Jethro Tull: Ian Anderson fala sobre sua sexualidade

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Samuel Coutinho, Fonte: Metal da Ilha
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em uma entrevista com Joel Gausten em outubro de 2013, o frontman do JETHRO TULL, Ian Anderson, discute sobre vários assuntos, incluindo sua sexualidade. Confira uma parte da entrevista abaixo.

Ummagumma: Desentendimentos e confusões... o que é rock progressivo?Guitar World: as 50 melhores canções de Rock de todos os tempos

Joel: Eu achei a seção com as perguntas mais frequentes da banda, no JethroTull.com, bem divertida. Tem perguntas bastante repetidas, mas qual pergunta você gostaria de discutir que não seja sobre a atual turnê ou alguma produção?

Ian Anderson: "Eu realmente não tenho nenhuma específica, 'Oh, ninguém nunca me perguntou isso antes', mas as pessoas não tocam em assuntos como por exemplo, a minha sexualidade. Isso sempre me interessou porque eles supõem que eu seja apenas um cara tradicional, um tipo bem comum, um heterossexual tradicional e um homem casado com um casal de filhos, mas todos nós somos um pouco mais complexos do que isso. Eu, pessoalmente, sempre penso em mim como se eu tivesse alguns atributos femininos e alguns aspectos da minha personalidade que são uma parte muito importante naquilo que eu faço, e por isso talvez eu seja alguém que por um lado possa ser visto com uma arma de combate e outra hora tocando um instrumento de mocinha como uma flauta ou costurando alguns botões da minha camisa ou na cozinha fazendo uma espécie de pudim delicado ou algo assim. Nós não somos criaturas simples assim".

"Eu acho que esse negócio de sexualidade é muito interessante, especialmente porque eu toco em vários lugares onde as pessoas simplesmente pensam que homens são homens e mulheres são mulheres. Eu não acho que sejamos tão simples assim. Gostaria muito de pegar um cara comum do Taliban e vesti-lo com um belo vestido e talvez colocá-lo num salto alto e ensiná-lo a fazer tricô ou bordar, porque eu acho que faria bem pra sua alma. É bom salientar que é antiquado e preconceituoso ver homens e mulheres como duas espécies basicamente diferentes, isso é um completo absurdo. Todos nós temos um lado feminino, e a maioria das mulheres - ainda bem - eu sei que às vezes elas usam calças e exercem um pouco de autoridade. Por exemplo, Margaret Thatcher, Angela Merkel e Hillary Clinton, que pode muito bem se tornar a próxima presidente. É bom que algumas das meninas saibam como jogar as regras dos rapazes, e também, assim como as pessoas gostam de mim, precisam lembrar que representamos talvez 90% dos estereótipos masculinos, mas existem 10% de nós que estão um pouco na dúvida, e eu não me importo. Mas eu não sou gay, pelo que eu saiba. Eu nunca tentei, mas acho que é um pouco tarde demais (risos). Mas, se surgir uma oportunidade, certamente eu vou considerar".

Leia a entrevista completa (em inglês) no link abaixo:
http://www.joelgausten.com/2013/10/searching-for-gerald-bost...



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Jethro Tull"


ELF: ouça Dio cantando Aqualung do Jethro TullELF
Ouça Dio cantando "Aqualung" do Jethro Tull

Rock: os 10 guitarristas mais subestimados da históriaRock
Os 10 guitarristas mais subestimados da história

Jethro Tull: solo de Aqualung quase foi ferrado por causa do Jimmy PageJethro Tull
Solo de "Aqualung" quase foi ferrado por causa do Jimmy Page


Ummagumma: Desentendimentos e confusões... o que é rock progressivo?Ummagumma
Desentendimentos e confusões... o que é rock progressivo?

Guitar World: as 50 melhores canções de Rock de todos os temposGuitar World
As 50 melhores canções de Rock de todos os tempos

Curiosidades: As histórias por trás de 11 capas clássicasCuriosidades
As histórias por trás de 11 capas clássicas

Dave Mustaine: Kiko é o primeiro que me intimida desde FriedmanDave Mustaine
"Kiko é o primeiro que me intimida desde Friedman"

Heaven & Hell: mistérios e autocensura na capa de álbumHeaven & Hell
Mistérios e autocensura na capa de álbum

Corey Taylor: o disco que muitos ficariam chocados em saber que ele temCorey Taylor
O disco que muitos ficariam chocados em saber que ele tem

Guns N' Roses: Alcione usa rosto de Axl Rose no RIR e ele agradeceGuns N' Roses
Alcione usa rosto de Axl Rose no RIR e ele agradece


Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.