Slayer: divulgada capa e tracklist do tributo só com bandas brasileiras

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Leonardo Daniel Tavares da Silva, Fonte: Armadillo Records
Enviar Correções  

"Brazil Painted Blood... The Brazilian Tribute to Slayer", é o novo (e anunciado como último) tributo da Armadillo Records. Seguindo na trilha dos tributos já lançados ou ainda a lançar (MOTORHEAD, AC/DC, BLACK SABBATH, IRON MAIDEN..., conforme noticiado aqui) e apresenta dois CDs com bandas nacionais de altíssima qualidade apresentando suas versões de canções consagradas de toda a carreira do SLAYER, um dos quartetos mais aclamados do Thrash Metal e influência para inúmeras bandas no mundo inteiro, seja pela agressividade de seus riffs, seja pela temática obscura de suas letras.

Slayer: ex-guitarrista do In Flames homenageia Jeff Hanneman com tatuagemMamonas Assassinas: músicos já sabiam que iam morrer?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Também como nos tributos anteriores, para adquirir a obra, é necessário entrar em contato com a gravadora ou alguma das bandas envolvidas, pois a tiragem será limitadíssima.

As bandas (e suas respectivas homenagens) participantes de mais esse tributo estão listadas abaixo.

CD1

KORZUS - War Ensemble
Vodu - Criminally Insane
Apple Sin - South of Heaven
Endrah - Repentless
Hell's Punch - Stain of Mind
Thunderspell - Tormentor
Hylidae - Chemical Warfare
Tailgunners - Dead Skin Mask
Venomous - Killing Fields
Tosco - Piece by Piece
Patria - At Dawn They Sleep
Carniça - Blood Red
Vulture - Show No Mercy
Burn the Mankind - Dittohead
Obskure - Seasons in the Abyss

CD 2

Leviaethan - Raining Blood
Armum - Postmorten
Siegrid Ingrid - Skeletons of Society
Pagan Throne - Divine Intervention
Uganga - Mandatory Suicide
Genocídio - Kill Again
Aneurose - You Against You
Macumbazilla - Expendable Youth
Andralls - Bloodline
Losna - Hell Awaits
Malefactor - Angel of Death
Bulletback - World Painted Blood
Chaosfear - Love to Hate
Matricidium - Spirit In Black

A capa do tributo é de autoria de Marcelo Vasco, também autor da capa do último álbum de estúdio do Slayer, "Repentless", de 2015. A PATRIA, sua banda, também participa do tributo com uma versão de "At Dawn They Sleep".




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slayer: ex-guitarrista do In Flames homenageia Jeff Hanneman com tatuagemSlayer
Ex-guitarrista do In Flames homenageia Jeff Hanneman com tatuagem

Thrash metal: os 40 melhores discos de estreia segundo o LoudwireThrash metal
Os 40 melhores discos de estreia segundo o Loudwire

Slayer: Pelo que sei, foi o show final, diz Gary HoltSlayer
"Pelo que sei, foi o show final", diz Gary Holt

Lista: álbuns de metal extremo sem uma única música fracaLista
álbuns de metal extremo sem uma única música fraca

Slayer: Esposa de Tom Araya em polêmica envolvendo posts racistasSlayer
Esposa de Tom Araya em polêmica envolvendo posts racistas

Lista: os piores álbuns de 10 bandas brilhantesLista
Os piores álbuns de 10 bandas brilhantes

Lista: os 40 melhores álbuns de metal lançados em 1990 segundo o LoudwireLista
Os 40 melhores álbuns de metal lançados em 1990 segundo o Loudwire

Capas de discos: Iron Maiden, Slayer, Metallica e outros em versão SimpsonsCapas de discos
Iron Maiden, Slayer, Metallica e outros em versão Simpsons

Slayer: Kerry King compra casa em Las Vegas por valor astronômico, diz jornalSlayer
Kerry King compra casa em Las Vegas por valor astronômico, diz jornal

Lista: 50 discos de rock e metal sem uma única música fracaLista
50 discos de rock e metal sem uma única música fraca


Kerry King: se continuar assim, serei obrigado a calar a bocaKerry King
Se continuar assim, serei obrigado a calar a boca

Suicidal Tendencies: Jeff Hanneman era grande fã, diz Dave LombardoSuicidal Tendencies
"Jeff Hanneman era grande fã", diz Dave Lombardo


Mamonas Assassinas: músicos já sabiam que iam morrer?Mamonas Assassinas
Músicos já sabiam que iam morrer?

Separados no nascimento: Geddy Lee e Marquito do RatinhoSeparados no nascimento
Geddy Lee e Marquito do Ratinho


Sobre Leonardo Daniel Tavares da Silva

Daniel Tavares nasceu quando as melhores bandas estavam sobre a Terra (os anos 70), não sabe tocar nenhum instrumento (com exceção de batucar os dedos na mesa do computador ou os pés no chão) e nem sabe que a próxima nota depois do Dó é o Ré, mas é consumidor voraz de música desde quando o cão era menino. Quando adolescente, voltava a pé da escola, economizando o dinheiro para comprar fitas e gravar nelas os seus discos favoritos de metal. Aprendeu a falar inglês pra saber o que o Axl Rose dizia quando sua banda era boa. Gosta de falar dos discos que escuta e procura em seus textos apoiar a cena musical de Fortaleza, cidade onde mora. É apaixonado pela Sílvia Amora (com quem casou após levar fora dela por 13 anos) e pai do João Daniel, de 1 ano (que gosta de dormir ouvindo Iron Maiden).

Mais matérias de Leonardo Daniel Tavares da Silva no Whiplash.Net.

Cli336x280