Alice Cooper: álbum de covers só sai no ano que vem

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 19/05/14. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Michael Christopher, do Vanyaland, recentemente conduziu uma entrevista com o lendário músico ALICE COOPER. Alguns trechos estão disponíveis abaixo.

389 acessosAlice Cooper: Novo vídeo teaser do álbum Paranormal5000 acessosJudas Priest: 10 fatos que comprovam que eles são Heavy Metal

Vanyaland: Vamos falar sobre o filme. Houve tantos documentários medíocres sobre músicos com o passar dos anos, o que lhe convenceu que “Super Duper Alice Cooper” poderia ser diferente?

Alice Cooper: “A Banger Filmes veio até nós e vimos que fizeram o “Flight 666” para o IRON MAIDEN e eles disseram: ‘Nós não queremos fazer este documentário de cabeças falantes, onde Elton John fala e então esse outro cara fala, nós queremos fazer algo linear, nós queremos contar a história de Alice, mas de forma gráfica. Se você for fazer um documentário sobre ALICE COOPER, ele tem que ser tão teatral quanto o personagem.’ E eu adorei essa ideia e amei o conceito de estarem preparando uma conexão ‘Médico e o Monstro’ entre eu e Alice Cooper e o fato de eu falar de Alice Cooper na terceira pessoa, ele é um personagem que eu interpreto. [...]”

Vanyaland: O que mais ressaltou meus olhos é o quão cru são algumas partes, mas você já disse que estas são algumas das suas coisas favoritas de se discutir.

Alice Cooper: “Eu acho as coisas desconfortáveis mais interessantes. Quando eles entrevistaram Dennis [Dunaway] e Neal [Smith], os caras originais da banda original – nós não conseguimos achar Mike [Bruce], ele é difícil de achar – a coisa mais fácil era editar suas falas, para fazer a banda parecer bem. Eu disse que preferia ter sua opinião verdadeira sobre os motivos da separação do grupo.”

Vanyaland: Seu próximo projeto é um álbum de covers [que também inclui músicas escritas especificamente para o projeto]. Com o passar dos anos, alguns artistas já fizeram covers de suas músicas: CREED, MEGADETH, até mesmo Etta James. Algum deles se sobressaiu para você, por causa de suas diferentes interpretações ou porque foram muito ruins?

Alice Cooper: “Música, para mim, é como um pedaço de argila que pode ser montada: ‘Aqui está o verso, o refrão, as letras – vamos ver o que vocês conseguem fazer com isso.’ Joan Jett fez um grande cover de ‘Be My Lover’. Dio fez um grande cover de ‘Welcome To My Nightmare’ e fez uma versão incrível. Roger Daltrey fez ‘No More Mr. Nice Guy’. Toda vez que alguém faz um cover e escolhe uma de minhas músicas, me sinto totalmente lisonjeado com essa escolha. Sempre tenho interesse em ouvir o que eles podem fazer. Posso lhe dizer que uma das maiores emoções da minha vida foi quando fui ver Paul McCartney e sua banda. Eu fui nos bastidores e eles estavam se aquecendo, e eu entrei na sala e eles começaram a tocar ‘Under My Wheels’. Lá estava McCartney tocando o baixo e eu fiquei ‘Uau’. Era totalmente um elogio saber que ele conhecia essa música.”

Vanyaland: Então você vai fazer algo semelhante e elogiar artistas com músicas que você ama.

Alice Cooper: “Eu nunca fiz um álbum de covers. Todos nós começamos como uma banda cover – mesmo os BEATLES. Ao invés de simplesmente pegar um bando de músicas, resolvi fazer sobre todos meus amigos bêbados mortos. Todos os caras com quem bebi: Jim Morrison e eu costumávamos beber, Jimi Hendrix e eu costumávamos beber, THE SMALL FACES, T.REX, Harry Nilsson – todos essas caras eram meus amigos. Então eu disse para fazermos um álbum sobre estes vampiros de Hollywood, nosso clube do álcool. Há muitas músicas que você pode usar. Bob Ezrin adorou a ideia e está praticamente pronto agora, mas eu não acho que isso vá ver a luz do dia até o ano que vem, porque temos a turnê com o MOTLEY CRUE com 72 shows e não tenho tempo para fazer um show sobre covers até ano que vem.”

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 19 de maio de 2014

MudançasMudanças
10 bandas que não soam mais como em seus primeiros discos

389 acessosAlice Cooper: Novo vídeo teaser do álbum Paranormal321 acessosAlice Cooper: veja o lyric video de "Paranormal"2998 acessosAlice Cooper: Welcome to My Nightmare lançado em DVD2180 acessosAlice Cooper: Longe de se aposentar, quer ultrapassar Mick Jagger489 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Alice Cooper"

Mórbida semelhançaMórbida semelhança
Alice Cooper e Gretchen

MorteMorte
Confira 15 das melhores músicas sobre o tema

Sexta-Feira 13Sexta-Feira 13
Dez ótimas canções para se ouvir nessa data

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Alice Cooper"

Judas PriestJudas Priest
10 fatos que comprovam que eles são Heavy Metal!

Motley CrueMotley Crue
Como a banda aperfeiçoou a arte de beber e se drogar

RockstarsRockstars
As esposas mais lindas do rock - 1ª parte

5000 acessosNoisecreep: dez melhores canções de Metal (e Hard) dos 80s5000 acessosSteven Tyler: vocalista admite que já queimou a rosca5000 acessosEm 19/02/1980: Bon Scott, vocalista do AC/DC, morre aos 33 anos de idade5000 acessosCabeçote: Vá para casa, Paul Di'Anno5000 acessosKiko Loureiro: contando como foi chamado pelo Megadeth5000 acessosCapas de álbuns: versão "cultura pop" de capas famosas

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online