Blind Guardian: Hansi Kürsch esclarece a posição de novo baixista

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Brave Words & Bloody Knuckles, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 02/03/15. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Em uma nova entrevista com o Dead Rhetoric sobre o novo álbum do BLIND GUARDIAN, Beyond The Red Mirror, o vocalista Hansi Kürsch falou sobre a introdução do baixista Barend Courbois:

816 acessosDemons & Wizards: Schaffer e Kursch trabalham em novo material5000 acessosHelloween: a banda que não soube ser grande

DR: Sempre foram vocês quatro, e agora vocês são um quinteto. O que fez vocês passarem essa barreira e adicionarem Barend à banda?

Kürsch: “Quer saber? Foi um mal-entendido geral. Era pra ser uma introdução para pessoas que queriam saber algo sobre o baixista. Nós pensamos: ‘Vamos usar essa oportunidade para apresentá-lo pela nossa página no Facebook e pelo nosso site.’ As pessoas levaram isso pelo lado errado. Ele tem o mesmo status que Oliver Holzwarth (ex-baixista de turnês e de sessões). Foi um completo mal entendido e eu fiquei pensando: ‘Algo está errado aqui’, e Jason, administrador de nosso site, ficou também completamente irritado e confuso. Eu também fiquei confuso e disse: ‘Claro que vamos promovê-lo e apresentá-lo a todos’, ele ficou pensando sobre essa confusão, mas eu não vi dessa forma e disse: ‘Espalhe as notícias. Está tudo bem’, e foi óbvio para mim que ele não é o quinto membro da banda e ele está muito bem com sua posição na banda, como Oliver estava. Não precisamos disso. Mesmo que eu duvide que vou tocar baixo de novo, ainda seremos só nós 4.”

DR: Estou feliz que você esclareceu isso. É incrível como as coisas podem ficar confusas na Internet.

Kürsch: “A Internet está tendo um papel principal em confundir as pessoas e fazer mais de uma história do que ela realmente é. Eu li as matérias infinitas vezes, e nós tínhamos anunciado Barend com a mesma posição de Oliver. Ele tocou baixo no álbum e está começando a participar dos shows. Foi uma apresentação, e sim, nós o consideramos o baixista do BLIND GUARDIAN, da mesma forma que Michael Schüren é considerado nosso tecladista. Não tenho um problema com isso, mas é incrível ver como as coisas se espalham tão rápido e como as pessoas criam algo disso. Algumas pessoas começaram a reclamar sobre isso, e mesmo que ele fosse um quinto membro oficial, essa é a nossa decisão. Mas não é (risos), e se nós sentimos que seja o momento, nós podemos fazê-lo. Por que não? Qual o problema?”

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

816 acessosDemons & Wizards: Schaffer e Kursch trabalham em novo material1896 acessosBlind Guardian: veja capa de disco ao vivo que sai em julho0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Blind Guardian"

HumorHumor
Headbangers adoram o Deus Metal, que adora Hansi Kürsch!

Kai HansenKai Hansen
Escolhendo as dez maiores bandas de metal da Alemanha

Dia do HobbitDia do Hobbit
Algumas bandas influenciadas por Tolkien

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 02 de março de 2015

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Blind Guardian"

HelloweenHelloween
A banda que não soube ser grande

Invisible OrangesInvisible Oranges
Os 5 melhores momentos metal dos filmes

AngraAngra
Bittencourt lamenta que Andre tenha recusado convite

5000 acessosPapa Francisco: Ouça o CD de rock progressivo do pontífice5000 acessosPantera: o segredo da capa de Vulgar Display of Power5000 acessosMetallica: as dez piores segundo a Ultimate Classic Rock5000 acessosOzzy Osbourne: uma garrafa d'água que custou 80 mil5000 acessosDream Theater: Análise vocal de James LaBrie5000 acessosGlen Hughes: sexo, drogas e Rock'n'Roll no Purple

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online