Matérias Mais Lidas


Fred Castro: "Disseram que fui insensível com Canisso, mas eu estava liberando o corpo"

Por Gustavo Maiato
Postado em 02 de abril de 2024

Em entrevista ao Corredor 5, Fred Castro, ex-baterista do Raimundos, lamentou que muitos fãs o tenham rotulado de insensível na ocasião da morte do baixista Canisso. Isso porque o músico não se pronunciou de maneira incisiva nas redes sociais, mas na verdade ele estava muito abalado e até participou da liberação do corpo de seu amigo.

Raimundos - Mais Novidades

Foto: Reprodução Instagram oficial
Foto: Reprodução Instagram oficial
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"A gente se afastou muito como sociedade. Quem me conhece sabe meu posicionamento, mas fico triste com essa polarização. É um efeito mundial. O ser humano está querendo se afastar. Sempre nos achamos muito legal, mas nunca nos gostamos muito. Tem essa coisa do país tropical, com carnaval. De 2016 para cá isso ficou forte. Passou eleição, vi que não ia mudar.

Por isso me afastei das redes sociais. Veio a pandemia e decidi voltar porque não tinha o que fazer. Me afastei mais quando minha mãe faleceu, em outubro de 2022. Foi no dia da eleição. Tenho que tratar isso em algum momento. Na noite de Natal, nosso produtor PT morreu, foi dormir depois da ceia e não acordou mais. Aí em março o Canisso morre. Precisava de um tempo. Aí entra os haters. Eu estava com minha rede aberta.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Tinha essa mítica que eu e o Canisso estávamos brigados. Posso falar por mim e não por ele. Isso era pelo protagonismo da banda. Falando por mim, não nos odiávamos não. Convivíamos muito. Quando ele faleceu, perdi o chão. Eu estava voltando de um show de Santa Catarina para Curitiba. Aí toca o telefone e é o Digão. Achei que ele queria pedir algo. Ele só ligava para isso. Não queria saber. Não atendi. Ele ligou de novo. Não atendi.

Depois, ligou o Caio, que é baterista do Raimundos e meu dentista. Achei que o Digão tinha pedido para ele ligar. Não atendi. Depois, ligou o Patrick, nosso fotógrafo de Brasília. O Digão não ia ligar para o Patrick para ele me ligar. Aí atendi e ele me disse que o Canisso faleceu. Cheguei no aeroporto e mudei a passagem. Eu já tinha passado pela experiência da morte da minha mãe. Fui para São Paulo, cheguei lá e falei com a esposa dele.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Tinha que resolver um monte de coisa. Fiz a liberação do corpo. Tive um sangramento no olho porque minha pressão subiu muito. Fui explodindo de dentro pra fora. Nessa, respondi amigos na internet. Aí começo a ler que sou insensível porque não tinha colocado homenagem para ele na internet. Disseram que provavelmente eu estaria rindo. Eu estava lá! Não tenho que fazer propaganda do que estou fazendo. Não tenho que postar isso. O que mais preciso fazer?".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Causa da morte de Canisso

O baixista José Henrique Campos, mais conhecido como Canisso, faleceu no dia 13 de março de 2023 após sofrer um infarto. Seu velório foi dois dias depois em Barueri (SP). Ele faleceu aos 57 anos de idade.

"É com imenso pesar que a família Raimundos comunica o falecimento do baixista Canisso, hoje dia 13 de Março de 2023. Para nós, José Henrique Campos Pereira, o eterno Canisso, sempre estará vivo nos nossos corações e na música brasileira. O velório será aberto ao público dia 15/03, das 10h às 16h no Ginásio José Corrêa localizado na avenida Guilherme P. Guglielmo, nº 1000 – Centro – Barueri", escreveu a família na época.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - WHIP
Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Gustavo Maiato

Jornalista, fotógrafo de shows, youtuber e escritor. Ama todos os subgêneros do rock e do heavy metal na mesma medida que ama escrever sobre isso.
Mais matérias de Gustavo Maiato.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS