Mötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

3758 acessosSlash e Nikki Sixx: ponderando sobre uso de celulares em shows5000 acessosAs piores tatuagens de rockstars

A modelo e comunicadora paulistana JACQUELINE FACCIO LOPES, a mais conhecida ‘Suicide Girl’ brasileira, realizou em maio de 2014, uma homenagem que há muito queria fazer: uma tatuagem em tributo a uma de suas bandas favoritas, o MÖTLEY CRÜE.

Para tanto, Jacqueline escolheu o título de um dos maiores sucessos da banda – e segundo o próprio NIKKI SIXX, a música que define a banda – ‘Live Wire’, faixa oriunda do álbum “Too Fast For Love”, o primeiro da discografia dos decanos do hard rock angeleno. O nome da faixa foi tatuado no derriére, num trabalho estilizado cujo resultado final pode ser apreciado na foto abaixo, assim como um pequeno vídeo do ‘making of’ da pintura.

Essa não foi a primeira homenagem de tinta sobre pele que a modelo fez a uma banda de sua predileção. Em sua silhueta fartamente ilustrada, Jacqueline já tivera gravado a emblemática mascote Snaggletooth do MOTÖRHEAD no peito de seus dois pés, o acrônimo de “F.I.N.E.”, faixa do álbum “Pump” do AEROSMITH [e,de acordo com o encarte do álbum, quer dizer “Fucked Up, Insecure, Neurotic, and Emotional", elaborado em forma de acróstico sobre as costelas], o fósforo aceso da capa – assim como o resultado de sua combustão na contracapa - do LP ao vivo “Flashpoint” dos ROLLING STONES na porção superior central de seu perímetro abdominal fazendo par com a já mística boca com a língua para fora desenhada pelo artista plástico John Pasche para o grupo londrino em 1970. Ainda homenageando o quinteto, lê-se “It’s Only Rock N’ Roll”, faixa-título de um long play de 1974, nas costas e “Don’t Stop” – single oriundo da compilação “Forty Licks”, de 2002 – em seu baixo ventre.

Foto: Nicolas Lupetti
Foto: Nicolas Lupetti

Curiosamente, ao saudar o Mötley Crüe com “Live Wire”, Jacqueline acabou por prestar uma segunda honraria ao AC/DC, que já marcava presença em seu cóccix com a inscrição “High Voltage”, nome do primeiro disco dos áustralo-escoceses a ser distribuído internacionalmente, no ano de 1976. “Live Wire” é também o nome de uma das trilhas de sulcos do álbum “T.N.T.”, de 1975.

Jacqueline pode ser contatada para trabalhos de modelo através de seu Instagram e ou de sua página no Facebook, ‘Jacqueline Suicide’. O perfil dela no site das Suicide Girls pode ser acessado através da URL abaixo.

https://suicidegirls.com/girls/Jacqueline

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Slash e Nikki SixxSlash e Nikki Sixx
Ponderando sobre uso de celulares em shows

1305 acessosMotley Crue: Sixx comenta glorificação das drogas no mundo da música0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motley Crue"

Motley CrueMotley Crue
Nikki Sixx: "Com certeza, foi sorte ter sobrevivido!"

Motley CrueMotley Crue
O motivo pelo qual eles não fazem mais bis

Mötley CrüeMötley Crüe
Um compêndio de devassidão e falta de moral

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Musas"0 acessosTodas as matérias sobre "Tatuagens"0 acessosTodas as matérias sobre "Motley Crue"


RockstarsRockstars
Tatuagens que possivelmente geram arrependimento

SlayerSlayer
O pedido de autógrafo mais maluco que Kerry King recebeu

Bon JoviBon Jovi
Chocando companheiros de banda com confissão

5000 acessosOzzy Osbourne: "Perdi minha virgindade aos 15 anos"5000 acessosDeuses do Rock: o tempo passa para (quase) todos eles5000 acessosEm 18/09/1970: Jimi Hendrix morre aos 27 anos de idade5000 acessosUltraje: Roger conta quem escolheu a banda para abrir pros Stones5000 acessosMotorhead: onde todos os bangers concordam5000 acessosPitty: zoando a Glória Pires no Oscar via twitter

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 02 de maio de 2014
Post de 03 de maio de 2014
Post de 03 de maio de 2014
Post de 04 de maio de 2014
Post de 05 de maio de 2014
Post de 16 de maio de 2015


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.