Axl Rose: jornalistas que o entrevistassem só podiam publicar o que ele aprovasse

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar Correções  

O vocalista Axl Rose, do Guns N' Roses, sempre teve uma relação tumultuada com a imprensa. Em função disso, desde 1992, são raras as entrevistas concedidas pelo cantor, que chegou a lançar uma música, "Get in the Ring", desafiando alguns jornalistas a "caírem no ringue" contra ele.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em entrevista recente ao jornalista Mitch Lafon, transcrita pelo Ultimate Guitar, o ex-empresário do Guns N' Roses, Alan Niven, contou que Axl Rose exigia que cada jornalista responsável por entrevistá-lo assinasse um contrato prévio. Os termos davam direito a Rose ter a palavra final sobre o que seria publicado na matéria.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Niven, que gerenciou o Guns N' Roses entre 1987 e 1991, gostou dessa decisão por um motivo inusitado. "Isso significava que menos pessoas falariam com Axl. Que Deus o abençoe, mas Axl falava mais sobre Axl do que sobre Guns N' Roses", disse.

O manager contou que, nos tempos iniciais do Guns N' Roses, nunca deixava Axl Rose conceder uma entrevista sozinho. "Eu sempre colocava alguém da banda junto, se não a banda inteira, para que o entrevistador ficasse um pouco intimidado. Tipo: se você quiser bancar o espertinho, tente fazer isso com quatro ou cinco pessoas ao mesmo tempo", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em seguida, ele reconheceu que pode ser chato para o artista conceder entrevistas. "No entanto, acho que é responsabilidade da gravadora, do selo e do artista escolher com quem você quer conversar, evitando os idiotas, os espertinhos, os sarcásticos e afins, priorizando aqueles que oferecem uma conversa inteligente", disse.

Barrar o trabalho de um jornalista legítimo, que pode desenvolver uma boa conversa sobre um determinado assunto, também é algo que Alan Niven enxerga com maus olhos. "Acho isso arrogante e absurdo. No fim das contas, é uma atitude de um maníaco por controle, que geralmente têm um grande ego. É uma atitude desprezível", declarou Niven.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O empresário pontua que a escolha por um entrevistado deve priorizar sempre a boa conversa. "No decorrer de uma entrevista e de qualquer conversa, há momentos em que você vai para a esquerda, direita, para cima, para baixo... isso é a beleza de uma entrevista genuína. Você pode voltar com uma pergunta, com uma terceira observação, é assim que deve ser. Caso contrário, não há nada de autêntico", concluiu.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A entrevista com Alan Niven pode ser ouvida a seguir, em inglês e sem legendas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Queen: Estaríamos fazendo música se Freddie estivesse vivo, mas não sei de JohnQueen
"Estaríamos fazendo música se Freddie estivesse vivo, mas não sei de John"

U2: as 10 melhores músicas de todos os tempos da bandaU2
As 10 melhores músicas de todos os tempos da banda


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Goo336 Cli336 Goo336 Goo336 Cli336 Goo336