Matérias Mais Lidas

imagemO reencontro entre Steve Harris e Paul Di'Anno na Croácia

imagemEddie aparece em versão samurai no primeiro show do Iron Maiden em 2022; veja foto

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemRoger Daltrey revela a música "amaldiçoada" que o The Who não toca mais ao vivo

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemConfira as músicas que o Iron Maiden tocou no primeiro show de 2022

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield

imagemDee Snider cutuca bandas com falsas aposentadorias e ingressos caros

imagemEvanescence anuncia a saída da guitarrista Jen Majura

imagemJen Majura disse que sair do Evanescence não foi decisão dela e recebe apoio dos fãs

imagemIron Maiden apresenta Eddie em versão samurai ao vivo; veja vídeo oficial

imagemO clássico do Helloween que fez Angra mudar nome original de "Running Alone"

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemAngra: Quantos shows seguidos a voz aguenta sem restrições? Fabio Lione responde

imagemComo Max Cavalera aprendeu inglês tendo abandonado a escola aos 12 anos de idade


Mötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda

Por Nacho Belgrande
Fonte: Playa Del Nacho
Em 02/05/14

A modelo e comunicadora paulistana JACQUELINE FACCIO LOPES, a mais conhecida ‘Suicide Girl’ brasileira, realizou em maio de 2014, uma homenagem que há muito queria fazer: uma tatuagem em tributo a uma de suas bandas favoritas, o MÖTLEY CRÜE.

Para tanto, Jacqueline escolheu o título de um dos maiores sucessos da banda – e segundo o próprio NIKKI SIXX, a música que define a banda – ‘Live Wire’, faixa oriunda do álbum "Too Fast For Love", o primeiro da discografia dos decanos do hard rock angeleno. O nome da faixa foi tatuado no derriére, num trabalho estilizado cujo resultado final pode ser apreciado na foto abaixo, assim como um pequeno vídeo do ‘making of’ da pintura.

Essa não foi a primeira homenagem de tinta sobre pele que a modelo fez a uma banda de sua predileção. Em sua silhueta fartamente ilustrada, Jacqueline já tivera gravado a emblemática mascote Snaggletooth do MOTÖRHEAD no peito de seus dois pés, o acrônimo de "F.I.N.E.", faixa do álbum "Pump" do AEROSMITH [e,de acordo com o encarte do álbum, quer dizer "Fucked Up, Insecure, Neurotic, and Emotional", elaborado em forma de acróstico sobre as costelas], o fósforo aceso da capa – assim como o resultado de sua combustão na contracapa - do LP ao vivo "Flashpoint" dos ROLLING STONES na porção superior central de seu perímetro abdominal fazendo par com a já mística boca com a língua para fora desenhada pelo artista plástico John Pasche para o grupo londrino em 1970. Ainda homenageando o quinteto, lê-se "It’s Only Rock N’ Roll", faixa-título de um long play de 1974, nas costas e "Don’t Stop" – single oriundo da compilação "Forty Licks", de 2002 – em seu baixo ventre.

Foto: Nicolas Lupetti
Foto: Nicolas Lupetti

Curiosamente, ao saudar o Mötley Crüe com "Live Wire", Jacqueline acabou por prestar uma segunda honraria ao AC/DC, que já marcava presença em seu cóccix com a inscrição "High Voltage", nome do primeiro disco dos áustralo-escoceses a ser distribuído internacionalmente, no ano de 1976. "Live Wire" é também o nome de uma das trilhas de sulcos do álbum "T.N.T.", de 1975.

Jacqueline pode ser contatada para trabalhos de modelo através de seu Instagram e ou de sua página no Facebook, ‘Jacqueline Suicide’. O perfil dela no site das Suicide Girls pode ser acessado através da URL abaixo.

https://suicidegirls.com/girls/Jacqueline

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Rodz Online: Pam & Tommy - Verdades e Mentiras (vídeo)

Mötley Crüe: ex-vocalista acha a série "Pam & Tommy" uma bela de uma m*rda


Mötley Crüe: John Corabi sente-se insultado pela forma que foi retratado em "The Dirt"



Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande.