Matérias Mais Lidas

imagemFilho de Trujillo fez guitarra na "Master of Puppets" que toca em Stranger Things

imagemMetallica em "Stranger Things" deixa fãs preocupados com a "popularização" da banda

imagemKirk Hammett deixa escapar que Metallica pode estar trabalhando em um novo álbum

imagemRob Halford posa para foto ao lado de Paul Stanley

imagemA bizarra exigência de Ace Frehley para participar da última turnê do Kiss

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemTito Falaschi ia entrar no Shaman, e conta porque não deu certo

imagemPink Floyd: Suas 10 músicas mais subvalorizadas, segundo a What Culture

imagemTravis Barker afirma que está muito melhor e que correu risco de vida

imagemSummer Breeze Open Air Brasil acontece em abril de 2023 em São Paulo

imagemLady Gaga: "o Iron Maiden mudou a minha vida!"

imagemO álbum do The Who que Roger Daltrey achou "uma m*rda completa

imagemAvenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

imagemPink Floyd: Gilmour nega alegação de Waters sobre "A Momentary Lapse of Reason"

imagemMax Cavalera revela como "selou a paz" com Tom Araya, vocalista do Slayer


Stamp

Yngwie Malmsteen: por que ele custava a tocar "Bohemian Rhapsody" no Generation Axe

Por Igor Miranda
Fonte: Guitarload
Em 02/01/21

publicidade

O projeto Generation Axe surpreendeu ao reunir Steve Vai, Yngwie Malmsteen, Nuno Bettencourt, Tosin Abasi e Zakk Wylde em uma turnê de guitarristas. Os músicos apresentavam suas próprias músicas e ao fim, costumavam se reunir para tocar uma versão de "Bohemian Rhapsody", do Queen, apenas nas seis cordas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Os vídeos dessa incrível versão viralizaram nas redes sociais durante a turnê. Em 2020, mesmo sem shows, eles repetiram a dose em uma filmagem "estilo quarentena" e fizeram o tal cover com o guitarrista responsável por muito daquilo ali: Brian May.

O que nem todos sabem é que um dos guitarristas mais veteranos do Generation Axe sofreu para tocar suas partes de ‘Bohemian Rhapsody’ nos shows e nessa filmagem. Estamos falando de Yngwie Malmsteen, o intempestivo músico sueco notável pela influência neoclássica em seu estilo.

A revelação foi feita por Tosin Abasi, colega de Malmsteen no projeto, em entrevista ao canal ‘Tone Talk’ no YouTube. As declarações foram transcritas pelo Ultimate Guitar e traduzidas pela Guitarload.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Inicialmente, Abasi relembrou da participação de Brian May para o vídeo "de quarentena" com a versão de ‘Bohemian Rhapsody’ com o Generation Axe. "Brian se juntou a nós para uma espécie de performance de Zoom. Ele filmou e nós juntamos. Ele tocou de verdade e os solos um pouquinho diferentes, ficou muito bom", afirmou.

O arranjo tocado pelo projeto, para cinco guitarras, foi feito na íntegra por Steve Vai. "Na primeira turnê, não a tocávamos porque era muito difícil de tocar perfeitamente com relação às outras que tocávamos juntos. Com o passar do tempo, começamos a tentar, nas passagens de som", disse Tosin.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em seguida, a revelação sobre Yngwie Malmsteen: "Yngwie quase não conseguiu tocar no começo. Nós conseguimos, mas ele dizia: ‘não confio em mim mesmo para tocar a mesma coisa duas vezes’. Ele falava que não conseguia tocar a parte da orquestra. Ainda assim, acabou dando certo".

A entrevista pode ser conferida na íntegra, em inglês e sem legendas, no vídeo a seguir. Outros conteúdos sobre guitarra e guitarristas podem ser acessados na Guitarload, site e revista online.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Airbourne 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.