revelado título de novo álbum da banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Kako Sales, Fonte: Blabbermouth.Net, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Após uma bem-sucedida sessão de festivais europeus e seletos shows, os mesters do metal sueco do Soilwork iniciaram as composições para o sucessor de "The Panic Broadcast", de 2010.

O vocalista Björn "Speed" Strid comentou: "Foi um verão (N. do T.: no hemisfério norte) intenso e agora, eu e os caras estamos hibernando em cada canto do planeta e reunindo idéias para o novo álbum. Muitas músicas ainda deverão ser compostas mas a inspiração está no nível máximo! As pessoas podem esperar uma continuação da intensidade e presença de 'The Panic Broadcast', apenas levada a um nível mais alto. Essa é a intenção. Iremos fazer algumas turnês no ano que vem também, antes de felizmente entrarmos em estúdio no início do segundo semestre. O título do álbum já está definido: 'The Living Infinite'. Fiquem remoendo isso por um tempo e não cuspa até a música invadir seus ouvidos, galera!"

Uma filmagem da performance do Soilwork no Roskilde Festival, na Dinamarca, pode ser vista abaixo.

"The Panic Broadcast" vender certa de 5.300 cópias nos Estados Unidos em sua semana de lançamento, ficando na posição número 88 da Billboard 200.

O álbum anterior da banda, "Sworn to a Great Divide", estreou com 5 mil unidades vendidas, em outubro de 2007, ficando na posiçõa número 148.

"The Panic Broadcast" foi lançado na Europa em 2 de julho de 2010 e na América do Norte em 13 de julho de 2010 via Nuclear Blast Records. O álbum foi mixado no Fascination Street Studio, em Örebro, Suécia, com Jens Bogren (Opeth, Katatonia, Paradise Lost, Bloodbath).

O último álbum do Soilwork foi o primeiro a contar com o guitarrista Peter Wichers desde seu retorno à banda, em 2008, bem como a estréia num álbum de estúdio do guitarrista Sylvain Coudret, que também se juntou à banda em 2008.

O Soilwork fez um video-clipe para a música "Deliverance is Mine" com o diretor Ivan Colic (Ex Deo, Type O Negative, Unleashed) e o produtor Stanimir "Staca" Lukic (Moospell, Kamelot, Deathstars, Type O Negative).




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Soilwork"


Metal sueco: site elege as dez melhores bandas da SuéciaMetal sueco
Site elege as dez melhores bandas da Suécia

Pra ouvir e discutir: os melhores discos lançados em 2002Pra ouvir e discutir
Os melhores discos lançados em 2002


Bruce Dickinson: foi difícil evitar as drogas durante toursBruce Dickinson
Foi difícil evitar as drogas durante tours

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1990Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1990

New York Times: os 100 melhores covers de todos os temposNew York Times
Os 100 melhores covers de todos os tempos

Ninguém é perfeito: os filhos bastardos de pais famososNinguém é perfeito
Os filhos "bastardos" de pais famosos

Separados no nascimento: Cazuza e Lauro CoronaSeparados no nascimento
Cazuza e Lauro Corona

Nita Strauss: a 1ª mulher a ter guitarra signature da IbanezNita Strauss
A 1ª mulher a ter guitarra signature da Ibanez

Rammstein: polêmica com muçulmanos em imitação de homem bombaRammstein
Polêmica com muçulmanos em imitação de homem bomba


Sobre Kako Sales

Mineiro de Januária, baterista autodidata, cresceu em ambiente familiar ligado à música popular e erudita. Seu pai chegou a fazer pequenas turnês com bandas da Jovem Guarda como tecladista no fim da década de 70. Aos 10 anos, iniciou os estudos de teoria musical e piano clássico. Teve o primeiro contato com o mundo do metal ao escutar o CD Angels Cry do Angra, aos 15 anos. Desde então tem se dedicado a conhecer, colecionar e difundir o melhor do metal brasileiro e mundial. Graduado em Letras/Inglês, principalmente por influência da língua-mãe do rock, tem como principais ícones do metal as bandas Angra, Symphony X, Dream Theater e Opeth.

Mais informações sobre Kako Sales

Mais matérias de Kako Sales no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336