Matérias Mais Lidas

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemMetallica e as músicas fantásticas que sempre ficam escondidas nas playlists

imagemA reação do pai de Neil Peart quando ele se juntou ao Rush

imagemA dura bronca dos Titãs em Nando Reis durante gravação de "Titanomaquia"

imagemRolling Stones: Keith Richards compara tocar com Brian Jones, Mick Taylor e Ron Wood

imagemTestament está confirmado na edição brasileira do Summer Breeze, segundo jornalista

imagemRick Wakeman relembra época em que o Yes abria show para o Black Sabbath

imagemLed Zeppelin: O motivo pelo qual Jimmy Page não gosta de "All My Love"

imagemCinco músicas lançadas após o ano 2000 que se tornaram clássicos do rock - Parte III

imagem4 hits do Deep Purple cujos riffs Ritchie Blackmore já confessou ter copiado

imagemA reação de Stevie Ray Vaughan ao ouvir Jimi Hendrix pela primeira vez

imagemTitãs: como surgiu o título do hit "Bichos Escrotos", segundo Nando Reis

imagemPor que o processo de composição da Legião Urbana e Engenheiros era tão diferente?

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"


2022/07/09
2022/08/18

Doug Aldrich: "David Coverdale é um mestre, o melhor"

Por Nacho Belgrande
Fonte: Playa Del Nacho
Em 23/04/12

A revista ROCKPAGES da Grécia conduziu uma entrevista exclusiva com o guitarrista do WHITESNAKE, DOUG ALDRICH, em abril de 2012, durante sua breve estada na Grécia para uma série de workshops de guitarra. Eis um trecho traduzido da conversa.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Rockpages. gr: Sua colaboração com David Coverdale já rendeu dois discos com o Whitesnake que combinam com o som mais pro blues do começo da banda no começo dos anos 80, mas misturado com o Hard Rock. O quanto seu estilo de tocar e de compor influenciou essa direção e como funciona a coisa toda entre você e David?

Doug Aldrich: "Basicamente, nós escrevemos as músicas juntos. Por vezes, David toca umas partes de guitarra e eu canto pra ele… você sabe, tentando cantar como David Coverdale [risos]. Eu agüento cantar algumas vozes de backing, mas David é um mestre… ele é o melhor. Ele confia em mim e eu confio nele e nós trabalhamos muito bem juntos. Por exemplo, algumas vezes ele me manda uma idéia, uma melodia vocal e eu estou tentando bolar um riff que se encaixe bem naquela idéia. Simplesmente funciona… não planejamos em juntar os dois lados, mas desde que começou a rolar eu fiquei feliz porque eu amo o Whitesnake das antigas… foi o primeiro Whitesnake que ouvi, bem antes de’ 1987’. Nos EUA, todo mundo conhece a banda daquele disco… bem, talvez de ‘Slide It In’, mas lês nem sabiam muito daqueles discos antigos. Q Quando eu estava no LION, nós tínhamos um vocalista escocês [Kal Swan] que era basicamente um louco por David Coverdale! Ele tinha todos os discos e ele adorava THIN LIZZY, STATUS QUO… por outro lado, eu amava DEEP PURPLE, ZEPPELIN, RAINBOW, UFO… todas aquelas excelentes bandas britânicas. Eu amo a batida e o blues daquele Whitesnake do começo e tudo que estou tentando fazer é capturar aquele sentimento de uma maneira mais moderna. Com certeza, todo mundo conhece ‘Is This Love’, ‘Still of the Night’, ‘Here I Go Again’… e estamos tentando escrever músicas que também se encaixem naquela vibe do Whitesnake. Então, se você está tentando escrever canções que se encaixem tanto em… digamos, ‘Slip f the Tongue’ e ‘Come n Get It’, fica muito difícil…"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

O grande sucesso do Whitesnake que David Coverdale havia escrito para B.B. King

Veja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

Túnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1984 é um ano vital para o metal

Whitesnake cancela show, perfil atribuído a Tommy Aldridge nega que ele esteja doente

Steve Vai se junta ao Whitesnake para tocar "Still Of The Night" no Hellfest; veja vídeo

O inacreditável motivo que fez David Coverdale demitir Ian Paice do Whitesnake

Whitesnake divulga vídeo remasterizado da clássica "Love Ain't No Stranger"

David Coverdale já xavecou mãe do vocalista do The Darkness (na frente do maridão)

A inesperada música do Whitesnake que serviu de inspiração para "Carry On" (Angra)

Whitesnake: em comercial de volta às aulas da Walmart

Whitesnake: como a sexy Tawny Kitaen salvou a banda e a gravadora da falência

O passado quase desconhecido de alguns rockstars

Guns N' Roses: a versão de Axl Rose sobre a separação

Metal: 16 músicas dos anos 80 para se escutar durante o treino


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande.